Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU E MEU SOGRO

Li este conto em uma revista e quis compartilharrnSou morena clara, 1,50m, 48kg, cabelo preto, liso, e cortados na altura dos ombros, 32 anos, olhos de mestiça, bundinha redonda e arrebitada, dizem que muito gostasa, e casada.rnCasei-me aos 19 anos com um rapaz de 21. Apesar de ser novo era muito quadrado, com relação a sexo, na cama era sá papai e mamãe, quando comessava a esquentar ele já tinha acabado, sempre me deixava na mão. Quando eu pedia pra chupar o pau dele ou ele chupar minha boceta, ou mesmo pra ele comer meu cuzinho, brigava e falava que isso era coisa de puta, que mulher direita não fazia isso. Morria de fontade de fazer igual aos filmes que alugava e assistia sozinha.rnPassaram-se dois anos, cada dia que passava eu ficava mais carente, as siriricas que batia já não estavam apagando meu fogo, estava cada vez mais carente. Mas, por linhas tortas ou sei la o que, acontaceu o que sempre sonhei. Minha sogra ficou doente e teve que ser internada. Como meu sogro trabalhava e não tinha tempo de cuidar da casa, passei a ir toda manhã na casa dele, pra dar uma geral.rnComo era época de calor e sempre me encontrava sozinha na casa, eu tirava minha calça e ficava sá de calçinha e camiseta. Mas um belo dia, estava debruçada, arrumando a cama, quando senti a presença de alguem na porta, virei de dei de cara com meu sogro alisando o pau por cima da calça, por certo já fazia algum tempo que ele estava me observando. Fiquei com vergonha e abaixei os olhos, puxando a camiseta pra baixo, tentando tapar minha calçinha.rnEle veio até mim e me abraçou. Tentei escapar, como ele era mais forte, não consegui. Daí ele começou a falar que sempre me desejou, e que o filho dele não dava conta do recado, que ele não sabia dar valor na mulher que tinha em casa. Conforme ele ia falando eu senti um volume que me precionava a barriga, com isso fui amolecendo. Ele percebendo me tascou um beijo gostoso, e passou a sussurrar em meu ouvido:rn-Você é muito gostosa. Merece levar uma surra de pica.rnNão resisti mais e me deixei conduzir. Meu sogro foi beijando meu pescoço e tirou minha camiseta, me deixando sá de tanguinha. Passou a chupar meus seios e alisar minha bundinha, procurando massagear meu cuzinho com um dedo.rnDeitei na cama e ele veio por cima. Me beijando novamente, sá que agora com mais vigor, foi beijando meu pescoço, meus seios, minha barriginha, desceu pra virilha, nossa que loucura, como era gostoso. Tirou minha tanguinha e começou a chupar minha bocetinha, dando mordidinhas no meu clitáris e me arrancando ondas de prazer nunca sentidas antes. Aí ele fez o que eu mais queria: Virou-se e colocou seu pau no alcance de minha boca, e partimos para um ?69? delicioso.rnGozei gostoso com sua língua na minha boocetinha e seu pau na minha boca. Depois ele virou, e enfiou aquela tora na minha xaninha, doeu como se estivesse perdendo o cabaço. Ele era uito bem-dotado, muito diferente do filho, comessei a gemer e lhe falei:rn-Isso, come sua putinha. Arronba minha boceta. Isso é que é pau, não aquela mixaria que seu filho tem. Isso, mais forte, mete tudo.rnEle saiu de cima de mim, e mandou que eu ficasse de quatro, e meteu de uma sá vez na minha xaninha, agora arrombada. Passou a socar com força, levando-me a loucura. Quando viu que eu tinha gozado, tirou o pau e começou a meter no meu cuzinho, até naquele momento virgem, chorei de dor, mas ele nem ligou, falou que agora eu ia ver o que era homem de verdade, e foi metendo. Vi estrelas quando passou a cabeça. Ele foi metendo devagar, mas sem parar. Quando enfiou