Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENRABADA PELO PAI DA MINHA AMIGA

Olá, rnHoje venho contar mais uma de minhas aventuras, lembrando que são fatos reais, experiências maravilhosas que eu vivi, dessa vez com o pai da minha amiga. Utilizarei nomes fictícios. rnEu e a Ana somos amigas desde infância. A Aninha é filha de pais separados e sempre morou com o pai. Sempre foi um hábito uma dormir na casa da outra. Quando eu tinha uns 19 anos, já via o pai dela, o ?tio Luciano? ? era assim que eu o chamava - me olhando de forma diferente e eu até gostava, mas não entendia direito.rnOs anos foram passando e nos tornamos jovens mulheres, eu com 20 anos e a Aninha com 19, sempre que saíamos de balada o ?Tio Luciano? ia nos buscar e sempre fazia questão que eu dormisse na casa deles, para fazer companhia para a Ana que é filha única.rnO Tio Luciano tem 42 anos, é dono de um sorriso encantador, moreno, pele queimada do sol, cabelos, castanhos escuros e lisos, 1,80m e uns 85kg distribuídos em braços fortes, pernas grossas .rnHá uns 2 anos vínhamos trocando olhares mas um nunca dizia nada para o outro... Todas as vezes em que a Aninha pedia que eu fosse a casa dela, eu me produzia toda sempre com as melhores roupas, sapatos, perfume, etc com objetivo de chamar a atenção do tio Luciano. rnEis que um dia, ao sair da balada com a Aninha, lá estava o Tio Paulo a nossa espera... Fomos direto para a casa deles. A Aninha estava tão cansada que disse que iria dormir no banco de traz e que era para eu ir na frente ...rnAo entrar no carro o tio Paulo nos disse, olhando para mim: Vocês estão lindas! Vamos para casa, já esta tarde... ou melhor já é cedo? rnNaquele dia eu estava com uma saia curtinha, rodada, de renda preta, uma blusa meio transparente branca justinha, e uma sandália de salto de uns 10cm. rnFomos direto para casa e os olhares do Tio Paulo alternavam entre minhas pernas e o volante... sá de ver o desejo nos olhos dele, já me enxia de tesão, então não pensei duas vezes... peguei a uma das mãos dele e coloquei sobre as minhas coxas, dizendo que estavam doendo por ficar muitas horas dançando de salto... Ele me olhou de forma devoradora e não disse nada, olhou no retrovisor para se certificar de que a Aninha estava dormindo e continuou com a mão na minha coxa e começou a alisá-las. Então, eu sentei com as pernas entreabertas e ele começou a subir a mão a quase chegar na minha bucetinha que a essa altura já estava molhadinha e até latejava de tanto tesão...rnEnquanto isso eu comecei a passar a mão no pau dele, que estava duro e dava para sentir cada vez que latejava o que me enlouquecia ainda mais... ambos estávamos loucos de tesão então coloquei a mão dentro da calça dele e comecei a acaricia-lo... apenas por cima da cueca pois tínhamos que ter cuidado, por causa da minha amiga que dormia no banco de traz.rnChegando em casa, acordamos a aninha que foi tomar um banho antes de dormir... O quarto da Aninha era uma suíte então enquanto ela tomava banho de portado banheiro fechada eu comecei a me despir com a porta do quarto aberta para que o Tio Luciano me visse... Ele parou em frente a porta do quarto e ao vê-lo me olhando eu comecei a acariciar os meus seios o que encheu o tio Paulo de tesão e então, ele me arrastou até a cozinha pelos cabelos fazendo gesto de silêncio e me encostou na parede de costas para ele e meteu aquela rola gostosa no meu cuzinho. No começo doeu um pouquinho mas eu estava com tanto tesão que esqueci da dor... Ele metia aquele pau imenso inteirinho no meu cu... com movimentos cada vez mais bruscos o que me dava mais tesão ainda... Minutos depois a Aninha desligou o chuveiro, e estava tão cansada que do quarto mesmo falou em voz alta: Ka, vc está aí? Então eu respondi ?Estou na cozinha tomando um café e já estou indo dormir?, ela respondeu: OK, não vou te esperar pois estou com sono, boa noite? Eu apenas respondi ?Boa noite? Enquanto falávamos ele metia o pau de var no meu cuzinho, mas no momento em que ela disse que estava indo dormir e ao