Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMO ME LIVREI DE UMA MULTA DE TRANSITO

Ola, meu nome é Carla tenho 25 anos, tenho cabelos liso, castanhos e com mechas loiras, tenho o corpo estilo violão, e vou relatar como me livrei de uma multa de transito.



Era uma sexta feira e eu voltando do trabalho as 18:50 e como sempre atrassada, tinha horário no salão as 19:00, com pressa não percebi que tinha ultrapassado um sinal vermelho, sá percebi quando um carro da guarada municipal me solicitou que parrase o veiculo.Parei o veiculo e

Pensei ``fudeu minha carteira de habilitação é apenas permissão, meu marido vai me matar``

Desce um guarda lindo pelo uniforme notei que ele tinha um corpo perfeito, ombros largos, peito malhado, braços fortes e pernas de jogador, fora o rosto perfeito, cabelo liso negro e olhos castanhos.

__Boa noite Senhora! Habilitação e documentos do carro por favor!



__ Boa noite seu guarda! qual é o problema? tentei dar uma besta.

__ O problema foi aquele sinal lá atraz que a senhora ultrapassou.

Sem dizer mais nada entreguei os documentos para ele e começei a procurar uma maneira de me livar desta multa, tinha dinheiro na bolsa, vou tentar compra-lo, pensei. Quando ele voltou ja veio com bloco de multa nas mão, sai do carro ele me deu uma olhada de cima em baixo, estava com um vestido estampado de onça coladinho no corpo e meio curto e de salto, pensei é agora ou nunca: __ O seu guarda não me multa não, minha carteira é provissoria se o senhor me aplicar essa multa e perco ela, sou capaz de fazer qualquer coisa para o senhor não me aplica-la, por favor?

Ele então me deu uma secada de cima em baixo novamente e com um sorriso sacana nos labios me perguntou __ Qualquer coisa? tem certeza? Eu meio assustada com aqueles olhos disse: Sim faço qualquer coisa!

Ele então me pediu para segui-lo, chegamos ao um galpão que estava abandonado. Estacionamos os carros e ele me pediu que aguardasse ele dar uma olhada la dentro, passados algums minutos ele aparece na porta e pede que o siga, ao entrar me deparei com um local cheio de poeira e em um canto um monte de papelão e uma mesa antiga.

__ Você me disse qualquer coisa, o que vc tinha em mente? pergunou ele Eu meio envergonhada respondi : ___ Pensei em dinheiro, ele começou a rir e me responde: __ Hoje vc vai ser fudida de todos os jeitos que vc conhece e os que vc não conhece.

Vou ser sincera que na hora me bateu um misto de medo e tesão, sempre tive uma tara por homem fardado.

Derepente ele se aproxima de mim, e me da um beijo que me deixa toda arrepiada e de pernas bambas, já vai metendo a mão em meu corpo por dentro do vestido, quando ele toca nos meus seios e ja estou pegando fogo, ele vai delisando as mãos pelo meu corpo ate chegar a minha bucetinha, que nessa hora estava latejando de vontadate de ser fudida, ele então enfia os dedos no meu grelinho e para de me beijar, e diz ___ Você ta do jeito que eu gosto, minha putinha, ta toda meladinha doidinha para ser fudida né? pode deixar que eu num vou deixar vc esperando muito não. Ele então começa a dedilhar meu grelinho inchado e minha bucetinha molhada, e pede para eu dar uma chupada, mas não pode ser qualquer chupada não, lempre-se que ta valendo a sua carteira, vadia. Diz ele.

então me abaixo, quando tiro aquele pau pra fora, fico de boca aberta pois so tinha visto dois paus diferentes na minha vida, e aquele era um jegue!! Começo a chupar aquele pau gostoso e aquelas bolas e ele me guiando pelos cabelos, chupo e chupo com vantade, ate que ele goza em minha boca, e me manda engolir tudo. Apos ter chupado aquele cassete gostosso ele me manda deitar na mesa fala : Deita aqui puta quero chupar o seu grelinho. Me deito na mesa e ele tira a minha minuscula calcinha e a enfia no bolso, tira meu vestido. Abre bem as pernas vadia, que hoje vc vai gozar muito, e mente os dedos na minha bucetinha molhada,dois dedos ficam no meu grelinho e os outros na minha bucetinha. O dedos daquele homem me levaram ao delirio, quando ele começou a me dedilhar, ele me pedia para gemer.Geme vadia, geme,vc ta gostando? então geme, Dizia ele.

Eu ja estava nas nuvens quando ele me mente aquela lingua gostosa na minha buceta, e eu gemendo e rebolando na boca dele acabo gozando, tremendo toda e soltando um urro qua nem sabia que era capaz.

