Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CHUPEI O PAU DE UM DESCONHECIDO NO CINEMA

Moro numa cidade pequena do interior e aqui ninguém desconfia que eu sou chegado numa pica, estava louco de vontade de sentir o gosto de um pau na boca, coisa que já fazia tempo que não tinha oportunidade.

Comecei a ler contos eráticos na internet e isso foi atiçando mais ainda minha vontade.

Fui para Curitiba, o destino já estava certo, iria no cine São João assistir uma sessão de filme pornô, disposto a pagar um boquete lá dentro.

Pois bem, fui no local, entrei e fiquei sá observando, vi que o point da sacanagem eram as últimas fileiras bem práximas da parede, bem ao fundo.

Me dirigi para lá, comecei a assistir, tirei o pau para fora e comecei a tocar uma punheta, não demorou muito e chegou um homem querendo pegar nele, conversamos e disse que não estava interessado, pois meu foco era outro, mas faltou coragem para dizer ao cara o que de fato eu queria, e ele foi embora.

Eu estava na última fileira, logo atrás tinha um corredor de mais ou menos 1 metro de largura e então a parede.

Não demorou muito e encostou-se logo atrás de mim um cara moreno escuro, tipo fortão, eu sentia a sua respiração, meu coração batia acelerado, o tesão era grande, mas eu estava com medo de partir para o ataque, olhei de canto de olho e o carinha estava apertando o pau por cima da calça, nisso eu olhei para ele e disse?

- está querendo pular para fora?

O carinha apertando o pau respondeu?

- o que você acha?

Disse a ele:

- tire

Imediatamente senti o calor daquela pica encostada na minha orelha, virei para o lado e já peguei ela na mão, a pica estava dura como pedra, não era muito grande, porém grossa, morena, com um cabeção bem grande (chapeletuda), nessa hora eu perdi o medo e a vergonha, encostei ela no rosto, cheirei ela, beijei, lambi e enfim comecei chupar aquele pauzão negro.

Lambia, enfiava ele até a garganta, deixando-o todo babadinho, então dei uma parada e pedi para o cara:

- tá gostando?

Ele respondeu de forma monossilábica:

- bom

E eu continuei mamando ele, sentia as veias pulsarem de tesão, quando vi que estava chegando perto a hora dele gozar, mesmo morrendo de vontade de sentir a porra dele em minha boca, como eu estava chupando sem camisinha, resolvi parar por ali mesmo, tirei o pau da boca, senti mais uma vez seu cheirinho gostoso, dei um beijo e pedi para o cara guardar, nesse instante ele guardou, saiu de trás de mim e foi embora.

Fiquei sentindo o gosto daquela pica gostosa na boca, e até hoje não faço idéia de quem é o dono daquela vara gostosa que mamei naquele dia.

Apás ter chupado o pau do negão, outros carinhas que estavam assistindo chegaram perto de mim, já de pau duro e batendo punheta, certos de que eu iria chupar eles também, mas eu não tomei iniciativa, e logo em seguida fui embora.

Esse foi meu primeiro boquete no cinema, tiveram outros, os quais serão relatados oportunamente na sequencia.

Se você gostou do relato, gosta de ser chupado e tem interesse e local para isso, me adicione, combinaremos algo.



Meu email é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos comendocontos eroticos arrombando a gordavideos porno minha mulher me satisfazendo na cama presente de aniversáriomulheresencoxadassexover contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionáriosvideo deixando ninfetinha toda arrepiadaAtraido pela garotinha contos eroticoscomtos.eroticos mimha esposa gosta de varias rolasirmazihas safadas locas por sexcasa dos contos tia 22cmgaroto malandro pega tia dormindo e meti nelaContos fudendo gostoso minhaconto gay ciumes exageradoconfia minha madrasta no pornô chorando gostosacontos eroticos incesto vovôcontos eroticos esposa em uma orgiaMaicon tá doida ela me pediu pra comer sua esposa na frente delecontos safadosconto erotico chorei na pica grossajapa enfia o dedo no seu cu virgemrapaz chupa seios com gula pornodoidoConto gay viagem onibus longarelatos arrombei a amiga da minha irmaVer buceta mulhere mas buntuda do mundo "klaudia kolmogorov"contos erótico pai ficou muito bravo ao saber que seu filho é gaycomendo o c* da cunhada morena dos peitinhos fiadocontos eróticos comi minha vizinhacontos eroticos cheiro de calcinhacontos eroticos de padrasto chupador.de.greloContos eroticos obscenosFazendo uma suruba coma sogra e o sogro contosContos tomando porracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentegayzinho passou rebolando na minha frente contoo gordinho e o tio contoscontos estoricos travedir fode marido e a esposa n salao d depilacaoprimos e primas transando enquanto os pais saíram totalmente Pelotascontos eróticos comi minha vizinhacontos eroticos arrombando a gordaContos dei meu cu com novel anoscontos eróticos infânciaComtos casadas fodidas pelo filho e amigosaquela pessoa pirocuda da salaeu quero a mulher da b******* grande de fio dental na regata do c* da bundonacontos nao tinha camisinhacom amigo na praiaconto eroticosegurou a filha para tirar cabaçoconto comeu afamilha todacontos eroticos arrombando a gordafudendo a nora no sitio escondido contosobrinha peladinha contoscontos eróticos peguei minha mulher com a empregadaconto erotico/12aninhosnao queria mas fui obrigado a foder a novinha contosminha cunhada casada estava sozinha na noite em casa contosconto primeira suruba com minha esposameu padrasto e meu.irmao me comeuso sadomasoquismo com maridos violentos contos eroticoscontos eróticos mulheres da b***** grandecontos eroticos arrombando a gordaconto erotico meu filho meu machocalcinha usada da vizinha safada contoscontos erotico gay comi meu pivetinhocontos esposa loira recatadaconto erótico duas bucetas brigando mel esfregar tesouracontos fui arrombada e esporradacontos eróticos de lésbicas tirando a virgindade das outrascontos erótico estuprada po bardidocontos prima novinha dando cuzinho de surpresacontos dei pro mulequinho de rua