Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NA FAZENDA DO MEU TIO

Nesse conto...relato o que aconteceu comigo apás o retorno da praia com meu tio e primos...quando me fizeram de sua mulherzinha...apesar do ocorrido continuamos amigos...e sempre que podia ia a casa de meu tio...onde encontrava meus primos e nos divertíamos muito...tanto eles como meu tio evitavam qualquer constrangimento pra mim...temendo que minha tia percebesse alguma coisa e houvesse um rompimento na família...meu tio é muito abonado e tem várias fazendas com plantações e em época de colheita costuma visitá-las até no final de semana...como tenho aula durante a semana costumo ir a casa de meu tio nos sábados e domingos...num desses finais de semana...fui convidado a ir a uma das fazendas com ele e meus primos...prontamente aceitei sabendo o que me esperava...sábado d emanhã bem cedinho já estavam em frente a minha casa..pois estavam ansiosos para chegarem logo a fazenda...enquanto estava indo pro carro...uma D-20 ouvi meu tio dizer a minha mãe que passaríamos a noite lá retornando apenas no domingo...quando entrei no carro...meus primos já me esperavam com seus paus duros e sem calção...sentei entre eles sentindo suas mão na minha bunda...já segurando o pau de ambos...e sorindo pra minha mãe que se despedia de mim na porta de casa...meu tio entrou no carro dizendo que estavam todos com saudades da minha boca e do meu cuzinho...e que passariam o fim de semana me fudendo...tirou seu pau pra fora e pediu que eu desse uma lambida nele fiz isso e pude sentir o quanto estava lubrificado quando afastei minha boca e um fio de gosma ficou entre seu pau e minha língua..assim seguimos até saírmos da rodovia..eles todos com o pau exposto e eu já sem clação sentido as mãos e dedos dos meus primos na minha bundinha...entrando na estada de chão ond ediminui ou quase não existe movimento...meus primos pediram ao meu tio se podiam me fuder...ele então falou...vocês não precisam pedir..ele está aqui pra obedecer e fazer o que vocês quiserem...nisso meu primo mais novo já levou minha cabeça em direção ao seu pau me fazendo engolir o mesmo...enquanto seu irmão ajeitava minha bunda no banco pra conseguir meter no meu cuzinho....o que logo ele conseguiu uma vez que meu cú já estava meio arregaçado pelos seus dedos e seu pau estava muito duro...não demorou muito pra ambos gozarem me enchendo de porra...com os dois satisfeitos meu tio disse que iria me ensinar a dirigir...mandou que eu sentasse em seu colo...sentei acomodando seu pau no meu cú..sentindo entrar até o talo...continuando a viagem e me fudendo apenas com o balanço do carro...fazendo questão de passar pelos buracos da estrada quando então saltávamos no banco e então seu pau saía quese todo entrando com força novamente no meu cú me fazendo gemer enquanto meus primos ficavam rindo...práximo ao portão d eentrada da fazenda ele então parou o carro..desceu do mesmo me posicionando ajoelhado no banco práximo a porta aberta voltando a meter no meu cuzinho até gozar...satisfeito...disse que eu já podia me vestir...chegamos a casa da sede da fazenda e fomos recebidos pelo caseiro e seus filhos....um senhor de seus 60

anos..com filhos de 35...32...25 e uma filha de 19 anos....meu tio se juntou ao caseiro e seus filhos e foram direto pras plantações...ficamos meus primos eu a esposa e a filha do caseiro em casa...eles então disseram pra eu ajudar a dona Júlia (nome fictício) enquanto iriam brincar com a filha do caseiro (piscando os olhos pra mim)...dona Júlia fazia bolinhos e ficava me pedindo pra alcançar a farinha e ovos pra ela...dizendo que sua filha ficava muito contente quando o patrão trazia os filhos e que adorava brincar com eles até tarde...a noite...jantamos e então fomos dormir...fui pro quarto com meus primos enquanto meu tio continuava conversando com o caseiro...no quaro eles me contaram que estavam fudendo a filha do caseiro e que por isso iam me deixar em paz..pra guardar porra pra ela...achei que passaria a noite sem dar...mas logo que as luzes se apagaram meu tio entrou no quarto e me chamou pra cama dele...onde mamei seu pau enchendo minha boca de porra e depois adormeci com ele abraçado em mim...sentindo seu pau amolecer enterrado no meu cu...pouco antes das 4h da madrugada ele me acordou me mandando de volta ao quarto dos meus primos....as 5h todos acordaram e de manhã quando estavam pra ir as palntações...uma das colheitaderas estragou obrigando