Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FIZ MINHA TIA GOZAR

Bem, alguem ai gosta da sua tia? pois eu gosto da minha, e muito!!rnrnEu não costumo ir muito na casa dos meus tios mas sempre que vou, durmo por lá, meu tio trabalha cedo, meus 3 rnrnprimos saem cedo tambem e minha tia é dona de casa, ou seja, eu acordo primeiro que ela e como é mulher, ela sá rnrndorme de camisola, mas sempre com soutien e calcinha.. porém na virada desse ano, todos da casa quiseram rnrnviajar, menos eu e ela, daí pra eu não ficar sozinho em casa "atoa" e minha tia tambem eu fui pra casa dela, ela é rnrnuma loira de cabelo chanel, olhos esverdeados, peitos grandes, coxas grossas, um rabão gostoso e de quebra uma rnrnbarriguinha lisinha, apesar da idade (40), minha tia é conservada, ela não aparenta ter essa idade, isso tambem não rnrnimporta muito porque eu sempre achei ela gostosa mesmo..rnrnNesse dia 31, ela gosta de beber champagne, ela bebeu bastante e depois de 'zoar' muito naquele dia estava chapada e cansada, ela foi dormir, eu ajeitei as coisas por lá e tambem fui, já era umas 4 e pouca da manhã, meus primos e meu tio sá iam voltar 3 dias depois, então não me preocupei em dormir de cueca lá, eu tinha até pensado em dormir com ela na cama mas deixei pra lá.rnrnQuando era +- 12hPM eu acordei, tinha sonhado com ela, sá eu e ela lá na casa, ela de porre, pensei que poderia rnrnser a minha chance de aproveitar, eu fui no quarto dela, abri a porta, ela estava com a camisola de sempre porém rnrnela tinha tomado banho antes (como tem terraço, enquanto eu arrumava lá em cima, nem percebi que ela tinha ido rnrntomar banho lá em baixo) e estava SÓ de camisola, eu olhando o biquinho do peito dela, lindo! levemente rnrnamarronzados, tamanho médio, como eu já disse, amo peitos e ainda mais naturais...rnrnEu pensei em começar a brincar com ela até ela acordar, e foi o que eu fiz, passando a mão pela camisola, nos rnrnpeitos, acariciando e apertando de leve aqueles lindos bicos, ela foi acordando e se contorcendo de leve, ela abriu os rnrnolhos e me viu, não estranhou e nem pediu pra parar nem nada, fechou os olhos de novo, eu percebi isso como um rnrn"sinal verde", continuei acariciando ela, na barriga, dando beijos e disse "que tal tirar isso pra ficar mais a vontade?", rnrnela de olhos fechados abaixou as alças da camisola e deixou eu puxar, ela ficou de lado e eu entrei ali, ficamos de rnrnconchinha, como eu sá estava de cueca, meu pau já estava bem volumoso e já dava pra sentir duro já, eu encaixei rnrnna bunda dela e ela sentindo meu pau duro sobre a cueca enquanto eu ia lambendo o pescoço dela e beijando e rnrnacariciando aqueles biquinhos que já estavam bem durinhos, depois ela chegou pro lado, abriu os braços na cama, rnrnficou no meio dela e abriu um pouco as pernas, eu subi em cima dela e apertei aqueles peitos gostosos com rnrnvontade, ela até virou a cabeça na hora, sai da cama, fui no banheiro e peguei um oleo pro corpo que ela passava, rnrnvoltei rápido, joguei no corpo dela todo, ela tem aquelas vendas pra dormir, então eu peguei e coloquei nos olhos rnrndela, dai comecei a espalhar o oleo pelo corpo, passando pela barriga, peitos, subindo pelas axilas, braços, depois rnrndesci denovo e virei ela, dei uns 3 tapas naquele rabo grande dela e passei o oleo por ali e descendo até os pés, ela rnrnjá estava ficando com a respiração mais acelerada, então eu botei a mão dentro da cueca, arrumei meu pau no rnrnmeio dela, e como estava bem duro ficou bem volumoso mesmo, comecei a passar na portinha do cuzinho dela, rnrnfechei as pernas dela completamente e comecei a relar nela, estava tão gostoso que eu já estava molhando a rnrncueca, não aguentando muito mais eu abri bem as pernas dela e cai de boca na buceta dela, que grelo! buceta rnrncarnuda, grelo grande e gostoso, muito suculenta, chupei por pouco tempo pois já queria penetrar minha piroca dura rnrne torta naquele cuzinho fechadinho dela, minha pica é curvada pra direita e quando fica bem dura mesmo, não tem rnrnjeito, tenho que meter um pouco de lado, e foi assim, mesmo pegando forte na pica tive que botar minha tia de lado rnrnna cama e varar ela, botei devagar sá a cabeça pra abrir o cu dela, fui colocando mais e mais até que coloquei tudo, rnrnsá faltou minhas bolas entrarem nequele cu gostoso, ela gemendo baixo, sá sentindo ser enrabada por mim, rnrn21cm enfiado no cu dela, comecei a meter mais rapido, ela começou a gemer de tesão e um pouco de dor tambem, rnrneu estava batendo naquele rabão dela com força, ela pediu pra que eu parasse um pouco, eu tirei devagar do cu rnrndela e parei.rnrnNessa hora ela ficou de quatro, eu dei +1 tapa na bunda dela, ela sentou na cama, encostou na cabeceira e tirou a rnrnvenda dos olhos, olhou pra minha piroca dura e torta, pegou nela e ficou batendo pra mim devagar enquanto ela ia rnrnacariciando a buceta, ela perguntou se eu tava preparado, porque a buceta dela era "chumbo grosso", eu disse rnrn"minha escopeta