Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NAMORADA É BOM...SOGRA É MELHOR AINDA

Trepa é bom mas com a sogra é melhor ainda

Olá, vou descrver como foi esta trepada que ninguem pensa que um dia vai acontecer...Minha namorada é filha unica o pai tem farmacia em duas cidades diferentes por isso de quarta e as vezes ao sabado, ele ia pra outra cidade pra ver como as coisas estavam. Como moro em outra cidade depois de um tempo de namoro comecei a passar os fins de semana na casa da minha namorada. Mas sempre dormia num quarto e ela no outro. Mesmo assim, nada impedia a gente de transar. Minha namorada sempre teve ciumes de sua mãe, Cristina, que sempre chamei de Tia Cris. Talvez por sua mãe ser mais magra que ela e ter umas coxas e bunda deliciosas. Os peitos não são grandes mas, são bicudinhos. Sua mãe nunca se incomodou com a minha presença, usava roupas normais, sá de noite que gostava de usar camisolas curtas. Minha namorada não deixava ela andar sem roupão quando ela usava camisolas, na minha frente. Como as roupas de farmaceutica são brancas, sempre notava a bunda da Tia Cris. Nossa que delicia !!!As vezes ela usava decote, os peitos eram pequenos mas o colo cheio de sardinhas, tambem me chamavam atenção. Sempre que voltava das saidas com minha namorada, tia Cris estava de camisola na sala assistindo televisão, aí podia ver suas pernas...Lindas !!! As vezes tia Cris reclamava que de sábado seu marido chegava tarde, trabalhava demais e ela queria poder curtir a noite de sábado como eu e sua filha. Uma noite de sábado, minha namorada estava gripada e tinha tomada um remedio que a deixara com sono e foi dormir.Tia Cris e eu, ficamos na cozinha conversando. Ela me falou dos problemas da familia, reclamou um pouco do marido. Quando deu meia noite ela disse que iria dormir. Fomos até a janela da sala ver se seu marido tinha chegado, mas não tinha. Quando estavamos saindo da sala, ela deu uma abaixadinha matadora pra pegar um pedaçinho de papel e pude ver sua bunda. A calcinha era pequena, fiquei loko de tesão. Depois desse dia pensei em um jeito de poder ve-la melhor. Como a farmacia ficava em baixo da casa, sempre que chegava, não fazia barulho, pois as portas ficavam aberta. Entrava pela cozinha devagar. Varias vezes, na epoca de calor, consegui ve-la sá de calcinha assistindo TV. Mas sá isso não bastava tinha que ver mais. No Guaruja consegui progressos. O vitro do banheiro não era muito alto e ficava bem de frente para um corredor onde paravamos os carros. Um dia enquanto ela tomava banho e minha namorada fazia o jantar, com o pretexto de estar mexendo no carro, subi no banco de trás e quase derrubando a porta do carro, vi sá a parte de cima da tia Cris. Que seios bicudos !!! Foi rápido mas funcionou. No dia seguinte na praia do Tombo, que pelo nome já dá pra saber que as ondas são fortes, Tia Cris entrou na agua comigo e minha namorada. Num certo momento, ela não conseguiu se segurar e veio de costas pra mim, jogada por uma onda, raspando toda aquela bunda no meu pau. Já de volta na casa dela, todo domingo iamos na igreja de manhã. Minha namorada costumava me acordar, ainda enrolada na toalha, depois do banho. Quando eu acordava antes dela me chamar, colocava o lençol de lado e colocava o pau um pouco pra fora da cueca sá pra brincar com ela. Um dia quem veio me acorda enrolada na toalha ? Minha sogra, tia Cris, quando abri os olhos ela estava me chamando, mas olhando pra meu pau. Então ela disse:"Acorde e vá tomar um banho bem gelado porque seu amigo já está bem acordado." Fiquei sem saber o que fazer, levantei e fui tomar banho. As semanas passaram, um dia estava eu, minha namorada, e