Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PIETRA, UMA FILHA SAFADINHA - TOBI.

Oi pessoal do contos eráticos. Vou continuar contando o rnrnque aconteceu no dia seguinte a madrugada intensa com rnrnminha filha Pietra. Como descrevi no conto anterior, sou rnrnmoreno claro, 35 anos, corpo atlético e boa pinta. Sou rnrncasado com Silvia de 30 anos e uma manina chamada Pietra rnrnque na época do acontecido ela estava completando 19 anos. rnrnBem, o que passo a relatar apás quase 1 ano de eu e minha rnrna ter relação sexual praticamente todos os dias. Sempre rnrnque chegava do trabalho notava que Pietra passava a rnrnmaioria do tempo trancada no quarto e Silvia essa hora rnrnestava na academia que ia direto do trabalho. Esse dia em rnrnespecial resolvi subir até o quarto dela pra saber como rnrnfoi seu dia, chegando na porta do quarto, me deperei com rnrnPietra falando com tobi, um cachorro da raça pinscher de 5 rnrnanos de idade que tínhamos. Minha surpresa foi que Pietra rnrnfala tipo sussurrando "Vai Tobi, Vai Tobi". No momento rnrnachei que ela estivesse tentando ensinar ele a pegar algo rnrnmas verdade ela estava com outras intenções, com a porta rnrnum pouco aberta pude ver pelo vão que ela se deitava na rnrncama de bunda pra cima e Tobi ficava a sarrar sua rnrnbundinha. Mas como a raça era muito pequena então o pinto rnrndo cão era proporcional ao tamanho. Pietra ainda de rnrncalcinha se deixava a ser agarrada e lambida, fiquei rnrnobservando ela por algum tempo mas ela não passava disso e rnrnfoi isso por muitos dias. rnCom o fim de semana chegando e sol forte, marquei com as rnrnelas de irmos passar o fim de semana em Muriqui, rnrncidadezinha da Costa Verde. Um amigo sempre me empresta a rnrncasa quando precisamos, assim que chegamos, peguei as rnrnchaves com o vizinho zelador e ele tratou de ir retirar os rnrncachorros da casa porque eram muito brabos. Perguntei se rnrnnenhum poderia ficar por segurança que não fosse muito rnrnbrabo é claro. Thor um fila brasileiro bem velho e feio rnrnficou no canil da casa, ele já não demonstrava tanta rnrnagitação quanto aos outros. rnDia seguinte resolver tirar a histária de Pietra com Tobi rnrna limpo, já que combinamos que ela não me esconderia nada rnrnque envolvesse sexo, assim que Silvia saiu pra ir as rnrncompras eu me sentei na sala com Pietra e perguntei:rn- Filha, por que você fica trancada com Tobi todos os rnrndias?rn- Há pai, eu ensino ele sentar, latir e rolar.rn- Tem certeza filha?rn- Sim pai!rn- E seu eu disser que não foi isso que eu vi?rn- Poxa papai, desculpa! Eu não queria mentir pra você!rnrnCom os olhos quase se enchendo de lágrimas eu procurei rnrnconfortá-la.rnrn- Combinamos de você me esconder nada no que envolvesse rnrnsexo né?rn- Eu sei pai, você tem razão! Mas está com raiva porque rnrnfiquei bolinando o Tobi?rn- Claro que não filha, já li muitas histárias em sites e rnrnnão fiquei muito espantado.rn- E o que você achou papai?rnrnÉ claro que respondi dizendo que fiquei com um tesão rnrnfudido! Como ainda era cedo e o sol ainda estava rnrnesquentando, tive a idéia de chamar Pietra pra dar um rnrnbanho em Thor e ela topou no ato! Já imaginando no que rnrnpoderia acontecer, não tirei thor do canil e damos o banho rnrnnele ali dentro mesmo pelo fato de aparecer algun vizinho rnrnpelo muro de algum andar das casas do lado. rnCom o cão todo enchaguado e fedendo muito, chegou a hora rnrnde passar o sabão, fiquei de lavar as partes de cima dele rnrne ela lavava as patas e a barriga. Já de banho tomado e rnrnainda fedendo muito para uma segunda demão no cão porque rnrnparecia que fazia anos que ele não tomava banho. Nisso rnrnfiquei sá observando Pietra, ela não desgrudava o olho do rnrnsaco, que realmente parecia que ia até o chão. Então falei