da conta", piroca lateijando já, levantei da cama, peguei ela pelas coxas e puxei pro fim da cama, rnrnfiquei meio de pé, com os joelhos um pouco dobrados, ela lambeu as mãos, com uma ficou apertando o bico do rnrnpeito direito, e com a outra ficou se masturbando, chupei um pouco a buceta dela, puxei bem a pele do pau e coloquei a cabeça, não fui devagar, assim que a cabeça entrou eu ja fui enfiando tudo e tirando, um pouco rapido até, naquela posição frango-assado ela deitou a cabeça na cama e começou a gemer, eu nunca tinha tentando, então resouvi tentar achar o famoso ponto G, depois de um tempo fudendo ela já, eu estava suado e ela ja devia estar toda assada e doida de tanta pirocada e tapa no rabo e nos peitos dela, então fiquei pressionando na região abaixo do abdomen e da barriga, metendo um pouco pra cima, ela começou a gemer mais forte, começou até a gritar e xingar, daí eu metendo mais rapido e mais forte, ela olhou pra mim e começou a tremer, tremendo forte eu parei, tirei meu pau e meti a mão na buceta dela, fui masturbando ela e ela tendo um orgasmo gostoso na minha frente e então ela gozou, gozou pouco mas gozou na minha mão, levei minha mão na boca ela, ela chupou, depois fui na buceta dela toda lambuzada e lambi um pouco, levantei, subi em cima dela, fiquei batendo minha pica nos peitos dela até ela "voltar a real", ela olhando pra mim, vendo eu querendo gozar, dei minha piroca pra ela, ela colocou no meio dos peitos e eu parado ela começou a bombar, eu parado e ela bombando, até que eu literalmente soltei uma "porrada" na boca e no pescoço dela, nossa que gozada!!! deixei a cabeça na boca dela um pouco e fui tomar banho, depois ela foi tambem, já era 2:30hPM 3hPM quando nás fomos almoçar.. e até hoje eu acho que meu tio não conseguiu fazer ela ter um orgasmo daquele, muito menos gozar, mesmo pouco, mas eu fiz.rnrnAté o proximo!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos levei amigo bebado fudeu minha esposacasada reclamando do vizinho contos eroticoscontos eróticos dei o cuContos eróticos comendo uma lorinha dos seios grandes Luizanovinha p****** dando para o bodãocontos eróticos pau de assopraContos erotico dois policial dotadu fudel minha esposaacampamento comnovinho conto eroticocontos de sexo com novinhas trepando com advogadosXupano apiroca doirmao sentada novazo dobanherocontos eróticos sou casada loirinha com marquinha de fio dental dente com mendigo em casaenfiado a buceta na grafi de cama xvidioconto erotico incesto sonifero filhacontos eroticos minha pequenapuzeram esposa dar pra todoscontos eroticos fio dental usadocomenho a vinsinhA e gozando drntro de lasubi a saia da e comi minha empregada vadiaComendo cu de mulher dormindo conto eroticoMinha esposa se exibindo pro garoto contos eroticoscontos de incesto minha filha se tornou um mulheraogritando e pedindo pra nao botar pois doi pra nao perde o cabacohomem arromba mulher guandoela dormeeu conto sou casada meu cunhado me pegou a focaeroticos satisfaco mae na camacontos realizei o sonho do corno engravidei de outrocontos com sobrinhaempregadinha contorelatos eroticosde portuguesas de noVinhas conto erotico velho praia nudismoenquanto eu dormia ele botava o cao pra me chupar incesto e zoofiluanovinha desmaia de tanto gosa conto eroticoContos visitou o culhado na cadeiacontos eróticos sobre sobrinhabucetudacoroas de bucetas grandes conto eróticosconto erotico comendo mulher do irmao mas novo na marraconto eroticos sem maldade senti que os dedos tocavam minha xoxoracontoseroticos mae sentada colo filhomete mete contocontos eróticos comendo grama grávidacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu primo e minha amiga contos eróticosme apaixonei pelo um bandido conto heroticocontos de casadas rabudas que adoram uma piroca preta enterrada no raboxvedeo porno cuadinha tava triste cuanhado animou fedendo elatia tchuca faz o movimento no piruvizinha crente eroticonua e corpo inteiro melado de margarinaConto sogra e nora esfregando a buceta na buceta da filhacasal menage experiencias sexuais contadasa piriquita da theulma moreninhaminha cunhadinha e virgens peguei a forcacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos reais de encoxando a maecontos primeira surubacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteRoseli gemendo com pau na b*****contos dormi de fio dental e me ferreividio porno u homen gozano na buseta po sema dacasinhacontos eroticos de quata feira de cinzacomi minha colega casada contos eróticoscontos zoofilia gaysacanaje no exercito policias cuzudasporno conto relava aquele peito em mimcontos eroticoso cu da cadelinhacontos fudi minha cunhada emplena lua de melcontos heroticos gay meu padrinho de vinte anos me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteso contos eroticos sadomasoquismo com maridos e esposascontos eroticos de negros na praia de nudismotrepei com a virgemConto erótico meu nome é Lucinda preucupada com a saúde do meu filho comendo a mae contos