meu tio e o caseiro a irem até a outra fazenda pra buscar peças sobressalentes...ficaram os filhos do caseiro sem ter o que fazer durante a manhã...bem como meus primos e eu...logo meus primos disseram que iriam levar a filha do caseiro até um açude práximo..pois queriam fuder ela de novo...desceram então ela e os dois até o açude...fiquei eu sem nada pra fazer junto com os filhos do caseiro que começaram a puxar assunto comigo..perguntando se eu não gostava de nadar...disse então que não (menti..pois adoro água)...eles então perguntaram se eu não queia conhecer o galpão onde guardavam a colheitadera e os tratores...falei que adoraria...estavamos todos sem camisa apenas de calção e podia perceber que eles não usavam cuecas..no galpão estava muito quente....e começamos a suar...comecei então a sentir o cheiro de seus corpos...um deles o mais velho me convidou então pra subir na colheitadera...enquanto os outros ficaram deitados nas lonas dentro do galpão...fui primeiro pra escada e fiquei me amarrando pra subir...sendo então empurrado pra cima pela minha bunda...chegando até a direção pedi pra sentar no banco do motorista...ele disse então que teria que sentar no colo dele pois senão não alcançaria a direção...fiquei quieto...ele então sentou no banco e me chamou pra eu colo...continuei parado e ele então gritou vem logo guri...senta logo no meu colo..o que alertou seus irmãos...sentei então no seu colo..e ele começou a mexer no meu quadril pra me deixar bem encaixado...comecei a sentir seu pau endurecer...mas me fiz de santo...ele então começou a levantar minha bunda com seu corpo..dizendo é assim que a colheitadera balança quando está andando...falei nossa como pula e como esse banco é duro...ele então falou no meu ouvido...bem mais duro é algo que vc está sentado em cima...quer ver...já me tirando do colo dele...quando saí..pude ver seu pau duro com a mais da metade exposto fora do calção..ele então disse...vem cá dar uma chupada....fiquei parado novamente e ele gritou de novo...vem logo mamar...eu então me aproximei do seu pau...ele tirou o calção e senti um cheiro muito forte de urina e suor..fiquei meio enojado..poisvi que ele não lavava muito bem seu pau..quiz recuar mas ele segurou minha cabeça e começou a esfregar seu pau na minha cara até que eu abri a boca...recebendo seu cacete na minha garganta com um gosto muito forte que eu nunca havia sentido..ele então começou a bombar na minha boca...foi quando senti mãos alizando minha bunda...seus irmão tinham vindo ver o porque dos gritos....disseram então...vamos levar ele pra lona...me tiraram da colheitadera...e enquanto um fechava a porta do galpão os outros tiravam meu calção e começavam a me lamber todo dizendo..como ele é limpinho..que cheiro bom...seus paus eram enormes e todos muito sujos...me ajoelharam e me fizeram mamar todos eles...o mais velho então disse...vamos ver se ele aguenta agora no cuzinho...pedi chorando que parassem...mas me puseram de 4...cuspiram na minha bunda...esfregaram seu cuspe no meu cuzinho...depois cuspiram em seus paus e se posicionaram atrás de mim...senti então a cabeçona do pau do mais velho forçar minhas pregas e suas mão forçarem minha bunda de encontro a seu quadril...vi estrelas quando passou a cabeça...e logo em seguida suas bolas tocaram minhas nádegas...os outros riram e disseram...ele já deve dar o cuzinho..pois ficou quieto e nem chorou reclamando...o mais velho enterrado no meu cú disse vou te encher de leite minha puta...depois de 19 min bombando...eu sentindo seu suor escorrer nas minhas costas...ele urrou e então senti a cabeça de seu pau aumentar dentro de mim e seus espasmos de ejaculação..acho que ele esporrou umas cinco vezes...tirou seu pau ainda melado do meu cú...cedendo a posição pra seu irmão..que meteu sem dificudade...ele então veio até meu rosto e me fez limpar seu pau na minha boca...novamente fiquei enjoado...mas me contive pra não vomitar mantendo seu pau na minha boca...mais 15min se passaram e senti novamente um pau aumenteando dentro de mim com novas esporradas...o outro tirou o pau.. sendo então vez do mais novo...que já estava explodindo de tesão...se ajoelhou atrás de mim e mete com tamanha força que me contive pra não chorar e ouvi seu irmão dizer sorrindo..vai com calma senão vai resgar o guri...nisso o que tinha tirado o pau de mim já estava esfregando ele na minha boca..dizendo pra eu limpá-lo...seu pau estava todo melecado de porra..fezes e um