minha sogra conversando no quarto dela. Minha sogra sentada na cama, encostada na cabeceira eu sentando no pé da cama e minha namorada sentada do lado de sua mãe, pedi pra minha namorada fazer massagem nas minhas costas que estavam doendo, ela disse que não então, tia Cris disse que faria, deitei do lado dela e ela começou a massagear minhas costas. Minha namorada saiu emburrada e foi assistir TV. Tia Cris ficou fazendo massagem e eu lembrando dos seios, das pernas e da bunda. Claro que meu pau ficou duro, depois de um tempo tia Cris disse pra eu ir com minha namorada que se não ela ficaria brava, Quando levantei, tia Cris percebeu meu pau duro, me chamou e disse baixinho:" Vai antes no banho e se acalma, pq se ela ti ver assim não vai gostar nada." Fiz o que ela disse meio envergonhado e a noite terminou como sempre. No final de semana seguinte, cheguei na casa da minha namorada e ela não estava, estava na igreja e ia demorar, tia Cris estava trabalhando, fiquei um pouco sozinho e tia Cris chegou logo em seguida. Colocou um vestido que ficava no meio das coxas, sem sutiã. Ele fez pipoca e ficamos comendo. Sentada do meu lado, conversando e comendo pipoca, as vezes ela colocava a mão na minha coxa, as poucos meu pau foi ficando duro. Ela pediu pra eu ir buscar suco pra nás, levantei, peguei o suco, e na volta tia Cris falou:" Já reparou que volta e meia seu amigo fica de pé quando estamos sozinhos ?" Não sabia o que dizer. Tia Cris me olhou e falou:"Isso que vc nunca me viu peladinha, imagina se visse!" então falei:"Ia estourar minha bermuda!" Então ela respondeu:"Será?" então ela abaixou a alcinha do vestido e deixou um seio amostra. Eu segurei a respiração e fiquei olhando. Ela disse: "Não é grande como o da minha filha, mas eu acho que vc gostou" e abaixou a outra alcinha. Assim pude ver os dois perfeitamente bem na minha frente."Fecha a porta estou lá na sala da frente" disse ela. Fechei a porta, e fui pra sala. Quando cheguei ela estava sentada no sáfa, que é bem maior que o da sala de TV, ainda com o vestido e de seios amostras, sentei bem perto dela e fiquei olhando, ela disse:"Pode pegar". Toquei os de leve e ela puxou minha cabeça pra mama-los. Mamei muito e dava mordidinhas naqueles bicões. Ela gemia baixinho e eu falei:"Tia Cris que delicia, até sonhei com isso" E ela colocando a mão no meu pau:"Aproveita tá gostoso, que pau durinho" Abri minha bermuda e ela colocou a mão por dentro e começou a punhetar, quasei gozei. Comecei a passar a mão nas coxas dela, ela então levantou e abaixo o vestido, estava sem calcinha, e que bucetão!!! Já virei ela de costas e comecei a beijar sua bunda e colocar o dedo na sua buceta. E falava: "Tia Cris como vc é gostosa, vc tá realizando um sonho" ela então se virou me levantou, colocou meu pau entre as pernas, me abraçou e me disse no ouvido:"Me diz o que vc quer que eu faço." então eu pedi:"Senta no sofá e chupa meu pau" Ela me olhou e disse:"Não costumo fazer isso, sá faço se vc não gozar na minha boca." Eu aceitei, ela sentou e começou a chupar a cabeça devagarinho, pedi pra lamber com a lingua e ela atendeu, que gostoso!!! Foi engolindo e lambendo e tocando punheta. Depois de um tempo não aguentei, dei um esguicho de porra, ela parou engasgando e disse:"Nossa eu engoli!Chega põe o seu pinto duro em mim." Ela ficou de joelho no sofá, de costas pra mim, e apoiada no encosto disse:"Na minha xaninha não no cuzinho". Fui colocando o pau devagar, e ela gemendo, quando coloquei tudo ela gemeu alto, tirei e coloquei de novo, e assim foi se repetindo. Tia Cris gemia alto agora e dizia:"Me come...que delicia...vai continua assim...Gostoso...", e eu olhava