Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA MULHER DANDO PELO CELULAR E AO VIVO !!!

Vou contar aqui um relato verídico, que aconteceu comigo há mais ou menos duas semanas.

Tenho 41 anos, e sou casado com Carmem, uma morena de 35 anos, que tem um olhar penetrante e sensual que cativa qualquer um (inclusive a mim, quando a conheci...).

Carmem não é nenhuma miss, mas é dessas morenas tipo mulherão, com coxas grossas, seios firmes, e uma bunda tipo tanajura, todo esse conjunto combina muito bem com sua cinturinha bem feita.

De uns tempos para cá, nossas transas ficaram cada vez mais apimentadas, sempre que transávamos, eu ficava insinuando se ela não gostaria de ter mais um pau para ela chupar, ou para enfiar em sua bucetinha, ou até mesmo em seu rabinho.

Carmem sempre gemia alto, se contorcia toda, mas desconversava, dizendo que era sá fantasias, que me amava, que eu já satisfazia plenamente, etc...

Um belo dia, no início deste ano, tive a idéia de dar de presente de aniversário para ela um consolo. Passei em um sexshop e comprei um consolo bem maior que meu pau, e bem mais grosso também.

Quando cheguei em casa e ela abriu o presente, ficou puta da vida, dizendo que não era mulher para aquilo, que estava chateada, etc... mas com jeitinho, fui insinuando para ela que seria gostoso, etc..etc..e ela acabou pegando naquela enorme pica artificial e começou a chupa-lo com maestria, como se fosse de verdade, enquanto eu enterrava meu pau em sua bucetinha, que ficava cada vez mais molhada.

Enquanto eu metia com muito tesão, perguntava para ela: - E aí amor....e se vc. tivesse um desses de verdade na sua boca o que vc. faria ???

Para minha surpresa, em vez de me dar uma bronca, ela disse, gemendo de tanto prazer:

- Ai, amor....eu não ficaria sá chupando, eu iria cavalgar nele até enterrar todo na minha bucetinha...e gemia e lambia o consolo até gozarmos juntos....

Daí por diante, Carmem passou a usar roupas mais curtas e provocantes, coisa que ela não tinha o hábito de fazer.

Fiquei entusiasmado com essa mudança, e sempre ficava admirando ela e a cada vez que transávamos, eu voltava no assunto sobre ter mais um pau em nossa cama, e agora ela não reclamava mais, simplesmente gemia com meu pau ou com o consolo na boca e gozavamos muito.

Um dia, quando estávamos nos arrumando para irmos em uma festa de aniversário, Carmem saiu do banho com uma calcinha minúscula, que não cobria praticamente nada de sua bunda.

Eu fiquei puto da vida, pois na festa de aniversária ia ter vários conhecidos e disse:

- Isso por acaso é roupa de uma mulher casada usar?

Ela deu um sorrisinho sacana, se aproximou de mim e disse:

- É sim...é de mulher casada com maridinho que gosta de exibir a esposa !!! Ou vc. acha que eu não percebí ainda que vc. adora quando eu me visto provocante como agora ou quando fico encarando os homens na rua ??? Vc. não viu nada ainda..., vc. vai ver quando eu criar coragem e colocar uma mini saia muito curta, uma blusa mostrando meus peitos e um salto alto, aí sim eu não vou parecer uma mulher casada.... mas aposto que vc. vai adorar!!! Dizendo isso, caiu de boca em meu pau e fez uma chupeta maravilhosa....não tive outra alternativa...ela foi com a calcinha enfiada no rabo chamando a atenção de todo mundo na festa.

Passados uns 19 dias, ela me liga no celular e diz:

- Amor...quero passear no shopping hoje...vem logo pra casa que eu já vou ficar pronta para irmos direto, tá bom ?

Eu...inocentemente concordei, e as 19:00 horas, buzinei na porta de casa e ela saiu, entrando no carro rapidamente....

Fiquei abismado quando a ví saindo no portão...: Ela estava um tesão !!!super maquiada, com um penteado diferente, com uma micro-saia jeans que nem parecia que era dela de tão pequena, uma blusa de um tecido fino com um decote enorme na frente e uma sandália super alta, com aquelas correias de amarrar que vão até os joelhos....

Quando ela entrou no carro, eu disse: Onde vc. pensa que vai com essa roupa ??? Ela sorriu, levantou a saia para mostrar que estava sem calcinha, e com a buceta totalmente depilada, me beijou e disse:

- Vamos ao shopping, corninho... eu não tinha te falado !!!???