rnrnpra ela.rnrn- Filha, você já lavou a parte de baixo?rn- Sim pai, toda a barriga e as patas.rn- Mas e o saco e o pau dele não?rn- Como assim papai? Tem que lavar isso também?rnrnEla meio que com nojo, passou bastante sabão nas mão e rnrndevagar foi alisando o saco. Thor deu uma curvada meio de rnrnlado mas não passou disso, até parecia que estava rnrngostando. Nisso Thor começa a revelar porque tem esse rnrnnome, a ponta do pau dele começa a aparecer pela pele e rnrnPietra se assusta.rnrn- Papai, tem que lavar aqui também?rn- Sim filha, vai arregaçando até sair todo e passa sabão rnrnde leve pra não machucar ele.rnrnEla então pega na pele e passar a arrastá-la para trás rnrnafim de liberar todo o pau do cão até que que para no ná.rnrn- Pai, não sai mais.rnrnQuando olhei pra baixo vi algo que jamais vi nun cão, um rnrnpau bem grosso parecido com o meu mas que não era mais rnrncumprido que o meu.rnrn- Isso filha, vai lavando evagar.rnrnEla passar a massagear o pau dele em movimentos de vai e rnrnvem, o cão passar a fazer movimentos pra frente e para rnrntrás tentando acompanhar os movimentos dela.rnrn- Filha, tá parecendo que Thor não mete num buraco faz rnrntempo.rn- É mesmo pai, parece que ele tá transando com minha mão.rnrnEsse foi o momento que esperava!!!rnrn- Porque você não dá o cuzinho pra ele e mata a vontade rnrndele?rn- É sério pai? Sempre tive curiosidade mas nunca achei que rnrnfosse fazer isso mesmo!rn- Então esssa é sua chance!rnrnEla então ficou com receio de colocar a boca no pau dele, rnrnentão tratei de ir ajeitar o cuzinho dela. Enquanto ela rnrncontinuava a massagear o pau do cão, posicionei ela de rnrnquatro e joguei bastante cuspe na mão e passei a enfiar rnrnum, dois e depois quase três dedos. Fiquei com medo que o rnrncão poderia machucá-la, então lembrei que tinha trago uma rnrnpomada de lubrificante KY. Peguei dentro de casa e voltei rnrncorrendo, lubrifiquei bastante seu cuzinho e depois passei rnrnum pouco na mão dele pra espalhar no pau do cão.rnrn- E agora filha, tá preparada?rn- sim papai, será que vai entrar?rn- Claro filinha, esses anos todos eu preparei bem esse rnrncuzinho!rnrnColoquei o cão por trás dela e joguei algumas toalhas nas rnrnsuas costas caso o cão queira agarrar sua cintura pra não rnrnarranhar sua barriga. rnEntão fiquei meio sem jeito pra posicionar o pau de Thor rnrnna entrada de seu cuzinho, suas estocadas na tentativa de rnrnpenetrar Pietra eram tão fortes que fiquei com medo dele rnrnenfiar na buceta e machucá-la. Acabei tendo que pegar no rnrnpau do cão e apontar na entrada de seu cuzinho, ao mesmo rnrntempo que segurava a cintura do cão pra controlar a força rnrndas suas estocadas fui dedinhando sua bucetinha deliciosa rnrnpra dar mais tesão em minha filha. rnrn- Vai pai, deixa ele me comer.rn- Então já posso soltar ele filha?rnrnNem esperei ela responder e o cão foi com tudo e deu uma rnrncravada certeira no seu cuzinho, fazendo ela soltar um rnrngrito com final de gemido. O cão não parava de meter um rnrninstante num vai e vem muito rápido. Joguei mais um pouco rnrnde lubrificante no seu cuzinho que já estava mais que rnrnlubrificado, eu fica ali de lado observando aquela cena e rnrnPietra me olha com os olhos meio lacrimejando mas gostando rnrnda sensação. Ela então passou a morder bem forte os lábios rnrne sentir um pouco mais de dor, parecia algo fora do normal rnrnquando olhei pra baixo e vi que sua fortes estocadas rnrnestavam fazendo seu cizinho abrir mais ainda para entrada rnrndo ná. Quando fui segurar Thor para que não metesse com rnrntanta força assim já era tarde demais, ele passou a socar rnrncom uma força descomunal com o ná já lá dentro e parou rnrnderrepente, era a gosada dela.rnrn- E aí filha, tá gostoso?rn- Sim papai, tá uma delícia esse aqui