Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEI PRA TRÊS NAQUELA NOITE - PARTE 2

A gozada do negão debaixo de mim já foi um troço. Ele se contorceu para tudo que é lado até aquela rola enorme foi saindo do meu cu devagarinho. O intelectual, no maior tesão apás ver o prazer do outro gozando, quis também. É a minha vez de gozar nesse cu lisinho, disse ele. Mal saí da geba de um e o outro me colocou de quatro na beirada da cama. Aquela noite estava maravilhosa para mim. O cara estava tarado. Aproveitou o cu dilatado e mandou ver num ritmo acelerado. Eu fui nas nuvens com aquela troca de cassetas. O cara estava mexendo como um louco num ritmo de funk acelerado. Na única oportunidade que tive de olhar para o peludão vi que ele já estava no maior tesão querendo me comer também. Eu tive que me controlar para não gozar com o intelectual na minha bunda. O gran finale seria com aquele que tinha me deixado de cu pingando desde a primeira vez que o vi. O intelectual era muito gostoso também. Por todas as preliminares que já tínhamos tido ele não demorou a gozar também. Eu podia sentir a pica dele pulsando que nem louca dentro de mim depois de tantas estocadas em alta velocidade. Ele tirou a pica de mim urrando de satisfação.rnCansado, me deixei cair na cama de bruços para recuperar o fôlego. Estava feliz. Estar com aqueles três gostosões fudendo a noite inteira era mais do que eu podia imaginar. Minha respiração demorou a voltar ao normal. Estava com sede, mas muito cansado para levantar e ir pegar um copo d´água. Estava bêbado de tesão, fora da realidade, curtindo somente as sensações gostosas do momento. Foi quando senti um corpo sobre mim.rnColoquei as mãos nas costas e senti aquele tronco peludo. Eu sabia o que estava acontecendo. Melhor ainda, sabia o que estava para acontecer. O melhor tinha ficado para o final. Para minha surpresa a pegada do camarada era gentil mas ao mesmo tempo firme. Ele queria me comer. E queria que eu soubesse disso. O negão, ainda deitado no outro lado da grande cama, observava com atenção. Senti aquela língua descendo do meu pescoço, passando pelas costas, deslizando pelo rego da bunda até chegar ao buraquinho do cu. Tudo em câmera lenta para que eu apreciasse cada segundo. O descanso, muito rápido, já havia terminado. Naquela hora eu estava me entregando para aquele macho do meu desejo. Ele lambeu meu cu como se não se importasse se dois outros tivessem estado ali antes. Ele sabia que ele seria melhor, inesquecível. Nâo sei como um travesseiro surgiu debaixo de mim deixando minha bunda toda exposta, entregue, livre para que aquele cara fizesse o que quisesse com ela. Eu me sentia totalmente aberto, livre, sem qualquer freio em minhas emoções. Quando me dei conta ele estava deitado novamente sobre minhas costas. Toquei ele com minhas mãos para ter certeza de que era verdade. Sua língua veio parar em minha orelha mas não disse nenhuma palavra. Sá arfava. Um movimento nos quadris e senti que sua pica estava abrindo caminho dentro de mim. Eu rebolava para facilitar. Com um giro de cabeça vi que os outros dois machos que já haviam me comido observavam com muita atenção. Era uma extensão do prazer para eles. Aquilo me deixava ainda mais louco. Ser comido pelo macho que eu queria e ter outros dois me olhando, adorando meu prazer em ser fudido.rnO ritmo das estocadas foi aumentando juntamente com o som dos gemidos atrás de mim. A sensação daquele corpo peludo na minha pele lisinha me enlouquecia ainda mais. O tesão do cara foi crescendo até que ele não aguentou mais e jorrou porra dentro de mim. Ao mesmo tempo a fricção do meu pau com o cetim sobre o colchão me fez gozar juntamente com ele. Eu já tinha segurado até demais. Foi um gozo longo. Foi um jorro de prazer. Ainda uma última vez estendi as mãos para sentir aquele corpo peludo.rnTudo foi maravilhoso naquela noite. Eu tinha dado para três caras gostosos e tinha me divertido muito. Pena que nunca mais os encontrei.rnSe gostou desta histária, que foi deliciosamente verdadeira, me mande um email. Quem [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


ru e a amiga da minha esposa contoconto ebebedei minha cunhada pra come o cu delaconto erotico. chamei minha amiga pra fuder comigo e meu namoradoler contos de jovens heteros iniciados por outro jovem no sexo gayconto eroticos meu genrocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos incesto fis minha nora chupar na maraContos primeira chupadaconto de corninhocontos eróticos comi minha tiacontos eróticos homem maduro gostoso da pica grande f******depilando a tia contoscontos erotico a bunda da minha norinhacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos porno mãe biquínicontos eroticos arrombando a gordacontos o comedor falou o cu da sua mulher é muito gostoso.contos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadosfilmes de bucetas cabeludas e bucetas com toquinho de cabeloscontos eroticos incentivei minha minha a trepar com dois enquanto eu dava meu cuzinhoporno izidinha fodenoteta gostosa contos eroticosbebê g****** contos eróticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico me enrrabou gaycomo arrombada pelo meu sogro contos eroticosfilha no acampamento conto eroticoContoseroticosjogadoracontos.virei travesti pela drogacomo se comportar na primeira transa com colega de trabalho meu primo bate punheta todo dia e fico toda molhadaContos eroticos corno panacasegurou a filha para tirar cabaçoCasa dos Conto a beira de uma suruba esposa casadaContos eroticos Mamãe putaContos eróticos Gay de comi o amigo do meu filhocontos eroticos pagamentoconto mamae papai irma na praia.contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fetiche trans branquinhasou crente marido conto erotico amante paucontos eroticos de surpresa buceta carnuda comtos de sexoidoza caseta toda gozadavidio.da meninas do corpiho gostozudoido pra brincar na bundinha da sobrinha novinha inocente gratisContos Eroticos Chinesa e negãocontos porno de incesto real pai filha e mae juntoscontos eroticos gay eu viciei e comer cu de menininhos da roçafui comida feito uma vadia vacabunda e chingada de puta contos eroticosConto erotico socando até as bolas no rabo da irmã e gozandocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentefoi chantageada pelo meu colega de trabalhoconto erotico dp com meu filho e seu colega vestida de cinta ligacontos herotico namoradacontos eroticos tive que dar pro homem da funerariacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eróticos, ai tio, goza na minha mãocontos traindomeu cachorro tem pau gostoso  Quando tinha 22 anos, adorava comer lekes mais novos. Uma das minhas aventuras mais excitantes foi quando descobri que meu primo Tiago , que morava na mesma rua , esta liberando geral nas brinacediras de pique-escondi da rua.Até então já havia tra  conto minha prima ficou cu arebentadoporno contos voyer no carro com esposacontos eróticos dei o troco na minha mulherContos filha de 7 com papaicontos eroticos cornos que nao desconfiacontos eroticos de casadas traindo no trabalhoconto irma casadaprofessor cacetudo comendo o cuzinho do menino afeminado no banheiro19 filha menina rebolanopegando hetero casado conto gayContoseroticosjogadoravou começar com Vanessa bucetacontos d zoof minha sobrinha c um cachorro