Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA CUNHADA UMA LOUCURA

Bom meu nome é Kalil tenho um corpo não muito atlético, moro em São Paulo, a minha cunhada se chama Leila morena dessas bem gostosas ela mora em Natal, ela se separou do marido faz uns dois anos, bem vamos ao que aconteceu.rnTrabalho com vistoria de obras numa grande construtora, viajo muito por causa do serviço, no começo do ano fui designado a fazer uma vistoria numa obra na cidade de natal a minha mulher então deu a ideia de ficar na casa da irmã aceitei normalmente já que ela poderia me apresentar a cidade pois nunca tinha ido.rnChegando no aeroporto lá estava ela, fazia um muito tempo que tinha a visto pelo que vi parece que a separação tinha feito muito bem a ela, ela estava com uma roupa de tirar o fôlego, um vestidinho curto de mostra a poupa da bunda.rnQuando sai da área de desembarque ela me deu um abraço desses bem apertado o meu pau subiu na hora, acho que ela percebeu pois ela deu uma olhadinha pra baixo e deu um sorriso meio sacana, seguimos pra casa dela chegando la fiquei sabendo que as filhas estavam passando as férias com o pai.rnA noite bati uma pensando naquele avião que tava o quarto ao lado, no dia seguinte sai muito cedo e passei o dia trabalhando, quando cheguei a noite ela me chamou para sai para jantar fui meio cansado mas fui, ela me levou num restaurante que tinha uma espécie de baladinha numa área anexa, jantamos e depois fomos para essa área, chegando la ela me chamou para dança falei que não sabia ela falou que me ensinava, aceitei meio comedo de passar vergonha, quando ela me abraço e colou seu corpo ao meu não me controlei e fiquei de pau duro outra vez, ela me olhou nos olhos e comentou se eu andava assim o tempo todo ou se era so quando ela chegava perto, desconversei e continuei dançando com ela, na volta pra casa ela me perguntou se já tinha traído a irmã dela, respondi que não, ela falou que não acreditava pois me achava um tesão desde da primeira vez que me viu, fiquei meio sem graça e continuamos, chegando em casa ela me chamou pra acompanha-la numa taça de vinho aceitei, depois ela falou que ia vestir uma roupa mais confortável, fiquei na área da piscina admirando a bela casa que ela tinha e pensando no que ela tinha falado sobre oque ela achava de mim, derrepente ela chegou com uma camisolinha meio transparente que da dava pra ver melhor ainda o corpão que ela tinha, fique sem jeito mas me mantive pé no chão.rnContinuamos bebendo vinho e a conversa foi esquentando, derrepente ela tirou a camisola e entrou na piscina e me chamou para entrar respondi que não tinha roupa de banho ela falou que poderia entrar pelado fiquei sem graça, daí ela respondeu que não era pra mim ficar com vergonha ela saiu da água e falou que pra mim ficar mais relachado ela tiraria o que ela tava usando, daí do nada ela tirou o restinho de roupa que ela usava, nossa que visão, uma bucetinha so com uma fiadinha de pelos, sem pensar tirei a minha e a agarrei dando um beijão de tirar o fôlego, logo ela se abaixou e começou a chupar o meu pau e que chupada ficou ali um tempão peguei ela me deitei e ela veio por cima fazendo um 69, quaando cheguei perto da buceta dela, que coisa de louco, cheirava a tezão fiquei louco e meti a língua levando-a goza na minha boca e eu na dela. rnNunca tinha sentido tanto tesão assim na vida pois logo depois de goza já tava de pau duro, ela então veio e foi sentando no meu pau e começou a cavalgar devagarzinho e foi aumentando o ritimo ate que gazasemos novamente, fomos durmi junto no seu quarto.rnPela manhã sai e ela ficou durmindo, quando cheguei a noite ela tava me esperando so com uma lingerie de tirar o fôlego fui logo agarrando ela.rnEla então me falou que ia me da a melhor noite da minha vida pois no dia seguinte eu voltaria pra casa, ela foi logo tirando a minha roupa e fazendo uma gulosa muito melhor que a do dia seguinte a coloquei no sofá e fui a