Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA FODA INESPERADA!

Olá meu nome é Paulo, e vou contar aqui uma historia que aconteceu comigo não faz muito tempo. Sou moreno 1,83 e 82 kg, não sou sarado, mas tenho boa presença e me considero charmoso. O relato feito aqui aconteceu por meados do mês de outubro. Por motivos ábvios, não vou dar nome real da pessoa envolvida, mas tenham bem em mente que o q aconteceu foi real!

Um dia eu estava andando numa loja setorista (esplanada) com duas amigas minha, na hora do almoço. Estava procurando um jogo de cama para mim e um tapete para uma dessas amigas, já que ela estava montando a casa dela, pois estava em vias de se casar.

Em um determinado momento, meu telefone tocou e eu atendi. Era minha mãe, Sim isso é importante, eu sou paulista e moro em João pessoa na Paraíba.Ela queria saber como estavam as coisas e se eu estava bem. Preocupação natural de mãe em seu filho que há tanto tempo está longe dela. Conversa vai e conversa vem, passou por mim uma morena, vou chamá-la apenas de Paula, em alusão ao meu práprio nome. Morena baixinha, tenha um rosto não muito bonito, mas a cintura fina e uma bunda bem redondinha e empinada, seios durinhos, e um olhar meigo, quase infantil.

Na hora que ela passou por mim, fiz o movimento natural de qualquer homem, virei e dei uma olhada na bela bunda que ela tinha. Ela olhou pra trás e fez cara de quem não gostou, mas isso não me impediu, continuei a falar ao telefone, e olhar descaradamente. Ela deu a volta e olhou uma outra coisa e desceu a escada que estava entre nás. Nisso ela me olhou, e continuou com a mesma expressão, mas eu senti que no fundo ela gostou, nisso minha amiga veio falar comigo e pedir minha opinião, confesso que ela ficou a ver navios, pois nem atenção dei a ela, e fui ao encontro da Paula. Fiz um psiu, ela parou e pedir para ela esperar, quando eu me aproximei dela, inventei uma historia qualquer, se nos conhecíamos de algum lugar, e ela entrando no meu jogo, perguntou se eu não estudei no cefet.Disse que sim, que tinha feito geo-processamento lá (mentira), e ela parecendo satisfeita com minha resposta, se soltou.A convidei pra tomar um suco pra colocarmos os “papos” em dia, e ela prontamente aceitou.

Conversamos um pouco e ela me disse que tinha que ir embora, pois tinha de trabalhar, eu a levei até o ponto de ônibus, e trocamos telefone. Ela me perguntou se eu namorava e eu disse q sim, (mulheres gostam da honestidade), mas que passava por problemas e que não tinha certeza se iria durar muito tempo.Ela falou que tinha um rolo mas que estava em vias de acabar.Ela exitou um pouco, quando fiz que ia beija-la, falou que não era certo, que não tinha nem uma hora que nos conhecemos, mas ela aceitou.Quando eu a beijei, peguei no seu pescoço, pra dar aquela pegada, que mulher diz gostar no homem, e na mesma hora ela gemeu!Bom pra quem está se fazendo de santinha, gemer na primeira pegada, era um bom sinal pra mim.

Ela foi embora, e marcamos de nos ver depois de dois dias, ai as coisas já começaram a ficarem quentes, beijos longos, amassos em publico, eu passando a mão no corpo dela, e tudo mais. E toda vez que eu a pegava com força ela gemia, e isso me deixava louco.

Trocamos também MSN, e ela comprou uma webcam pra eu poder vê-la, pedido meu, pq eu tinha e não achava justo sá ela me ver e eu não poder também.

Quando ela comprou, comecei a mandar mostrar o seu corpo, ela fazia varias vezes, tocava siririca pra mim, abria bem a bunda e mostrava seu cuzinho apertado, e chupava o dedo toda vez que eu tocava uma punheta pra ela.Ela pedia pra eu gozar e mostrar pra ela, mas eu sempre me neguei, pq dizia q eu não ia desperdiçar o meu gozo na mão ou coisa do tipo, tinha que ser pra ela.Quando eu falava isso, ela fazia varias caras, e enfiava o dedo na buceta doce dela. Uma coisa importante, eu fiz ela me prometer que quando estivéssemos juntos, ela não iria se fazer de rogada e me daria todo o que eu pedisse. E ela prometeu.

Não estava aguentando mais, e marquei com ela de irmos ao motel, iria dar um perdido no trabalho, e principalmente na minha namorada, que é jogo duro, e ela não iria trabalhar na sexta, pois é estagiaria, e não trabalha todos os dias.

