Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUI COMIDA POR UM CAVALO

Oi gente, meu nome é Sabrina, tenho 19 anos e sou do interior de São Paulo. Sou travesti iniciante, assumido e quero compartilhar com vocês uma coisa muito desagradável que aconteceu comigo semana passada. Marquei um encontro com um carinha, filhinho de papai com carro importado e muito dinheiro para gastar e achei que ele sabia que eu era travesti. No anúncio que coloquei no jornal prestando meus serviços, eu disse que era travesti. Jamais menti para ninguém sobre minha opção sexual.rn O cara me pegou no lugar combinado e me levou para um motel. Lá chegando, tomou todas e estava custando a falar. Depois de muito esperar, foi melhorando do fogo e foi logo me agarrando e beijando com toda brutalidade. Sou novinha, bonitinha, tenho um corpo muito certinho, 1,68 m de altura, morena clara, cabelos longos muito lisos e escuros, lábios carnudos, seios fartos e durinhos, uma cintura fininha, 98 cm de quadris, um bumbum empinadinho, malhadinho e carnudo e os lábios grossos e sensuais. Pareço uma mulher mesmo. A única coisa que eu não tenho de mulher é a vagina o resto sou uma mulher perfeita.rn Depois de me jogar com força na cama mandou que eu fizesse um boquete nele e mal comecei, já tinha gozado na minha boca. Achei aquilo estranho, mas como ele estava pagando, deixei rolar numa boa. Depois foi tirando minha roupa, mordeu e lambeu meus seios até ficarem doloridos e quando tirou minha calça e viu que eu não era mulher, me desferiu um tapa no rosto violentíssimo que cai de costas na cama sem conseguir levantar. rn Aos berros dizia que eu tinha feito de propásito para pegar o dinheiro dele, que ele estava ali para comer uma buceta e não sujar o pau com bosta de homem e coisas desse gênero. Tentei explicar que aquilo não era verdade e levei outro tapa do outro lado do rosto que voltei a cair na cama. Ele continuou me insultando de tudo quanto era jeito, disse que ia me arregaçar se eu contasse alguma coisa para os amigos dele e um mundo mais de asneiras. Humildemente, pedi desculpas e disse que ia embora e ele não precisava gastar o dinheiro com um cu sujo de bosta. Posso ser o que for, mas sou limpinha e jamais cliente nenhum reclamou da minha higiene.rn Depois de acalmar um pouco, mandou que eu tirasse o resto da roupa que ia transar comigo assim mesmo e não importava com o dinheiro. Fiz o que ele mandou e fiquei esperando pedir os serviços que ele desejasse, estava disposta a cumprir com as minhas obrigações.rn Sem paciência nenhuma, mandou que eu ficasse de quatro na cama, porque viado dá é o cu de quatro e sem preservativo sem nada deu umas estocadas no meu ânus que não estava lubrificado e sendo nova na profissão, senti uma dor insuportável, mas não podia reclamar de nada para não deixar ele mais nervoso.rn Mesmos sem o pênis entrar direito, gozou na minha bunda e com o esperma ele lubrificou o pênis e me penetrou pela segunda vez, desta vez com toda vontade e ádio que sentia. Estocava meu ânus com força que eu sentia muitas dores apesar de estar mais lubrificado do que a primeira vez. Gozou pela segunda vez e ao tirar o pênis no meu ânus mandou que eu chupasse até tirar o cheiro de bosta que tinha ficado. Como sabia que estava tudo limpo, fiz o que ele pediu e fui para o banheiro me trocar. Estava humilhada e desprezada naquele quarto e preferia ir embora a sujeitar aquele animal falando da minha higiene. rn Ao ver que eu estava saindo, me pegou pelos cabelos me jogando com força na cama e dizendo que não tinha terminado. Apesar de ser um traveco, eu tinha a bunda mais gostosa do que muitas mulheres que ele tinha comido. Voltou a me mandar ficar de quatro e desta vez fez com calma e gozou como queria aproveitando o meu físico que não perdia nada por mulher nenhuma.rn No final, pediu desculpas pela estupidez, alegou que estava bêbado e não sabia o que estava dizendo, me pagou dobrado pelos serviços e me convidou para voltar no dia seguinte sábrio e fazer novamente. Dei meu cartão para ele me ligar e combinar, vesti a roupa e quando estava saindo do quarto ele disse: ?boneca, sabia que essa sua bunda dá de 19 no rabo fedorento da minha namorada?? eu concordei com um gesto de cabeça, despedi e sai. Mesmo pagando o triplo, como este nunca mais.rn rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


sogra velha contosContos eróticos mãe apavoradaconto so como o cuzinho da empregada casadacontos eróticos de tirando o cabaço das cunhadasQuero transa com minha prima que estar gravidaConto troquei o oleo com meu patraocontos erotico levwi minha esposa numa suruna de suprwsacontos esposa branquinhaquando eu estava com o meu namorado e ele estava chupando o mwu peito ele me chamou de safada o que sera que ele quis dizer com issoContos eróticos transei com a mãe casada do meu melhor amigozofilia homem fodendo forte acadela ela chora sentido dorcontos de coroa com novinhocontos sexo minhas meninas do sitiocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos brincando pique escondemeu marido foi corneado no nosso casamentoConto comendo a gorda casadatia tchuca faz o movimento no piruconto enfiei a cueca no cuporno mae ajuda filha a desemgata do cachorrosaboreando a cunhadaassalto a minha casa eu e minha mãe contos eróticos gang bangconto chantagem enteadaconto erotico trepei com meu primo engravideivelha viuva conto eroticocontos de atiivo x passivo fodendocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestichupando a buceta da minha vo dormindo contocomtos exitantescontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteesposa cheia de porra na festa casa dos contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico meu marido descobriuesposa no motel com amigos contocontos de sexo com vovoContos eroticos noviça virgemchorou na pica/contoo pau do meu irmao contoscontos eroticos meu pai me seguiu ate o baile funkconto erotico de corno atual dopando esposasou uma putinha gostosa da familiaConto mete tudo papaihomem chupa b***** depois coloca rola dentro da b***** e Adeleconto comendo a coroa gostosacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepeitinho solto embaixo da blusaarrombador de esposa contos cornospeitos caidos da velha do cornoconto ajudando o filhoTrepando gostoso na xana conto eroticomulhe cagando contoconto fui abusado pelo tio da van gayContos de comer cadelaporno doido costureiro medindo os seioscontos minha esposa e as gemeascontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadossó umbiguinhos lindos e peitos durinhosrelato esposa safada na fazendaConto Erotico: o macho se rendeu a minha rolaconto erotico mamei num seio com leiteconto gay virei viadinhoConto eróticos de novinhas 2006contos eróticos de amigos com mts mamadaswww.finhinhas.pornchupou o pau no karatê ele gozar na cara delacontos primeiro analeu e minha filha no baile funk contos eroticostravesti de vestido e botinha querendo pica na bundinhacontos eroticos gay no cinemacontos eroticos de negros na praia de nudismocontos eroticos presente para cunhadaConto erotico 25cm na minha tia magrinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos arrombando a gordadesfilado de calcinha por dinhero contos erotico