beijando o corpo todo ate chagar na buceta dela e chupei um certo tempo quando me levantei para penetrala ela falou que ia me dar uma coisa que nunca tinha dado a ninguém que era um presente para que eu se lembrar-se dela, então ela apoiou-se no sofá me deixando a visão daquele cuzinho vermelhinho, sem pensar dei uma lambidinha e coloquei o dedo na entradinha para dar uma lasiadinha ela gemia de tezão, fui passando a cabeça do pau e comecei enviar, ela gemia e se contorsia toda do nada ela pediu para enfiar tudo, peguei e enfiei e comecei a bombar com força e gritava e pedia pra ir mais rápido derrepente ela gozou e se virou e pediu pra por na buceta dela coloquei e fiquei ali ate goza dentro, transamos mais umas 4 vezes naquela noite, foi uma noite realmente inesquecível, quando chegou a hora de volta pra São Paulo ela me falava que ia ser o nosso segredinho e que logo logo íamos nos ver, vim embora e essa semana a minha mulher falou que ela vai vim passar uns dias aqui em casa, se acontecer alguma coisa eu posto pra vocês.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conosco toma a porra de. macho na. bucetacontos eroticos vi minha esposa me traindominha mãe me ensinou a engolir porracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico metendo na comadreconto minha tia timoda no banho http://okinawa-ufa.ru/conto_4315_como-acabei-comendo-minha-mae.htmlprovoquei meu pai e levei no cuzinho contocontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescariaconto erotico o sogropraia guaratuba contos sexopai fode fia a forsa contosContos eroticos minha esposa e o senseiconto erótico incesto feminino mãe confessa que lambeu filhacontoseroticos mae sentada colo filhocontos eróticos fábrica dos prazerescontos de mulheres ninfomaniaca por sexocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos meu vizinho mim estrupo eu era pequena tinha oito anoscontos eroticos paus gigantesf****** irmã mora nos peitos das gostosasmoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepapai descobriu contos eroticosparaiso dos corninhoscontos vendo o meu cunhado a fode minha irma betinhao pito da minha sobrinha e o cu da cunhada contosmendigos me violaram contos eróticoscontos eróticos priminha sapecapeitinho solto embaixo da blusacontos eroticos arrombando a gordanoiva fabiana cu pra 5contos esposa branquinharoupa de couro esposa contoscontos eroticos arrombando a gordamoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticosSafadinho aaa uuucasadas putas fodendo com preso contocontos eróticos namorada tirou a roupaComi minha tia de 19 Anoscontos eroticos incesto avôTramsar comtoscontos eroticos... minha mulher não tirava o olho da rola....conto dopei minha sogra pra metercontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos dei para meu sobrinho e os amigos delecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentenao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  Porno contos incesto familia prazer total qualquer idadewww.contos de incesto deixei meu tio chupar minha bucetinhacontos sexo família bisobiu no cu delaNo motel os dois cabaços das duas amigas da minha filha conto eroticocdzinha passiva. viciada em sexo contofodendo uma égua no estaleirocheirei a calcinha da minha cunhada safada contoscontos eroticos orgia eu marido com as casais de amigos na chacaracontos encoxando viado busaojaponesas babys fazendo zoofilaContos eróticos surubasTRAVESTI CHUPÁ OUTRO TRAVESTI E BEIJO NA BOCA E FUMANDO O CIGARRO Contos eroticos-lesbica plugcontos eroticos mulhersibha do papaicontos gay gozando pela primeira vezsou casado meu cunhado vem morar com nós acabei transando com ele contos eróticosContos eroticos a vizinha feiacontos eroticos minha mae e uma safada e meu pai um corno liberalcontos eroticos de meninas sapequinhasmetendo na irmã dormindo boa f***contos eroticos eu ea minha mulher gostamos de rolasconto menor me comeuconto erotico minha namorada me enganou