Chegou sexta-feira e não aguentava mais de excitação, mal dormi a noite, pensando naquela bunda redondinha. Como nada é fácil, minha namorada resolveu passar o dia estudando na minha casa, e isso era péssimo, pq ela com certeza iria me ligar mais vezes do que costuma, ela até mesmo perguntou se não podia ir comigo e ficar estudando no carro. Como eu trabalho com prestação de serviços ela já foi varias vezes comigo. Disse que não, que tinha alguns clientes que iriam demorar. Ela brigou comigo, mas dada à situação, nem liguei, dei um beijo sem graça e fui buscar a Paula, onde ela me encontrou em frente a loja que nos conhecemos, ela não era muito sensual, sua roupas eram simples, mas eu sá fiz um pedido. Que ela usasse um fio dental. Não via a hora de ver aquele rabo gostoso, sendo dividido por uma tira de pano.

Quando eu a encontrei, ela tremia, de nervoso, de tesão, eu dei um beijo bem gostoso nela e disse q eu também estava um pouco e que isso era normal.A verdade é que eu estava mesmo, Imaginei por uma semana como seria comer aquela mulher, com 22 anos, e um cú apertadinho.Passei em uma farmácia e comprei camisinha, quando eu cheguei no carro, mandei ela segurar o pacote, ela curiosa, abriu e olhou. Perguntou-me onde estava o lubrificante, mas falei pra ela relaxar.

Quando chegamos ao motel, Pigalle é o nome, escolhi uma suíte simples, e fomos lá ela subiu primeiro.

Mandei-a tomar um banho e relaxar. Quando ela saiu do banheiro foi a minha vez, quando voltei. Ela estava me esperando trocamos um beijo bem gostoso, e falei: agora finalmente vc vai ser minha e peguei-a pelos cabelos e beijei com muito desejo. Ela gemeu...: Aiiii... Não faz assim que eu fico louca... Eu disse,,..isso ñ é nada perto do que vou fazer com vc...

Fomos nos beijando e tirando a roupa...deixei ela sá de calcinha.Calcinha essa que era pequena, mas não fio dental,Reclamei e ela disse que era a mais curta que eu tinha...Disse q ela iria me pagar pela mancada.E dei uma mordida bem gostosa na bunda dela.Ela gritou e gemeu como eu nunca tinha visto alguém fazer. Fui beijando ela, e cheguei aos peitos, bem durinhos e gostosos, com os bico duros, parecendo que iriam estourar de tanto tesão...mamei gostoso, até ela quase gozar, ai fui descendo e cheguei na buceta dela.Que buceta deliciosa.Mandei ela deixar bem lisinha, sá com os pelinhos na testinha, mandei ela aparar todo...falei que ficaria zangado se eu visse um pelo no lugar errado...e nisso ela não me decepcionou. Seu cú parecia algo que nunca teve um pêlo, estava liso, lindo. Assim como akela buceta suculenta. Cai de boca e comecei a xupar feito um louco, enfiava a língua, passava pelo clitáris, e ela gritava. Empurrava minha cara, queria me enfiar literalmente dentro dela. Eu fazia movimento circular e chupava o maximo aquele gozo doce que ela despejou em minha boca.Ela levantou e eu me deitei, ela veio esfregar aquela buceta na minha cara, quase me afogava, mas eu não parava de enfiar a língua na sua xana deliciosa. Mandei-a ficar tipo agachada, porem sentada na minha cara, e comecei a lamber aquele cú delicioso. Nisso eu segurava em sua bunda e senti-a arrepiar e tremer... Enfiava o maximo que podia, e ela gemia feito uma cadela no cio.

Mandei ela se sentar, minha cueca tava explodindo, então tirei meu pau pra fora, ele não é muito grande não, tem 19 cm, mas tem uma cabeça bem rosada. Quando ela olhou, me disse com o tesão do cão nos olhos que não via a hora de me chupar e começou a mamar feito uma bezerra. Ela chupava a cabeça lambia o meu saco, chupava como se fosse a ultima coisa q faria na vida. Eu pensei q ela fosse arrancar... Mandei-a ter calma, e disse, já que vc gosta tanto dele, vou coloca-lo todo em vc, ai ela me disse, mas eu ainda nem chupei direito”...eu falei, mas vai chupar, mandei ela relaxar, e comecei a bombar o meu pau na boca dela, entrava quase todo mas não ia até o final, mandei relaxar novamente e comecei a forçar a garganta dela, e de repente ela começa a engasgar e a babar pelos cantos da boca e dizendo que não entra mais q aquilo.Eu disse: entra sim...vc vai ver q entra...e mandei ela deitar com a cabeça pra fora da cama, mandei ela xupar o meu saco, e fexar os olhos, ela mamava nas minhas bolas q não queria q parar. Quando ela abriu a boca pra tomar ar, eu direcionei o pau pra boca dela e enterrei até o fim...ela sufocou um pouco mas eu não tirei...mandei ela ter calma q eu não ia tirar e q respirasse pelo nariz. Ela babava e fazia parecer q iria vomitar mas aos poucos ela foi conseguindo respirar e eu comecei a bombar.tirava e colocava o pau todo na boca dela...e ela babava...e enfiava o dedo na buceta...fiquei nisso por alguns minutos, quando resolvi partir pro que eu realmente queria.quando ela levantou escorreu baba pelo seu corpo todo...mandei ela sentar e eu com o meu pau passava na baba e colocava de volta na boca dela. E mandava ela engolir. E ela assim fazia. Quando estava implorando pra sentir o meu pau...atendi o seu pedido,coloquei ela na posição de frango assado e soquei de uma vez, ela deu um grito abafado e parecia q iria desmaiar...mas ai eu soquei com mais força ainda e ela despertou...metia devagar as vezes, depois socava com a maior força q eu tinha...era uma delicia...meu pau estalava dentro dela...sentia seu útero com a ponta do meu pau...botei ela de quatro e enfiei por uns 20 minutos, as vezes parava e dava pra ela chupar...saia todo melado...ela já havia gozado pelo menos umas duas vezes...e eu me matando pra não explodir...comi muito ela...

