Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESCRAVA LÉSBICA

ESCRAVA LÉSBICA



Sou uma mulher, lésbica, solteira de 23 anos e sempre gostei de práticas SM. A seguir, relato uma das melhores fantasias que já realizei.

Em um começo de noite de uma sexta-feira, uma amiga minha me ligou dizendo que iria me pegar para jantarmos juntas na casa dela. Mais tarde ela chegou e fomos ao seu apartamento. Sentada na sala, a minha amiga (que vou chamar de Julia) foi até o quarto, quando ela voltou, para minha surpresa ela estava acompanhada com mais 3 amigas (Mariana, Laura e Amanda). Não entendi a surpresa, mas de repente a Júlia diz:

- Você vai ser a festa hoje... levante e tire a roupa.

Não entendendo nada, eu fiz que iria embora. Neste momento elas todas me pegam e já tapam minha boca com uma fita tape e colocam um capuz em mim, fazendo com que não possa ver nem falar. Me imobilizaram usando a força e acabaram me deixando nua. Neste momento fiquei com medo, sem saber o que iria acontecer. Me levaram para o quarto e me amarram na cama em forma de X. Fiquei ali, exposta, nua e indefesa. Comecei a me debater e a tentar gritar... foi em vão, logo em seguida começaram as chicotadas pelos corpo:

- Esta vendo Carol (eu), eu disse que você seria festa, agora vai pagar por isso. Disse Júlia.

Começaram a passar as mãos por mim e começaram a me chupar, chuparam meus pés, coxas, barriga, seios pescoço... fizeram uma pausa e começaram a chupar minha bucetinha, chuparam muito... neste momento eu já sentia uma mistura de medo e prazer. Colocaram um consolo na minha bucetinha e ficaram me fodendo por horas. Pararam novamente e senti um calor perto do meu rosto... em seguida senti as gotas de uma vela pingarem sobre meus seios, depois barriga, coxas e pés... tiraram a cera com as unhas me deixando toda dolorida e marcada.

- Esta na hora de virar o nosso brinquedo, disse Laura.

E assim fizeram, me viraram e colocaram uma almofada na minha barriga me deixando na posição de 4 com a bunda bastante empinada. Fiquei nervosa, pois até então meu cuzinho era virgem. Senti elas começarem a passar um gel na minha bunda. Me desesperei. Neste momento Júlia resolveu tirar o capuz e a fita.

- Tirei sua fita, mas se você incomodar terei que coloca-la novamente, disse Júlia.

- Por favor Júlia, sou virgem atrás e não gostaria que fizesse nada. Neste momento senti que não foi bom ter dito isso. Elas se olharam sentindo ainda mais prazer em penetrar pela primeira vez em um verdadeiro cuzinho... Passaram mais gel e começaram enfiando os dedos...

- Parem, por favor... faço o que quiserem, menos isso...

Em vão, para mim ficar quieta, botaram a fita na minha boca novamente e começaram a foder meu cuzinho com os dedos... em seguida veio um vibrador que entrou rasgando a minha virgindade. Comecei a chorar e ela cada vez mais forte... Elas riam muito e realmente me trataram como seu brinquedo... Depois que todas brincaram elas saíram do quarto e me deixaram lá... nua, dolorida e amarrada.... Mais tarde voltaram e disseram que agora elas queriam rir um pouco da minha humilhação. Me levaram até o corredor do prédio e me amarraram ao corrimão do corredor (totalmente nua e com a boca tapada), deixaram uma mão solta e disseram que uma cápia da chave da casa estava no outro andar que eu teria que me soltar, buscar a chave para sá depois poder entrar... Fiquei nervosa pois sabia que a qualquer momento poderia aparecer alguém no prédio... Elas fecharam a porta, ficou tudo escuro no corredor. Desesperada comecei a tentar me soltar, apás alguns minutos eu consegui, subi no outro andar para procurar a chave, mas para isso precisei acender a luz, achei em cima de um tapete e votei... Com sorte consegui entrar no apartamento antes que alguém me visse. Ao entrar todas estavam nuas sentadas no sofá.

- Muito bem Carol, você agora terá que chupar os pés de cada uma senão será castigada. E assim foi, nua pelo chão chupei os pés de uma por uma. No final disseram que teria que chupar as bucetinhas de cada uma e depois de olhos vendados teria que adivinhar cada uma. Na penúltima eu tive o azar de errar, foi aí então que veio o outro castigo...

Se você é uma mulher, escrava ou Rainha e gostou da minha histária ou quer saber o final, me escreva, estou a procura de novos relacionamentos.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto porno eu meu marido minha filha e o mendigoduas munhe vai calvaga i da pra a cavalo fude ate goza zooldei para um mendigo conto eroticocontos eróticos fode ai rebola vadia isso abre isso aí que pau grandecontos eroticos pai filha e genroamiguinha da minha filha me chupoucontos o boquete no novinho no onibuscontos minha irma foi meu rolaomama direito vadia csralhoWwwloira casada negro da borracharia na casa dos contoscontos sogra ajudandobuceta carnuda comtos de sexotravesti Juliana de primo metendoContos eróticos arrombei a linda noiva santinha do meu vizinho ciumentocasada rabuda se exinbindo de fio pra amigos amigos contoscontos erotiko sou coroa loira meu carro quebro na estradacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos casada fudeno com negao eo marido vendocontos pai chupando filhacontos eróticos mostrei meu saco p minha maecontos eróticos da casa da irmã queridacasa dos contos meus primos mecontos sexo dividindo o casamento e a camavedio de puliciais revistando os bonitois e chupando o pau deliscomi veterin¨¢ria contos eroticoseróticos ah ah aaaah chupa a minha bucetinha vai ah deliciacontos porno minha filha so de sainha em casa"muito aberto" gay contoconto corno calcinhacondos erodicos vizinho lindocontos eroticos casa invadida por ladroescontos evangélicamulher tranzndo com ponei realcontos eroticos recentes de assalto com estruposgozei no copo e dei pra minha tia bebeu contoscontis eroticos comendo meu amigo bebadoConto minha esposa dando pro policialcontos eróticos vovó transando com jumentotraiminha namorada com o pau na cara contos relatos estorias eriticosconto erotico de tia coroa negra gostosacontos gay treinadorcontos eróticos bem apimentado de depravadoconto tio e a moça sozinhos no quarto em casaMamaes boqueteiras contoseroticoscontos mulher baixinha e arrombadaconto gay tio da perua escolarconto gay pirocudo da academiameu cao taradocontos de tirador de cabaçohomen dotado arronba cu rapaz de programatica cuzinho piscando na camirmã irmão estudando lá no exterior não tinha feito ela com tesão ele com tesão meteu a rola nela bem gostosofiquei de 4 e ele montou socando xingandoconto familia da esposa nudistacache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html minha priminha titio contos eróticoscontos eroticos arrombando a gordacontos sobrinha novinha banhocotos eroticos irmazinha cagado grosocontos minha filha 11aninhoscdzinha passiva. viciada em sexo contoconto erotico velha no cio dando buceta pro cachorroMeu irmão mandou eu deitar com eleNo motel os dois cabaços das duas amigas da minha filha conto eroticotirando uma sarradinha mas cunhadinhacontostesudosmeu tio me dava a mamadeiraseu madruga coloca pau no cu da dona florindaContos gay pau com paucomprei a Cristina da mãe bêbada contos eróticosporno idoido na purberdadeCasada narra conto dando o cuKl contis eroticos com pastor da a minha igrejaconto erotico na orgia com sogroConto erotico no sitio casa de dois comodosconto erotici gay dano cu no dia da greves dos motoristo de onibus gay casado