Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NAS MAOS DO VIZINHO

Ola... Me chamo Alex, tenho 26 anos. Esta historia aconteceu comigo, quando eu tinha 19 anos. Ou melhor, ela comecou aos 19 anos, e tambem foi quando eu descobri que fui criado para ser submisso, para estar de joelhos, para ser capacho e tapete de meus donos e donas. Eu morava com meus pais num condominio, e como eles viajavam muito, invariavelmente eu passava semanas e semanas sozinho. Ja tinha descoberto que eu gostava de homens, so nao sabia que eu era submisso. Tenho 1,73m, olhos verdes, gordinho e uma bunda grande e lisa. Alias, sou todo liso. Meu vizinho da frente, Samarone, 1,80m, 100kg, pardo e com poucos pêlos comecou a ficar muito amigo meu. Conversava comigo, me chamava para acompanha-lo a assistir futebol, comecou a me dar atencao que eu nao tinha. Ele acabou com o isolamento que eu tinha em casa. E eu ja sentia falta dele, aos poucos comecei a ficar meio que dependente dele. Apos algum tempo, eu nao podia acreditar mas percebi que estava apaixonado por ele. Comecei a dar presentes para ele, comecei a gastar com ele pagando suas cervejas, suas pizzas... E ele nao se fazia de rogado ao me pedir coisas. Apos algum tempo, deixou as chaves de seu apartamento comigo para que eu fosse la e limpasse seu ape, lavasse suas roupas, fizesse sua comida. Um dia, estavamos sentados no sofa. Ele tinha acabado se chegar em casa e entao colocou os pes sobre a mesinha de centro e entao deu a ordem: tire meus sapatos e massageie meus pes. Olhei para ele meio confuso e entao veio a ordem novamente: tire meus sapatos e massageie meus pes. Obedientemente eu o fiz. Ele se espantou pois mesmo mandando, nao tinha certeza se eu obedeceria. Estava entao acontecendo a posse definitiva de Samarone. Comecei a massagear seus pes tamanho 44, macios, bem cuidados e com um cheirinho caracteristico. E eu estava excitado com aquilo. Eu de joelhos, massageando os pes de outro homem, do meu homem. Entao ele disse: voce gosta de mim Alex? Voce quer ficar comigo? Eu quero voce. Sei que voce gosta de homens. Ha muito tempo noto o seu comportamento. Eu o olhei, e adimiti: Samarone, nao sei explicar, mas sinto algo diferente por voce. Sinto sua falta, adoro o contato com voce, fico feliz ao seu lado. Enta ele disse: vem aqui, senta no meu colo. Vem minha menininha. Sentei em seu colo e nos beijamos ardentemente. Me senti completo por inteiro. Me senti feliz, parece que o tempo parou naquele momento. Ele me deitou no seu espaçoso sofa e veio me beijando. Fomos para o quarto e ficamos nus. Vi o tamanho do seu pau e depois medi: 24 centimetros. Ele me mandou chupa-lo e iniciei uma chupeta, sentindo aquela pedaco de madeira na minha boca, que so entrava a cabecona, pois alem de grande era muito grosso. Ele forcava a entrada e ia me deixando sem ar. Eu queria agrada-lo e ia tentando ceder, tanto que ate lagrimas escorriam de meus olhos. Ele me pos de joelhos no chao e comecou a dar tapinhas na minha cara. Vendo que eu nao reclamava e no fundo estava gostando, ele aumentou a força dos tapas. Encostou minha cabeça na parede e começou a fuder minha boca. Entao me pôs de quatro na cama e deus umas lambidas no meu cuzinho virgem. Estremeci, senti arrepios. Vi que ele passou um gel no seu pau e encostou a cabeça no meu buraquinho. Começou a forcar a entrada e uma dor foi me invadindo, ao mesmo tempo que o tesao ia me dominando. Nao queria outra coisa naquele momento. Queria ser a mulher dele, seu viadinho, que ele tirasse minha virgindade e me fizesse sua femea. E foi o que ele fez. Segurou minha cintura e empurrou tudo de uma vez so. Vi estrelas na minha frente. Chorei naquele momento. Mas ao mesmo tempo, aquele tesao me dominou de novo e comecei a rebolar na rola dele. Ele bombava forte e me chamava de sua putinha, de viadinho, de