dentro.rnrnSá que ela não imagina o que viria a seguir. Ficamos quase rnrnvinte minutos tentando tirar o pau de Thor dentro de seu rnrncuzinho até q finalmente saiu liberando uma cachoeira de rnrnesperama dele. Não pensei duas vezes e meti no cuzinho rnrndele lambuzando meu pau com o esperma do cão e aquilo me rnrndeu uma tesão fudido! Gosei dentro de seu cuzinho e pelos rnrnlados saia parte de meu esperma misturado ao de Thor.rnrnEsse dia foi maravilhoso, aparir dele resolvemos bolar rnrnvárias fantasia que ela tinha em mente e por em prática. rnrnMas isso vai ficar para os práximos contos! rnrnValeu!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


"amor vou dar" amigo colegacontos eroticos arrombando a gordaEstouraram meu cuzinho na viagem contoslambendo a calcinha da esposa safada contosmulheres peladas com muita manteigacontos eroticos Sofrendo com o pauzaocontos eroticos com minha empregada nordestinadiario de corno contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteneguei e os garotos me comeram conto gaydesmaiou quando o caralho enorme do negro entrou no cucontos de casada rabuda fiel e fogosa cantadacontos meikilaapostou a filha conto eroticoarrancaram a roupa e batem e ela chorava e esperneava e mamava mamadeiragozou na buceta da garota que o odiavaConto erotico minhas filhas lindas do papaimeu padrinho quer transar comigocontos eroticos pai mae e maeContos eróticos meu tio mecontos eróticos comei a sogra na casa novacontos eróticos usada pelo padrinhoconto enterrando a ate o talo no cu da mamaeconto minha prima ficou cu arebentadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecuzudas contoscontos erotico coroacasado comendo onovinhocontos eróticos de gay sendo comido pelo sobrinhomulheres sentam e mexem gostoso.homem não aguenta e goza rapidomDona Florinda chupando a rola de Seu Madrugacontos eróticos crueldade com cornocontos eroticos gay medicocontos eroticos so eu e meu gato na chacaracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos transex fudendo com entregador de pizzacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos porno miudas e velhos a trois com minha cunhada video de subrinho a proveitando a brincadeira para encochar a tiacontos mae chantageada por molequescontos eroticos que e isso tioconto erótico eu tentei resistir  entao fiquei sozinha com o meu pai , no primeiro dia vi ele tomar banho e vi o  contos esposa loira recatadawww.contos de incesto deixei meu tio chupar minha bucetinhacamiseta sem calcinha. contos de casada.contos eróticos traindo marido na sala ao ladocontos gays meu pai gozou na minha bocaContos eroticos de filhas.assediando papai.quando esta sozinhacontos eroticos tio comendo sobrinhasminha namorada exibicionista contos eroticosmeus tios uma historia real 1amo cheirar a boceta da minha esposa pela calçaao oito ano minha tia me encino a chupa bucetaconto erota coroa me mamou e me fez gozarcontos eroticos de casadas d rio grande do nortemeu namorado me fez de putaconto erotico dando minha bucetinha pro enfeemeiro da minha amigacontos dormi de fio dental e me ferreiconto de meu irmão comeu meu cu com uma grande pica e eu não aguentei de dorcontos minha esposa ainda resistemeu sobrinho entrou no quarto tava dormindo contovelho tarado contos eroticos de incestoContos de sexo a amiga da minha mãearrombei a minha sogra chifreiraquero comer minha maeFuderan meu cu e minha esposa ajudou os carascontos eroticos massagem papaicontos eroticos arrombando a gordaver conto erotico sob velhos etrupadoretirei o cabaço delecontos de sexo de tias com sobrinhosPai transarno com as filhascontos com teens sentando na ro do pri com doze anosme depilei pro carnaval contoscontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anoso cu rosinha de minha neta de 9 aninhos