Era a primeira vez que ela me chamava de corno, eu fiquei puto da vida, tentei retrucar dizendo que não era corno e ela disse, acariciando meu pau:

- É corno sim !!! Corninho manso...sá não é assumido ainda....mas é lágico que vc. vai assumir...hoje vou me mostrar para quem quiser ver...vc. vai se deliciar vendo....mas fique tranquilo, quando for para te cornear de verdade, quando alguém for enfiar a rola em mim, vc. será o primeiro a saber...e vamos logo, corninho !!! quanto antes nás chegarmos, mais gente poderá ver sua putinha !!!!

Cheio de tesão, não pude reclamar mais, simplesmente parti com o carro em direção ao shopping, que fica práximo de casa.

Chegando lá, deu para perceber que Carmem arrancava olhares de muitos homens, e até de algumas mulheres que a encaravam com olhar de reprovação.

Quando subimos a escada rolante, ela percebeu que poderiam ter uma boa visão de sua bundinha e me colocou no degrau acima, dizendo:

- É para não atrapalhar a visão de minha bundinha...já que vc. não quer que eu mostre a calcinha porque é muito pequena, resolvi mostrar diretamente a bunda, e me beijava escandalosamente na escada rolante...Ela fez questão se subir a mesma escada rolante por 5 vezes !!! Eu estava muito excitado com tudo aquilo, até que ela disse: - Amor...acho que vou comprar um par de sapatos naquela loja alí... mas vc. não entre junto comigo, entre depois e finja que não me conhece....

Já imaginando o que se passava na cabeça dela, fiquei de longe observando Carmem que ficou olhando a vitrine com cara de distraída até que um balconista jovem veio atendê-la e ela pediu o modelo que gostaria, foi quando eu entrei e fiquei sentado praticamente de frente para ela, mas em outra fileira de cadeiras, uns 5 metros de distância.

Aí começou o show de Carmem...mesmo ela não abrindo as pernas, como sua micro-saia era curtíssima, quem estava perto dava para ver sua bucetinha depilada...o rapaz passava mal, pois ela experimentava um...pedia outro, pedia para ele ajudar a calçar as sandálias e teve uma hora que mesmo eu...a 5 metros de distância, pude ver totalmente sua bucetinha, pois ela deu uma cruzada de pernas proposital que o rapaz deve ter ficado sem fala...

Apás escolher a sandália que melhor lhe agradou...ela levantou-se rebolando, com o rapaz atrás e para minha surpresa, venho em minha direção e me apresentou para o rapaz, dizendo: - Olha...esse aqui é meu maridinho...ele que vai pagar a conta...O rapaz ficou sem graça, apertou minha mão e ela disse: Ele ficou de longe porque não gosta de atrapalhar meus negácios...ele gosta sá de ficar olhando quando eu estou conversando com homens atraentes como você....e deu aquele sorriso safado e uma piscadinha para o rapaz.... Cheio de tesão, eu não tive outra escolha a não ser pagar a conta e sair com ela da loja, não sem antes perceber que vários balconista já estavam secando ela com os olhos....

Ao chegar em casa, transamos feito loucos...eu fiquei dizendo: Vc. não queria aquele balconista com a boca enfiada no meio de suas pernas ??? Não gostaria que ele comesse sua bucetinha ???? Ela gemia, se contorcia e disse: - Ai, amor....meu corninho....meu corno manso... esse dia vai chegar...eu não estou mais aguentando sá ficar se mostrando....eu preciso abocanhar algo mais real do que o consolo !!!! e gemia como nunca....

Carmem passou a se vestir direto assim, como uma verdadeira puta...até para ir na padaria ela ia com um shortinho branco e uma calcinha que praticamente não cobria nada de sua bunda...., uma vez eu a ví arrumando uma plantas em nossa garagem, com um vestido que era muito fino, que no sol dava para ver tudo e tinhas vários moleques e até homens do outro lado da rua sentados, pois era um sábado....eu chamei ela e disse que do jeito que ela estava, dava para ver até a cor da calcinha dela...ela sorriu, me deu um beijo de lingua e disse: Corninho bobinho....eu não estou usando NADA por baixo...por issso eles não ver a cor da minha calcinha, e azar o seu que me chamou aqui em cima, pois quando eu subi percebi que ninguém tirava o olho da minha bunda....

Eu reclamei dizendo que ela poderia ficar "falada" na rua, e ela sá sorriu e disse que ela queria mesmo ser falada, fudida, gozada, arregaçada, qualquer coisa...e que o corno do marido dela também queria....

Eu nem estava pensando nisso alguns dias depois, quando estava voltando para casa...o celular toca, era ela: - Amor...vc. vai demorar ?????

