Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO A BUCETUDA



Sou casado, tenho 31 anos, não quero me identificar com mais detalhes. A uns 4 anos atrás quando ainda era solteiro, num sábado lindo de sol resolvi ir a praia aqui em Salvador, sempre frequento a mesma barraca de praia, chegando La como de costume sentei, pedir minha cerveja gelada e fiquei observando a paisagem. Foi quando percebi uma mulher, magrinha tomando sol em minha frente e se distraindo com 1 mini-game, quando resolvi analisar ela por completa quando enfartei com o tamanho daquela buceta, um famoso BUCETÃO, nunca vi coisa igual.

Tímido que sou, fiquei articulando um meio de me aproximar dela sem que ela percebesse que meu único interesse era está dentro de poucas horas todo enfiado naquele enorme bucetão.

Foi quando ela parou de brincar com o game, “ai pensei a hora é agora” pedi emprestado num pretexto q queria jogar um pouco, pra minha surpresa ela me emprestou comunicando apenas q a pilha estava fraca, falei com ela se acabar compro outra, ela sorriu. “pensei, estou no caminho certo”.

Com isso aproveitei e puxei conversa, ela foi recíproca, conversamos de lá e de cá, aos poucos estávamos as gargalhadas um com o outro, ai foi quando eu não me contive e perguntei e isso ai (me referindo ao bucetão) é seu mesmo ou tem algo q esteja fazendo ficar desse tamanho: pra minha surpresa e felicidade ela respondeu: “tudo meu mesmo, natural...”. Enloqueci falei vou adorar ver de perto para poder acreditar, ela apenas sorriu. Sá que ela tinha compromisso então trocamos telefone, no outro dia liguei pra ela e marcamos para almoçar (dia de segunda feira).

Como meu horário de almoço é de 12:00 as 14:00hrs tive q ser rápido, mais no primeiro encontro não tive coragem de chamar direto para um motel então fomos para um restaurante comum, almoçamos a demonstrei meu interesse por ela, trocamos uns beijinhos, abraços e marcamos para almoçar novamente no outro dia, sá que dessa vez direto para o motel, ela concordou.

Ela foi de saia da segunda vez, meu coração batia forte, imaginando q minutos me separavam de ver tudo aquilo frente a frente, sem roupas, sem nada para impedir de eu me deliciar...quando chegamos ao quarto de motel, começaram os amassos, eu tentando conter a ansiedade para não meter logo a mão e arrancar tudo q ela vestia, ai comecei a sussurrar no ouvido dela falando q aquele momento esperei com ansiedade, ela foi me apertando e querendo sentir meu pau q a essa altura estava explodindo de tesão. Ela tirou minha camisa, eu tirei a blusinha dela, ela tirou minha calça, ai era chegando o momento, teria q tirar a saia dela, ai eu ficar a apenas 1 peça para conferir e bater o martelo de q tudo aquilo q vi na praia era real, quando arranquei a saia dela quase enfartei parece q era maior do q eu imaginava, mais ainda sim duvidava se ali atrás não tinha uma quantidade enorme de pêlos. Coração acelerado, pau latejando, boca úmida, deitei ela na cama e aos poucos fui tirando a calcinha, aff...q momento não acreditei que aquilo ali tudo era real, não tinha sequer 1 pêlo...nunca tinha visto nada igual. Ai me afoguei naquelas profundezas e fudi como nunca, antes é claro ela gozou em minha boca, porque não poderia deixar de provar e sentir o gosto daquele bucetão.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos gay tio me comeucasa dos contos eroticos de coroascontos com rabudascontos gozando em menina de 08anos sem calcinhaconto erótico infânciacontos eroticos paus gigantesconto arebentei cu meu patraocontos eroticos jovem transando com a negra escrava parte 1ela pediu pra parar mas continuei fudendoas meninas brincaram com meu pau contoscontos eróticos gay meu sobrinho rabou meu marido na minha frentea bumda que sempre sonhei comemuleque batendo punheta contoscontos eróticos com o genrominha irma envagelica encestover contos com fotos excitantes no onibus.irmazihas safadas locas por sexConto comi a mãe da minha namoradaminha esposa escolheu vibradorgarotinhas da bunda grandecontos de vizinhastransei com meu com meus dois professoresContos erótics so de gang bang e so com homems pauzudoscontos eroticos patricinha caminhoneiroshttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/conto_25933_fodendo-o-recepcionista-do-hotel.html&ei=h1fTW1EH&lc=pt-BR&s=1&m=739&host=www.google.com.br&ts=1489513220&sig=AJsQQ1A6LGGFLRL7NY2__JYTuAweTMayWwContos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornoadoro come o cu da delegadaconto de transa com o amigo do meu paiconto eu e meu sobrinho no banhoeu conto sou casada meu cunhado me pegou a focacontos eróticos comendoContos eroticos de mamae qcontos eroticos arrombando a gordaContos eroticoss adoro trepar sem camisinhaContos eróticos sessão sado com meu paicontos eroticos amiga negrabucetinha esposa ccbsexo com a inpregada ea esposa prechanoacampamento com as aluninhas – parte 2 conto eroticoContos eroticos levei de um activo negrocontos eroticos mulher e cunhada jogoComtos mae e filha fodidas pelo empregado do maridoConto erotico apoata insanaContoseroticoscavalogozei muitodentro da buceta da minha prima gordinhaContos eroticos tremcontos eroticos meu colega e minha filhacontos minha mae baixinha gostosaconto sapequei coroa crenteconto erótico meu filho pediu uma espanholacontos dei sonifero e comi o cu pornocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos arrombando a gordafotos de relatos de fatos reais nora transando com sogro no Rio de Janeirocontos eróticos de novinha que deu a b******** bem gostoso para o cão f**** o cachorroContos eróticos de esposas coroas de amigoscontos dando pra um sessentãoescanxa na picacontos eroticos minha mulher virou puta de um velho asquerosoconto ebebedei minha cunhada pra come o cu delaum careca inesquecivel contosesposa e amigos na cervejada em casa contoquero uma buceta envolvendo meu paucontos eróticos transando no metrôcontos eróticosmenininha dormindocontos eroticos fudendo cm meu sogro do pau d cavalocontos eroticos adoro ver ele dando leite pro meu negaocontos menina do papaiconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viuver coroas no baile de Carnaval chupando pau passando a língua no sacoeu gordinha arregacada por um roludo contosContos erotico meu filho acariciou minha xoxotacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentechupei o grelo da minha amante contos eroticoscontos de Advogada de mini saia transando com cliente