Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

AMARRADA, HUMILHADA E TORTURADA

Ola, Me chamo Rita e tenho 22 anos. Vivo com o meu dono na quinta dele. Me entreguei a ele quase à 2 anos e sou sua escrava a 100%. Nunca saio de casa sem ser com ele, não tenho permissão para andar vestida em casa, nem mesmo quando lá vai alguem.

Mas com tudo isto e muito mais adoro ser a Puta privada dele.



Certo dia, logo de manha ao acordar, ele disse-me que não lavia a pena eu ir tomar um banho, porque me iria levar para a cave.

Acontece que a cave não tem qualquer janela e a unica luz que tem é de uma lampada no teto, mas o pior é o chão que é terra mesmo e tá sempre um pouco humida, o que faz com que tenha vários tipos de bichinhos (aranhas, minhocas, binhos de contas, etc).



Quando chegamos la, ele amarrou as minhas mãos bem firmes atras das costas e depois colocou uma coleira no meu pescoço e prendeu com uma corrente que estava presa ao chão. Como a corrente é curta eu fiquei logo deitada no chão. Depois, colocou um pequeno anel de borracha no meu cu fazendo com que ele ficasse exposto e aberto e fez o mesmo na minha cona. Por fim fechou a porta e foi embora. Quando ele fechou a porta ficou tudo escuro e eu não conseguia ver nada.

Não sei quanto tempo fiquei ali, mas foi bastante, fui ficando com fome e sede, mas não podia fazer nada. sá sentia alguns bichinhos passeando pelo meu corto e até dentro de mim.



Quando finalmente ele voltou, ele me soltou e me ordenou que tomasse um banho. Quando cheguei ao banheiro, vi que ele tinha deixado apenas uns sapatos de salto alto e um bilhete a dizer para quando terminasse ir ter com ele na cozinha. Assim o fiz.



Apresentei-me a ele completamente nua apenas de saltos altos pretos, quando lá cheguei via que havia muita comida e bebida preparada. Entao ele me disse para ir até à sala e verificar se falatava alguma coisa e tratar de ir buscar o que fosse necessario, e ele saiu para a sala.



Então eu fui até à sala e ele lá estava com mais 5 amigos, percebi que eles se preparavam para ver um jogo de futebol. O meu dono ordenou-me que fosse na cozinha buscar uns aperitivos fritos de marisco e que trouxesse bastante e tambem umas garrafas de cerveja para ele e os amigos. Assim o fiz.



Quando voltei ele me chamou ao pé dele com todos os amigos a olharem para mim, entao ele pegou em um aperitivo e ordenou que eu abrisse as minhas pernas e depois enfiou o aperitivo bem dentro da minha cona, arranhando-me, depois tirou e comeu. Perguntou a eles se queriam esperimentar, todos disseram que sim, entao ele ordenou-me que me colocasse na frente deles para eles esperimentarem e todos, um a um, foram colocando os aperitivos e comendo, deixando-me toda arranhada por dentro.



Durante todo o jogo, eu fui levando comida e bebida para eles e eles iam metendo tudo o que podiam em mim e comendo e bebendo.



Quando o jogo terminou e eles foram embora o meu dono me chamou e passou a mao dele na minha cona e verificou que eu estava toda molhada entao me disse que não era admissivel eu estar toda excitada sendo humilhada pelos amigos dele e me lovou para a fora de casa, e me amarrou com as pernas bem abertas e a minha cona completamente exposta.



Por fim pegou numa vara e começou a bater com bastante força na minha cona. Eu gritava de dor, cada vez que a vara acertava em mim. Quando terminou a minha cona estava inchada e sangrando um pouco, depois deixou-me ali à noite e sá me coltou no outro dia de manha.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


comi minha cunhada, contoscontos eroticos dei a buceta para meu pai veridicocontos eróticos de Paula de Floripa Santa Catarinaum menino enrabou minha mulherestrupado tortura esposa na frente du marido que estar amarado pornocurra gordinha contofoi chantageada pelo meu colega de trabalhoconto eroticos meu genrocontos de sexo comendo a amiga da minha mulher foi ela que pediucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eróticos enteada larissa viajarcontos eroticos a namorada e sogracontos com letras grandes , a rabuda e os dois travecosmenage masculino realcontocontos eroticos casada estuprada na frente do maridocontos eroticoso passeio de barco eu meu marido e nosso peaocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosconto erótico penha SC praiaposso dilatar a porta do meu anus todo dia?eu falei Jaime de bucetacontos er safadoler contos de zoofilia homens estrupando cadelinhascontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticontos cdzinhasrelatos eroticos encoxando a irma no onibuscontos gay cavalomeu amigo me pediu para fazer sexo anal com ele gay contoConto porno marido repartindo a mulher com cachorro de rua zoocontos de coroa com novinhocontos de rabos sendo dilaceradosmeu cachorro tem pau gostosocontos erotico mendigoduas mulher chupando a b***** no Jordão baixo fazendo sexoeu e minha filha no baile funk contos eroticosUni batendo p****** os malhadãoacabei liberando para o meu tio e meu padrasto contos reais comi minha priminha loirinha da bundinhadeliciosacontos comendo a enfermeirafomos surpreendidos no carro contosbrinquei com a afilhada contoconto sexo dormi casa namoradaGabi comendo a égua no ciovoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos de cdzinhacontos eroticos de coroas dos seios caidospagou pra cunhada,sobrinha,enteada,pra chupar caseirocontos de anjinha safadacontos filho mais novo foi dormir com a mãe e temino fudeno ela dormino e acordo e termino deixandosubstitui o papai contos eróticossuco de esperma contosfuncionaria mostrou os seios conto pornocontos cornos forumpeladas passando manteiga uma na outraconto erótico garota hetero dominada2amigas fodendo muito com o primo e fixandocontos eróticos com molequesmarido corno nao ve mulher paasa a mao no pau d outrocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erótico de coroas casados trancando com novinho BA baladascontos o cheiro da rola do papaicontos eroticos coroa estelacontos eroticos porno de pirralhas inocentesestórias eróticas abusivascontos de estruposconto erotico humilhada pelo pirocudoconto erotico meu compadrer e minha esposamulheres aronbada decalcinha sujacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteCONTOSPORNO.insetos.netinhaconto erótico duas bucetas brigando mel esfregar tesouraclube da depravacao zoofiliaConto erotico so a cabecinhaComtos casadas fodidas pelo filho novinho do vizinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos gay lambendo rabo peludo de machocontos eroticos arrombando a gordacontos esposa branquinha