fêmea dele. Passou tambem a dar fortes tapas na minha bunda. Falava que eu era dele a partir de agora, que ia me comer a qualquer hora, quando bem quisesse e que eu faria tudo que ele mandasse. Eu gemia e concordava com tudo. Me colocou de frango assado e voltou a bombar. Mandava eu abrir a boca e cuspia dentro dela, cuspia na minha cara. Anuciou que ia gozar e eu disse que queria que ele gozasse na minha boca. Tirou do meu cu e veio por cima de mim ate sentar-se sobre meu peito. Entao começou a se masturbar, ate que os jatos daquele porra branquinha, quente e saborosa enchessem minha boca a ponto de começar a transbordar. Engoli tudo e limpei seu pau. Depois, ficamos deitados juntinhos. Namorando como marido e mulher, ate nos levantarmos e irmos para o banho. La chupei ele de novo e ganhei mais leitinho. Assim me iniciei. Logo publico as continuações. Espero que gostem. Beijos para todos. E feliz 2012 para voces.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos mae fode o seu filhofidendo uma nnda gigabte carnudaa primeira f*** com travestiminha esposa foi aprender a montar - contos eroticoscontos eroticos maes e filhas straponContos.a.Mega.bucera.de.minha.filha.contos eróticos abusada virgemcomi minha cunhada adrianacontos eroticos gays romance primocontos titia curiosaContoa eroticos a vizinha feiaahora que paugozaDei calmante para enfiar na vagina das gordas contocontos eroticos arrombando a gordacontos tia dando o cu pro sobrinhoContos mulher coloca silicone e vira putaconto erotico viado afeminado escravizado por macho dominadorContos erotico travesti na cadeiacontos eroticos amigas ci pegandocontos tia dando o cu pro sobrinhoConto Cú de velha"conto erótico "Olá a todos, me chamo guilherme e hoje tenho 20 anos, a histária que vou "conto mae e filho e bunda da mamaeconto do tarado que se fazia de bonzinho para comer as meninasrelatos eróticos loira adora dar cu pro cavaloContoseroticos cavalocontos esposa branquinhaporn contos eroticos casada na coleiracontos eroticos arrombando a gordaestuprou dormindo contoah e. mist traSado no chuveirohistória de zoofilia no interior com cachorro vira latacontos erótico perdi a virgindade da b***** e do ku com meu patrãocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eróticos comi a mulher casada aqui na minha casacontos eroticos exibi minha mulherconto erotico masticou minha buceta estrubopassei de fio dental na frente do meu cunhado:contoa minha primeira vez com sexo canino contosConto erotico danoninhoContos eroticos de mamaecache:LLg3rwatgfAJ:https://okinawa-ufa.ru/m/conto_26618_minha-transa-na-festa-com-um-menino-mais-novo.html contos eróticos traição com jardineirocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu irmao tirou minha virgindadecontos eroticos minha mae popozuda e gostosarabuda e safada incesto contoscontos eroticos mamae e papai me encinaram a chupar bucetacontos gay peguei meu pai e minha mãe transandocontos eróticos chupando bucetasconto erotico dominando mãe e filhaloira resebi anal depois de treinamentofilme pornô minha prima gravata preta para mimContos eroticos de estrupoContos eroticos de meninas estupradas.ninfetas com vestidos beijando peitoral dos travestiscontos erótico de pessoas que vão pela primeira vez em praia de nudismocontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãocontos eroticos infanciacontos eróticos eu e minha mãe na praiacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos porno de pirralhas inocentescontos eroticos minha mae e uma safada e meu pai um corno liberalirma chantagem contos eroticoscom amigo na praiaconto eroticodei,dou,e sempre darei a buceta em contosContos fudendo elacontos eróticos esposas traduzidas na minha frentemeu cunhado abusa de mimcontos eroticos me comeram feito puta e chingada de vadia e cadelaneguinha conto erotico