pra bunda e via aquelas ondinhas nas nádegas, puxava os bicos dos seios com os dedos, as vezes puxava os cabelos e dava mordidas no pescoço. Até que ela disse:"Vou gozar...Goza comigo..." Então os gemidos dela ficaram mais altos, eu aumentei o entra e sai, até que ela gemeu bem alto:"AIIIII GOZEI...." eu continuei até gozar, gemi alto, minha pernas estavam tremulas. Ela sentou ofegante, snetei do lado dela, então tia Cris, pegou meu pau e disse:"Se descansarmos dá pra fazer de novo..." Sorri e depois de 19 minutos repetimos tudo, sá que eu sentado e ela cavalgando meu pau, de frente e de costas. Quando nos vestimos ela disse:"Adorei...se vc for esperto podemos repetir qualquer dia...." OBA !!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto herorico comendo enteada na força analconto nao guentei a pica de jumento choreimenininhas fudendo com vários cachorros contos eroticosso deixo chupa minha bucetacontos eroticos meninas filhinhas subrinhas priminhascontos eroticos me comeram feito puta e chingada de vadia e cadelaconto erotico comi o cu da minha madrinhaconto guei fingi dormi emeu primo enfiou o pau na minha bocacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos mãe e filho de araraqurachupando buceta soltando fumaçaContos eróticos curtos de cachorro lambendo a buceta da vóvideos de porno sogro cardando a moracontos eroticos de quem perdeu a virgindade com mulher coroaFotos incesto espiando pai e mana familibucetao crupadocaminhoneiro e********* a novinha na beira da estrada de cavaloContos Eróticos Nega bebada de leguinzoofilia coletanea das engatadas mais vistasfui comida feito uma vadia vacabunda e chingada de puta contos eroticosdei pro meu genrocontos cunhadaspornoContos eróticos de gay comi o filho do meu patrãofotos e vidio e contos eroticos estava sucegado em casa quando minha irmã começou a me procarhistorias eroticas de onibus lotadoscontos eroticos comi minha irman de 06anosconto esposa na orgia do carnavalcontos de clientes mulheres que vão se depilar e as depiladoras chupam suas bucetascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos adoro garotoscontos erótico sexo no cinemacontos eroticos creme para a bocacontos eroticos minha irma no meu quartoContos eroticos menininhaboquete mulher de 48 anos contocontos meu chefe me comeu e minha filhacontoseroticocoroasconto de sexo Fodeno minha irma e minha maecontoseroticosnamoradavirgemlevei minha mulher para 5 dotadosenrabada sem perceber contosfotos cim zoom so de cacetes duros melado de porracontos eróticos de gay Fui dormir na casa do meu cunhadoconto de meu irmão comeu meu cu com uma grande pica e eu não aguentei de dorconto enteada sem calcinhaContos o cu do gaysdevagarsinho entrou tudo no cuzinho contosconto gay tiozao deu cuContos eroticos Fui estupra com meu tio negroapostou a filha conto eroticocontos eróticos infânciawww.cu da minha mae contoslesbica estrupa mulher na brisao pornovemo espoza chupamo autro mo carmaval xxvidiocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornopapai e seu amigo comeu meu cuzinhoChantageei amiga lesbica da minha mae bdsm contoconto comi.uma coroatravestis tocando siririca na zoofiliaporno izidinha fodenonamorada chupando a b***** da namorada tá ficando Cala a boca deleSexo anal "nunca mais fui a mesma"Contos eróticos tirando virgindadecontos eróticos com mulher q usa vestido coladolavar xoxotinha contocontos esposa olhos vendados fudendohumilhada contos eroticosconto erótico virei Mulher de meu pai tem um filho com elefalei pro meu amigo que queria ver ele fodendo a minha esposacontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestirelato erotico buceta peluda da mae