tudo, começou a meter e tirar até a portinha, depois metia de novo.rnApesar da dor, comecei a sentir prazer e a rebolar. Meu sogro começou a massagear meu grilhinho. Não resisti e pedi pra ele meter com força, mandei ele me arrombar toda, me deixar toda arrombada pro filho dele. Gozei como nunca na vida. Ele tirou o pau do meu cuzinho e gozou na minha boca, fazendo com que eu bebe todo seu leitinho.rnTomamos banho, e ele foi trabalhar. Meu marido nunca ficou sabendo, tambem nunca mais repetimos...rnAutor desconhecido...rnEspero que tenham gostado, fotem ai, assim que possivel postarei mais...rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto de carona no caminhaoMinha vo da bucetona me retandocontos tia vai foder gostoso isso delicia vai issoninfetas lésbicas beijando o peitoral dos travestiscontos de sexo entre conhados gaycontos erotico incesto com minha familia todacotos heroticos gay neguinho me comeuminha namorada e putinha do meu pai contospai e filinha pequen q deixa pai come ela contoscontos eróticos mulher maduraentreguei a filha ao marido contos eroticosconto erotico mendiga cucontos eroticos vozinhas sendo curradasconto bulinada pir debaixo da mesacontos de crosdresseresmulhe vais boguete em bebudocontos comendo a irma rabudacontos porno beijos cona boca mamasbebada conto eroticocontos eróticos de novinha que deu a b******** bem gostoso para o cão f**** o cachorrocomendo a coroa de 80 anos virgem contoscontos eroticos minha tia tomando banho de solcontos eroticos incesto carro lotadoporno de tia cabelo cachaedo loira meia idade peluda com sobrinhoconto fiz sexo oral em padreviciei em chupar contoscontos eróticos eu inocente meu vizinho me pegou no flagra transandocontos de incesto gay brincando de lutaconto erotico de comi a amiga da minha filhafui passear nas férias e trai meu corninhoConto erotico incesto coloTetas explodem sutiams de mulhereswww.acordada por papai videos incestoContos eróticos eu e meu bemzinhosou casado e bem-casado e quero fazer uma fantasia sexual com minha esposa isso é normalWwwcasa dos contos meu marido e rasistacontos eroticos comi toda a familiaquero assistir uma mulher gritando e gemendo na cabeça da Chibata do pônei do cavalo pôneiconto erotico irmã de 16 e a vizinha de 15 tranza com o irmão de17 e goza na buceta das duascontos eroticos brincadeira nudista em familiacontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestie dos velhinhos gays no pinto mole fudendo velhinhos contos eróticoscontos eróticos sobrinha terraço caoputão na vara contoscontos eroticos peguei minha cunhada dormindoo pai da minha amoginha me comeu contosdelirei com a pica entrando no meu cuzinhosogro contos eróticosocomeno a vacacontos eroticos gay - minha irma me preparoucasada limpano porra do negaoconto eróticos mana so de calcinhacontos eroticos extremoconto erotico trepei com meu primo engravideibrinquedos eróticos para estender o buraco do anushistorias eróticas com coroa de 80 anosconto porno de amigas casadas fudendo com machos picudos nas feriasconto erotico de fui comida pelo amigo do meu esposo insperadamenteseios tezudos ai q tezãosou casado meu cunhado vem morar com nós acabei transando com ele contos eróticosContos.eroticos traindo marido na.sala ao ladoconto erótico a coroa tem um bucetao que deixa marca no shortinhomulheres casadas de shortihno bunbumgrandecontos e tia olhando meu paucontos eroticos infanciacontos comendo o cuzinho dela dopadacontos eróticos calcinha furadaConto esposa de tampa sexoCONTOS ERoticos cozinhaporno mulheris con a perna meia canbotaencoxada no onibus conto eroticomelhores contos de zoofilia de itu