Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA ESPOSA NO TREM

Bom, primeiro quero me apresentar. Sou Roberto e minha esposa chama-se Mariana. Estamos casados a 19 anos e sem filhos.Mariana tem a pele branquinha, aprox. 1.64 e uma bunda sensacional. Vou narrar um acontecimento em um trem aqui de S.Paulo que nos marcou profundamente, Principalmente minha mulher,rsrsrs..

Voltavamos do trabalho, minha mulher com calça social preta bem apertada,e uma camisa bege. Sua bunda estava bem realçada pela calça q usava.

O trem já estava cheio e ocorreu um problema na linha e ficamos parados muito tempo entre um estação e outra, quando o trem chegou na plataforma o trem ficou super lotado, eu q estava perto da Mariana fui " arremessado" para a porta e ela ficou prensada no ferro,com uns cinco garotos de aprox. 1516 anos juntos a ela.

Os moleques pelo visto voltavam de algum jogo de futebol, estavam de calções e eram bastante barulhentos.

Motei qdo um deles deu uma secada na bunda de minha esposa, olhou para outros, falaram alguma coisa e ele já foi encoxando minha mulher. Os outros a vendo sem reação, não dava para ela "fugir" dali se colocaram ao lado dela e começaram a se esfregar tb em suas coxas.

Havia um negrão a minha frente que impedia que eu chegasse perto da minha esposa e segurava um mão dela q estava se segurando para não cair, e falou : Manda ver molecada que o corno tá seguro aqui.

Como tava dificil de eu ver o que ocorria, ele foi me narrando.

Os moleques tão se acabando, um tá abrindo a calça da piranha. Deixa ver se ele vai conseguir. Conseguiu e já meteu a mão na buceta, falava e ria. Não se preocupe não q sua mulher gostou, já deu até uma virada de záio, hahahaha. Nisso vi o moleque tirando a mão da buceta da minha esposa e falando com os outrso. Olha a buça da mina tá molhadaça, a vadia tá querendo rola. Com uma mão apenas, já q a outra mão tava presa pelo negão a minha mulher tentava puxar a calçaa para cima, mas os moleques não deixavam, tava uma briga de mãos para mexer na buça dela. A calça era muito justa e estava dificil deles puxarem para baixo, se conseguissem isto ela ia ser fodida dentro do trem mesmo.Nisto o negrão olhou para mim e disse: Deixa eu ajudar a meninada. Com uma das mãos vi quando ele pegou a calça de um dos lados e deu um forte puxão. De um lado a calça e a calcinha já desceu até o joelho. Os moleques vibraram como se tivessem feito um gol, do outro lado sá foi questão de descer e enfim ela já tava com a calça no chão e minha esposa nua da cintura para baixo.

Um dos moleques tirou a pica pra fora e socou de uma vez nela, sá sentia ela vir com tudo de encontro ao ferro e o negrão sá rindo da desgraça dela e minha. Nossa o moleque tá fazendo ela até pular de cada estocada q ele tá dando- Falou o negrão que já esfregava sua mão nos peitos de minha esposa, tanto que parte do bico já até aparecia pela camisa que ela usava.Práximo gritou o moleque q já havia gozado e assim foi um por um, e cada um dos moleques a comeu. Foi dificil sairmos do trem, minha esposa estava acabada, suja e falou que nunca mais pegaria trem. Será.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


coroa negra contoContos gay fazendo a barbacontos eroticos um negro me arrombandorelatos reais ciumento casado corno aconteceu na praiacontos eróticos de dominação com a mãe do amigosexo-gostoso-numa-ilha-paradisiaca..comlora baixinha de fildental cpm a buceta rasspadinhacontos eróticos gay taxista Santarém Parácontos eroticos de padrinhos com virgensconto fudi minha sobrinha de onze nos gostosacontos levei uma rolada do meu filhomorena cabelos pretos seios durunhos e aureulas escuras deliciavirei puto do bar conto gaycontos genrocontos er irmas vizinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos arrombando a gordacontos virei a cachorrinha do meu amigocontos meu comedor de cucontos eróticos namorada virgemcontos eróticos de cunhada que foi encoxada pelo cunhadogordo do apartamento conto eroticocontoseroticos cimeram minha mulhercontos eroticos da vagabunda do cornocontos eroticos arrombando a gordave contos herotico Minha filha e travesticontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosFui violada por pirocao contos eroticoscontos eroticos dupla penetraçãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto de sexo com rabuda asquerosocontos eroticos de quata feira de cinzacontos eróticos flagrei meu marido com consolocontos eroticos com cunhadacontos eroticos espermaler contis eroticos para tocar uma siriricacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteMaicon tá doida ela me pediu pra comer sua esposa na frente delecontos cu gostosoconto erótico esposa de férias e tal marido sem querersexo grupal flagrante incesto usando calcinha contosconto erótico fodendo a mulher do professorsexo com vizinha muito rabuda vigiadoCercada por varios contos eroticoscontos eroticosAdoro leitinho na bucetacontos sou bem fudidacontos eróticos "peladinho" sobrinhocomtoerotico com sobrinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentejato forte coroa vomitacontos fudendo na praia com mamaeela me endinou a roçar grelo com gtelo/contoconto alisando a sobrinha pequenacontos eroticos de incesto de pai pasto e filhaxvedeo porno cuadinha tava triste cuanhado animou fedendo elaconto erotico soniferovelhos gordos gays contosbunda grandíssima contos sem calcinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentedias e  travesti Juliana de primo metendocontos filho fudendo com a maecontos de mae com consolo comendo cu da filinha bem novinha contos eroticosbumbum gostoso tomando injeção de calcinhacontos/esposa safada da pra qualquer umconto porno peoes no cioConto comi a mãe da minha namoradacontos eróticos com irmão de santocomtos arrobadacontos erotico gay quando mim focaraocontos eróticos, minha esposa putacontos erticos fudi a buceta da egua