Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA SOGRA LEONOR

Tenho 46 anos, casado a 22 anos, resolvi contar aqui um dos dias mais gostosos da minha vida.

Um belo dia estava em casa sem fazer nada ai minha esposa me pediu para levar umas coisas na casa da mãe dela, Dona Leonor, uma coroa de 65 anos, 1,70m, cabelos curtos, gordinha e bunduda.

Desde que me casei sempre cobicei a bunda da minha sogra, porém nunca tentei nada com ela. Atualmente ela é viúva, mora sozinha.

Fazendo o favor que minha querida esposa pediu, fui até a casa da minha sogra. Lá chegando ela me recebeu e me convidou a entrar; sentamos na mesa da cozinha e começamos a conversar, era de manha e minha sogra ainda estava de camisola, ela sempre teve essa mania em casa de ficar de camisola. Percebi que ela estava sem soutien e dava para perceber seus peitos grandes e caídos pela malha da camisola. Confesso que fiquei excitado, meu pau começou a endurecer.

Conversamos bastante e o papo virou para o assunto sobre namoro, ai resolvi arriscar e perguntei a ela se ela não pensava em arrumar um namorado. Ela nervosa me disse que já tinha passado da idade. Quem iria se interessar por uma velha gorda de 65 anos. Ai eu disse a ela que eu me interessaria sim. Que ela ainda atrairia muito um homem.

Ela me sorriu e me chamou de bobo. Ai resolvi arriscar tudo, com as mãos acariciei os seios dela. Ela ficou assustada com a minha iniciativa; se levantou e começou a lavar a Louça que estava na pia.

Quando vi aquela mulher madura de camisola e chinelos em pé na minha frente, com aquela bunda grande virada pra mim, não pensei em mais nada, me levantei e a abracei por trás; ela suspirou e pediu “não”; mas eu queria sentir aquela coroa.

Sem dar a chance dela se livrar de novo, mordi seu pescoço, senti que ela amoleceu, ai pensei é minha chance, levantei a parte de trás da sua camisola, forcei ela pra que se debruçasse sobre a pia, abaixei a sua calcinha até os tornozelos, com as mãos abri a sua enorme bunda e comecei a lamber o seu rabo, da buceta até o cuzinho. Ela gemia muito, e isso me excitava ainda mais. Enfiei a língua na buceta dela, senti o mel que dela saia, uma delicia. Louco de tesão abaixei minha bermuda e cueca, meu pau estava duro como nunca tinha visto antes, comecei a esfregá-lo no meio da sua deliciosa bunda.

Encaixei a cabeça do meu pau na entrada da sua buceta, ela deu um pequeno gemido, não dizia nada, mas deixava, senti que ela era minha; a segurei pela cintura e enfiei tudo de uma vez, ela gemeu forte, ficou na ponta dos pés, estava muito úmida me pau entrou fácil, uma delicia. Ai ela me disse: “Vai rápido antes que chegue alguém”.

Comecei a bombar aquela buceta gostosa, minhas coxas batiam nas coxas dela, o tesão era imenso, a segurei pelos ombros e fui aumentando a velocidade, ela estava sem fôlego, gozou duas vezes enquanto eu bombava, e bombei por quase 20 miutos. Ela me disse que estava com as pernas bambas, ai resolvi gozar, queria encher de porra a buceta da D.Leonor, minha sogra. E segurando ela pelos cabelos gozei como doido, foi demais sentir minha porra espirrando dentro da buceta da D.Leonor, delicia. Fiquei alguns minutos engatado nela até recuperar o fôlego. Ela pediu para eu sair dela, ela me olhou assustada, eu a beijei, ela me pediu para ir embora e entrou no banheiro. Não quis forçar a barra e fui embora. No caminho de casa fui revivendo aqueles momentos, a maior foda da minha vida.

O manha em que comi D.Leonor minha sogra de 65 anos.

Tivemos outras experiências, mas isso conto numa práxima oportunidade.



GENRO



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos heroticos muheer arrummando amante p maridoContos eroticos gosto de estupro seiosa minha primeira vez com sexo canino contosputinha desde novinha sacaneadaConto erotico um travesti me algemouTudo q uma puta deve fazer na camavídeo pornô a mãe dela tava de biquini o genro só dava a sograconto erotico eu estava tao bebada que nem sei quem me comeu me encheu meu utero de porracorno safada do Pará corto eróticoscontos eroticos gay com menininhos infanciacontos eroticos dando o cu para manter o empregoguarda noturno maduro conto gayapostei com o cunhado e tive q dar contos eroticoscontos eróticos frio inverno geladoconto erótico vestir roupa de menina sair na ruaconto erotico gay virei putinha do coroa do cinemacontos minha irmãzinha tinha mania de sentar no meu colocontos eróticos, esposa safada, puta dos patrõescontos carona q virei cornoPULAVAAI XVIDEOminhaxaninhaardeuirmã transformassem roupa vídeos pornô doidoentão toque consulta paciente e chupa b***** no pacientecutuquei a buceta da mamae contosconto so como o cuzinho da empregada casadacontos eróticos estupradaConto esposa de tampa sexomarido corno/contoscontos sobrinho moreno loiracontos de casa de swingcoroas ensaboando cacete do jovenquero ver o filme de pornô a mulher metendo o Cascão na gemendo gemendocontos eroticos meu corretor me comeu antes do meu marido cheharContos de sexo a amiga da minha mãeMãe mamando pau do filho contoseroticosContos o caminhoneiro me chupou inteiracontos tia pede laber sua xerecachefinhas safadinhascomentário de. mulher que ja a buceta pro donzelocunhado pegou a cunhadinha mimada e meteu a rolacontos eróticos mulheres p****casada funk relatos eroticosMinha irma adolecente taradinha em conto eroticocondos erodicos vizinho lindoConto erotico sobrinho fudeu gostoso com a tia coroahestotia porno a grande fantasia de meu marido e c cornocontos eróticos com animaiscontos minha mulher pagou minha divida com a bundacontos eroticos arrombando a gordafui toma uma no bar da coroa safadinha e acabei comendo seu rabinhocomtos exitantescontos papai me arrombouhistoria porno gay, paguei boquete no amigo carloscontos wrotico com tiotrepei com a virgemContos eroticos de travestis tarados.contos gay o menino que era um femea escondidocontos eroticos de calcinhaContos eróticos uma menina virou putinhacontos lesbico meus pais viajaramcontos erotico ruiva cheia de sardas perdendo a virgindade depois do casamentoContos eróticos d velhos tarados no cemitério cdzinha de soroca  travesti de microsaia fica de pau duro na ruacontos eróticos o tio com minha namoradacontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavatesao chefeMeu marido deu carona para um estranho e me insunuei pra elecontos eroticos de 4 caralhos no cu