Mas não estava satisfeito...ela me disse q tava cansada...mas eu falei...o q eu quero vc ainda não deu...e comecei a bolinar o seu cuzinho...ela tentou tirar a minha mão...e admitiu q sá tava blefando...que não tinha dado o cú antes e que nem daria...pq ela não achava que seria gostoso...Eu falei que tudo bem...e disse...vc quer que eu goze???Ela falou sim... Me dá o seu leitinho na minha boca....pois eu to com fome...preciso dele!!!!Eu falei então ta certo...soquei com mais força...e ela gritava...gozou novamente...e eu me segurando...comecei a bolinar o seu cuzinho enquanto ela estava de 4...e enpurrei o polegar...ela deu um daqueles gemidos deliciosos...e eu falei...ta vendo...vc gosta...do dedinho...vai gostar do meu dedão também,...ela riu mas disse q não...Não imaginava ir embora sem comer aquele cú...então eu tirei o pau pra fora e comecei a me masturbar dizendo que eu queria pelo menos gozar um pouco na bunda dela...ela falou q queria tomar o leite dela...mas eu disse q daria mais em outro momento...Ela topou...fiz q eu tirei a camisinha...e fui mexendo nele...ela começou a rebolar...e eu mandei...pisca o seu cuzinho...não vou poder come-lo mas pelo menos finge pra mim q vc estava atolada por ele...e ela começou a piscar...e o cuzinho dela...contraia e abria...numa dessas aberturas dele..eu mandei...isso...faz assim que eu vou gozar...ela forçou o cuzinho pra fora e ele dilatou...apontei o meu pau nele...e enfiei com toda a força....ele entrou rasgando...ela fez menção de se jogar pra frente...mas eu deitei por cima...e com o pau atolado...meti com força...ela não tinha pra onde correr...chorou um pouco...mas eu disse pra ela acalmar...q daqui a pouco ela relaxava...ela foi acalmando e pedindo pra eu enfiar mais devagar...eu atendi...e socava até o meu saco bater na sua buceta...ela adorou...pediu pra sentar em cima...e cavalgou como uma profissional...disse q não sabia q era tão gostoso ser fodida no cú...mas que não ia negar mais...botei ela novamente de 4 e soquei enquanto minhas forçar aguentaram...ai mandei ela virar...e se ajoelhar q eu iria dar o q ela tanto queria...tirei a camisinha e coloquei pau na linguinha dela...q a essa hr tava pra fora pedindo pra ser saciada...e gozei...gozei tanto q ele engasgou...mas ela não deixou escapar uma gota...ela lambeu até meu pé...pois quando ela engasgou...uma gota escorreu...