ouvirmos que a porta do quarto havia sido fechada ele tirou aquele cacetão do meu cu e disse, ?vem dar um beijinho vem... minha putinha? e eu comecei a mamar naquela rola gostosa enlouquecidamente depois ele se sentou em uma das cadeiras e eu sentei naquela rola gostosa, enquanto eu cavalgava ele beijava e lambia meus peitos aquilo me encheu de tesão e eu gozei... deixando aquele cacete ainda mais molhado, então ele me colou de quatro e disse: Eu vou encher seu rabo de porra, sua putinha! Então ele começou a comer meu cuzinho novamente, com muita força e eu gemia baixinho, num misto de dor e tesão o que o deixava cada vez mais excitado... eu conseguia sentir aquela benga latejando no meu cuzinho... pouco tempo depois senti aquele lentinho gostoso encharcar meu rabo e escorrer até minha bucetinha... rnEstávamos satisfeitos... então, fui tomar banho e dormi feito uma pedra... Na manhã seguinte apenas me restavam as lembranças de mais uma noite sensacional, fechada com chave de ouro!rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos de encoxadas em onibuscontos de velha que foi arrombada pelo pai dotadofui criado para ser gay Contosconto viado estupradoconto erótico a coroa tem um bucetao que deixa marca no shortinhobuceta com muito tesao goza na primeira estocadaminha mae com a buceta peluda contomaldoso comeu meu cuzimcontos eroticos tirei a virgindade da minha tia gordinhaContoseroticoscomsogroa calcinha da menina - contos eroticosbebada conto eroticocontos eroticos marido e esposacomtos de incesto com subrinha na caxuera no carrocontos eoroticos sobre enfermeiras de montes claros mgContos nao sabia bate punheta amiga de mamae me explicoucontos freirinhaconto erotico caseiro pau groso gode minha esposavi outro gozar na boca de minha mulher contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos na saída do paredão comendo c* virgemcontos eroticos arrombando a gordaPorno conto casada no veloriofotoxvideopornodando/o cabaço pro titio conto exitantecontos eróticos sobre tia bucetuda é grávidaContos de mulheres, fudendo com seu avôcontos eroticos me xinga de piranha puta e meu marido de cornoConto mandonacontos esposa branquinhacontos de pervertidosMete mete vaí conto paicóntos eroticos eu e minha irmã chupa pau de traficantecontos abusadasScu do sobrinho menor contos eróticoscontos eroticos meu amigo e minha mãeConto erotico geova gravidaxcontos de familia minha familia w evangelica mas fpmos na praia de nutismopai q come filha no sitiocontoscache:LLg3rwatgfAJ:https://okinawa-ufa.ru/m/conto_26618_minha-transa-na-festa-com-um-menino-mais-novo.html pagou pra cunhada,sobrinha,enteada,pra chupar caseirocontos eroticos virgem com vovoContos viagem casal praia toplessgostosa acediou o massagista pornocontos erotico irmaoscontos gay negaoflagras de fodas em no parque da cidadecontos eroticos esposa manda no cornomulher fazebdo conids dr shortinho e marido psu duroum romance com minha maninha-contos:eroticoscontos eróticos comendo cuzinho da gordinhamulher com uma bu dando nda inmencaContos eroticos roludo comendo a bundinha da loirinha gostosinhacontos eroticos a filhinha da empregadacontos eroticos arrombando a gordanovos relatos eróticos com fotos de corno minha esposa andando na rua toda gozadapai me comecontos eróticos cuzinho da filha da namoradaboquete no casado contoconto erotico virei escravo de minha professora safadavídeos porno negras barriguda caidacontos de esposa arrombada dormindocontos sadomasoquista vendida pelo maridocontos de incesto eu comi a bunda da minha mãe taboo sexoporn conto com a gerentee dos velhinhos gays no pinto mole fudendo velhinhos contos eróticosconto eróticos ninfetinha q gosta de pica peitos cai de bocaContos de crentes sendo aronbadasmulheres com dhorte branquinho com cuzaoconto so dou o meu cucontos eróticos e fetiches paguei boquete no meu irmãoa minha cunhada casada e saia justa contos com fotoscontos eroticos so de pensar gozoconto virgem estrupdacontos erotico a 1 de una solterona com um menino de 15Contos no cu da tia