pouco de sangue..o que me fez nausear na hora que ele entrou na minha boca...dessa vez não me contive e acabei vomitando...o que provocou contrações do meu cuzinho e fez com que o mais novo que estava fudendo adorasse a sensação....levando ele a gozar intensamente no meu cu...quando ele tirou seu pau..a porra começou a escorrer na minha perna...veio ele então até minha boca...pedi que não me obrigasse a limpá-lo...pois estava ainda mais sujo que do seu irmão...novamente não fui atendido e recebi aquele pau imundo na minha boca...me fazendo vomitar novamente...quando estavam se preparando pra me fuder novamente ouviram a voz de seu pai chegando e então me deixarem no galpão e sairam...a tarde tiveram que trabalhar...meu tio teve que ajudá-los ficando indignado pois não pode me fuder como ele queria...voltamos pra casa a tardinha e no caminho tive que chupar meu tio enquanto ele dirigia....pra minha sorte meus primos não quiseram me fuder..pois veriam meu cu arrombado...me deixaram em casa...e na saíd pude ouvir meu tio dizendo que eu tinha me comportado e por isso me llevaria com ele novamente no práximo final de semana...minha mãe agradeceu e confirmou a minha ida...mas esse é outro conto...me escrevam...e se estiverem no Rio Grande do Sul...afim de um cuzinho na real vou adorar dar de novo...meu e-mail é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


acampamento com aluninhas 2 contos eroticoscontos a devassa do analcontos erotico meu cunhado e meu sogro me estuprarammulher pois o marido a xupae o travestecontos meu pai mi deu de presente pro negao picudo mi foder todacasadas que postam fotos de itanhaemvideo de porno com machos a força brutamenetegordinho cagando na vara conto eroticoscontos eroticos arrombando a gordafui pintar a casa da minha cunhada com ela e minha esposa e o marido dela cantos eroticostrs com minha tia no banheiroContos eroticos de meninas estupradas.Chupari caralho du cunhadocontos eroticos arrombando a gordamamae levou meus amigos pra acampar contos eroticosinfância;contos eróticos;enrabadoconto no mato espiando a filha tomar banho no riuconto erotico o sogroo comedor do casal contocontos dei sonifero e comi o cu pornona praia com amiga da minha mulher conto eroticocontos eróticos casais com exrelatos eroticos romanticocontos eroticos arrombando a gordaconto: enrabado e mamando outrocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadostanguinhas molhadas contos eroticos reaiscontos fui fodida pelo meu pai betinhacontos mordidinha na bucetacontos eroticos meu tio meu amante casa de vovoContos eroticos me rasguecontos mamae piscina bronzeador bikinicontos eróticos o amigo do meu filho traiçãovideo para baixa de porno home com olho vexadoconto erotico incesto baba pervertidasconto de mulher que se masturbafudendo com outro contosassistir agora porno alargador de buceta pica grossa e enormeConto o zelador e meninoMamaes boqueteiras contoseroticosquero ver vídeo pornô vários anões bem cafetão bem grosso metendo na naminha prima malcriada contover contos eroticos de empresarios comendo o cu de empregadolésbicas ninfetas comendo peitorais de travestiscontos eroticos de negros em hospitaisa calcinha toda travada no rabotroca troca de homens adultos contoscontos de casada rabuda fiel e fogosa cantadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteEu Bêbado e Ela Se Aproveitou Contos Eróticosminha prima chupou meu pau virgem contosconto gemendo no pau do pone taradocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecristine putinha desde movinha contos eroticoscontos eroticos ele me deixa louca quando se maaturbaContos.eroticos.crentizinha.abusada.no.cuzinhocontos eroticos irmão arrependidoachei que era uma mulherao mas era um travecao que me enganou e socou no meu rabinhocontos eroticos hospital a tiaContos de sexo... A mini saia mal cobria a bunda deladeixamos ela bebada e comemos gostosocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos bi fui espia meu tio fuder minha tia e dei pro titio com minha tia assistindocontos bdsm erposas escrava submissa martanei dei uma sentads que u filhor da puta gozacantos eroticos dei o cuzao para meu filhoamigo do meu marido dano de bom frenre dele e mim chatagiado contos eroticoContos eroticos negra entiada comi mae filhacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos incsetos pais e g filhos transamconto erotico tarado comendo buceta da cabrita no.zoofiliacontos eróticos coroas lindas