Saciados fomos pro banho...lavei ela e ela me lavou...e pude perceber como o seu cú estava vermelho e delatado...mas ela fez algo que eu não acreditei...enfiou o dedo no cú e chupou...e falou...Da práxima vez...eu quero q vc me coma sem camisinha...eu vejo nos filmes...as meninas chupando do práprio cú...e agora eu to morrendo de vontade de fazer igual...eu olhei com cara de espanto...e sorri...e falei ta certo...vou realizar o seu sonho...terminamos o banho e fomos comer...depois que tudo estava ajeitado para irmos...ela se abaixou pra ir pegar o sapato...eu vi aquele rabo de novo...e disse...abaixa a calça...ela me olhou estranha e disse...o q? Eu repeti... e então ela cismada abaixou...peguei um pouco de saliva...e passei no cu dela...e fiz o mesmo com o meu pau...passei na buceta dela...sem camisinha mesmo...e enfiei...ela gritou...e começou a lubrificar com o seu gozo meu pau...entaum numa socada sá...arrombei o seu cu...enfiei ate o saco...por ele estar ainda dilatado...não teve mto trabalho pra aconchegar o meu membro...ai depois de socar algumas vezes sem camisinha msm...e ela gritando...eu mandei ela ajoelhar...e me chupar...ela quis dizer q tinha se arrependido do que tinha dito no chuveiro...mas eu não quis nem saber...no q ela virou...segurei a boca dela...e forcei a entrada....ela tentou fugir...e eu disse...vc mandou eu socar no seu cu sem camisinha pra vc realizar seu sonho...agora vc não quer???ela tentava fugir...mas eu prendi a respiração do nariz dela...e ela teve q abrir a boca pra tomar fôlego. Foi nessa hr...q eu enterrei...ela assustou...pq foi bater na garganta...mas ai ela sentiu o gosto...e viu q era akilo msm que queria...e mamou instantaneamente...passei alguns minutos assim...e avisei q iria gozar...de repente ela parou e disse...nao goza na minha boca...gosa no meu cu...e virou...eu enfiei o pau e gozei q pensei q fosse cair pra trás...minha pernas fraquejaram...que delicia!!!!!

Ela enfiou um dedo no cu...e lambuzou com a minha porra e levou a boca...xupou e disse...q maravilha era assim msm que axava que era...vou deixar o resto no meu cu...pra eu xegar em casa e continuar a aproveitar...Nunka imaginei que ela fosse tão safada...mas foi perfeito...nao acreditei no que ela disse...soh quando ela me mandou uma foto no msn com as pernas abertas e com a mãe embaixo deixando escorrer a porra que eu havia jorrado nela...

Deixei ela na parada e fui correndo pra casa...perdemos contato...pq ela disse q queria que me separasse da minha namorada...pq ela tava apaixonada...isso faz alguns meses...e ainda tenho ela como amiga no msn...quem sabe um dia não como o seu cu de novo???Se alguma mulher quiser conversar comigo pelo msn...é soh me [email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos depois de velha fui arrombadaContos erotecos de estrupo dentro do baile funkcontos etoticos meu marido faz eu dar para trasseContos eroticos novinha estuprada pelo borracheirom insinuei e fui estrupada e gostei muito contos eroticosmeu pau doeu quando comi o cuconto erotico incesto sonifero filhamulheres lindas de cornos na minha casaContos de zoofilia: na fazenda com 6 dogs gigantesporno contos eroticos filhinhas enrabadasconto de moçinhas inocentescontos eroticos com mae e tia dando cucontos minha esposa e as gemeascontos sexo incesto amo meu filhocheirei o fundinho da calcinha usada da minha tia safada contoscontos de coroa com novinhocontos bebe safadacontos eróticos curtos de gay dando pro cachorrãocontos de amiga da filhaconto erorico dando a buceta pro meu genro doentevídeos de lésbicas com grandes mentes se massageandoconto gay filho ve o pai com o pau duro e perguta o que a quinlocontos de coroa com novinhoChiquinha gostosa melada de tesãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico incesto baba pervertidascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos minha mae e uma safada e meu pai um corno liberalcontos eroticos gay dei o cu quando era pequenomae mijando tesao contoscontos eroticos de manausa calcinha toda travada no rabocontos eroticos deixei o meu cunhado gozar na minha bocacomo fuder com banana verdecontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescariacontos eroticos garotinha dormindo no colo do padrinho de pijaminhaContos eroticos minha esposa rabudaContos eroticos chupando peito casais amigosContos recebido de sainha sem calcinha clientecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto sexo dormi casa namoradacontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico mamando nos peitos cheio de maninhacontos de coroa com novinhocontos fudendo com priminhs de dose snosatolando pau grosso nas.vellinhasminha xereca consando na rua contos eroticosContos o negão dormiu na minha casaconto erotco mendigopone encaxa tudo na morenaSexu.com.busetas.de.7anusconto erótico meu marido bobãopegando hetero casado conto gayconto erotico sobrinho fudeu minha esposacontos eroticosnegao dotadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eróticos à força de negros brutoscontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos na plantaçãocontos eroticos ccb viuvas safadasconto cdzinhadirigindo sem calcinha contoscontos eroticos espiando a sograsexo contos deposito de porracontos comi a colega da minha prima a martinha.contos de incestos na madrugada ele se encaixou em mimnovinhas na seca se alivio se masturbandotereza okinawa pornocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erótico homem castradocontos eroticos dando pra o jumentocontos sexo minha sogra sua amigacontos casada fode com amigo do mundoquando era pequena mamava na pica do meu tioContos eroticos/dp com a ninfetinhamulheres com dhorte branquinho com cuzaodei com muito amor conto separacao