__Gozou gostoso vadiazinha, agora me Implora para eu te fuder, vai me emplora, pede pra ser fudida de todas as formas.

Como eu estava gostando daquela sacabagem, pensei se a lingua dele me levou a delirio imagina o pau, pensei. ___ Vai seu guarda me come, me fode gostoso, me faz de sua putinha, me fode como meu marido nunca me fudeu. Não foi necessario dizer mais nada. o guarda veio em minha direção como um cachorro no cio, tirando o resto da roupa, pau dele estava latenjado, me pois de quatro em cima do papelão e meteu aquele pau enorme em minha buceta, como adoro ser comida de quatros arrebitei bem a bunda para que ele tivesse uma visão privilegiada, no momento em que ele me penetrou, senti seu pau me arrombando toda, me preenchendo todos os espaço da minha bucetinha, ele começou a bombar cada vez mais rapido e eu rebolando para sentir aquele pau melhor, ele bombando cada vez mais rapido que senti sua bolas batendo no grelinho, e isso me deixava cada vez mais excitada.___Ta gostando putinha, ta gostando de ser fudida,tá? disse ele ja estava me contorcendo e não aguentei e gozei, vendo que eu gozei ele me disse no meu ovido: ___ Agora quero comer sua bundinha, e me deu tapa na bunda. Tirou o pau da minha buceta agora toda fudidinha e meteu no meu cú, sem dá e começou a bombar no meu cú com aquele pau monstruso e gostoso, e foi me dando um tessão naqule pau me comendo o cú e foi bombando ate ele estremeceu em cima de meu corpo e gozamos juntos. ___ Gostou de ser fudida de todas as formas putinha? me pergutou ele .___ Gostei sim, respondo.

___ Agora vamos nos vestir que tenho que voltar ao trabalho, num posso ficar comendo vc a noite toda não.



Ele se vestiu e eu pus o meu vestido, e pedi ele a minha calcinha. ___ Não, ela eu vou velar para lembra o valor de

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos mãe e filhagays cornos contos no cinema vídeoscdzinha dando bundinha vestida de sainha rosa gosando gostoso sem tocar no pauacampamento com aluninhas 2 contos eroticosseu madruga coloca pau no cu da dona florindahistorias de sexo de mulheres casadas que gosta de ver o marido emrrabadomamãe ficou tarada na minha chapeleta.contos.contos eróticos leite incestocontos de sexo com novinhas trepando com advogadoschantagem mãe contoContos erotico desvirginei as filhas do meu amigominhaxaninhaardeuqueria saber mulher realista metendo muito morena peitudacontos eróticos gay tio me comeuta ca molestta xvideoúltimo contos anal de sobrinhapegando hetero casado conto gaycontos eroticos a madrasta pretaafilhada carente contocontos traindo com garoto de programacontos casada fode com amigo do mundocontos de gay passivo dando pro machofuraram meu brioco contos eróticoscontos dupla no cuConto comi esposa do meu irmao e gozei dentrocontos um anjo de sobrinhaCONTO EROTICO SOBRINHO ARROMBA TIA FRENTE TIOmeter na minha cunhada separadacontoscontos eroticos o bicho do tiocontos eróticos levei minha namorada virgem e santinha pra casa da minha mãe e quando ela saiu comi elacontos eróticos com afilhadascontos lesbicos princesa chupa princesacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos sou casada realizei o desejo do meu sobrinhoConto erotico incesto colominha esposa na chacara contoshestotia porno a grande fantasia de meu marido e c cornoContos eroticos meu pai tirou minha virgindadedona florinda so ela dona florinda vaginacontos eroticos seios grandes de leitecontos eroticos de Maezinha bobinha do amigis transando com jovezinhomeus peitinhos doíam...velha cavala virando olhocontos eroticos com enteadaComtos namorada fodida por varios machosContos euroticos amiguimha novinha da minha filha.cu gulosodona florinda putaConto dei o cu no cine repúblicacontos gays meu pai gozou na minha bocacontos eroticos a enteada putinhaContos gay pau com pauchupando o pau e.lambendo o cinema caracasada enrabada contos eroticosvendo namorada pau grande grosso traindo gozada porra contosminha esposa foi aprender a montar - contos eroticoscontos eroticos molestandocontos eróticos sadomasoquismo exttemocontos Recém casada traindo marido com dono da casacontos eroticos segredos de familia parte 4contos eroticos dançando com a filhacontos eróticos namorada virgemirma chantagem contos eroticosconto gay crackcontos eroticos a sem tetorelato ocaseiro do sitio arrombou o cu da minha esposaconto erotico gay ceguinho da minha ruaContos casada levou dois rapazes para sua casaconto estrangeiro picudovideo de jovens travesti praticando incesto com padrastocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecotos eroticos irmazinha cagado grosotirou as pregas dela contoscontos eroticos paus gigantesconto mulher casada rabuda dei pedreirominha esposa raspadinha contomeu cao meu machocontos eroticos, casada nova surpreende marido em cine pornocontos eroticos de incesto com filhinho viadinho com a mamãesacanaje no exercito policias cuzudasconto erotico com padrastominha sogra usando lycra