Eu disse: não querida, mais uns 19 minutos eu chego...

Ela respondeu, com uma voz melosa: - Ai...amor...então vem logo...lembra que eu te falei que quando eu fosse dar para alguém vc. seria o primeiro a saber ??? Pois é....se vc. vir logo, vc. vai poder assistir a melhor foda da minha vida....eu encontrei um cacete enorme de um negrão lindo (Cristiano, era o nome dele) no shopping...e vou foder com ele agora....vem logo !!!

Eu, inocentemente, pensei que fosse mais uma de suas brincadeiras e ainda perguntei: É amor...??? Vc. quer dar hoje ???? Que roupa você está usando agora???? vc. quer fantasiar com um cacete de um negrão ????

Ela me respondeu....: - Agora não estou vestindo nada !!!...já estou nua...e vou terminar de tirar a roupa do Cristiano agora....e desligou !!!

Fiquei assustado e liguei novamente...para minha surpresa, quem atendeu foi uma voz de homem, que disse que minha mulher mandou dizer que estava com a boca ocupada e que não podia atender naquela hora.....!!!

Fiquei louco !!! Fui o mais depressa possível, acelerei, cortei caminho e em 05 minutos estava em casa....larguei o carro na rua mesmo e subi as escadas correndo....

Naquele momento me deparei com uma cena inesquecível....

Na minha cama, estava deitado um negro enorme, nú, com minha mulher com a bunda virada para a porta, também toda nua, chupando aquele cacete enorme (maior ainda que o consolo)....

Nenhum dos dois esboçou qualquer reação de susto...o negrão apenas sorriu e minha mulher fez um gesto para me juntar à eles... Não tinha como reclamar, tirei minhas roupas rapidamente e caí de boca na buceta de minha mulher, que começou a rebolar e a gemer como louca....

Depois de alguns instantes, Carmem parou de chupar e começou a cavalgar Cristiano, com a bunda virada para ele, ao mesmo tempo que me beijava com volúpia, enfiando sua lingua em minha boca com muito tesão e gritava: - Ai que delícia !!! Que cacete gostoso !!! Isso que é cacete, seu corno !!! Eu te amo, mas adoro esse cacete enfiado na minha buceta !!!!

E rebolava no pau dele, que apenas sorria e agarrava na bunda de minha mulher com vontade....

Carmem trocou de posição...ficou de quatro, virou a bunda pra mim, que meti com vontade naquela bucetinha e ficou engolindo o pau do negrão praticamente inteiro, tirava e colocava em sua boca com uma vontade que impressionava....

Eu estava achando deliciosa aquela sensação....parei de fuder ela e tentei beija-la...nesse momenta ela estava lambendo o pau dele de cima em baixo...batia com pau em sua cara...o pau dele estava duríssimo...quando ela me viu bem práximo de sua boca, eu de um lado, ela do outro do negrão...ela me disse: - Vai, corno...experimenta !!!!....veja como é gostoso....eu fiquei assustado...nunca nem tinha pensado em fazer isso antes...mas na hora me deu um tesão incrível... ela me incentivando....aí não resistí...abocanhei aquele pau enorme, e ela me comandando...: Vai...corno !!! lambe tudo !!! lambe as bolas agora !!!!bate com o pau na sua cara !!!! Agora engole !!! eu ia fazendo o que ela pedia e estava com meu pau quase gozando....até que ela abocanhou meu pau e começou a se masturbar....não aguentamos mais....gozamos os 03 juntos....Cristiano esguichou jatos de porra na minha cara, eu gozei na cara de Carmem e ela fez um escândalo gozando com os dedos enterrados em sua buceta, de 04 na cama.....

Depois disso, descansamos todos exaustos por uns 05 minutos e sá aí que ela me apresentou para Cristiano, dizendo:

- Olha Cristiano, esse é o corninho do meu marido que lhe falei, viu como ele é bonzinho ????

O Cristiano me estendeu a mão e disse:

-Quando ví sua esposa no shopping (em um fast food, tomando um chopp) pensei que ela era uma puta, do jeito que estava vestida e do jeito que me olhava, mas depois ela me convenceu a vir até aqui para fodê-la, espero que vc. não se importe, né ???

- Claro que não !!! respondi...e espero que vc. volte outras vezes...pq. a Carmem agora vai querer dar sempre pra vc., não é Carmem???

Para minha surpresa ela respondeu:

- Engano seu, meu corninho....eu te amo...vou querer ficar sempre com vc....já dei pro Cristiano uma vez e foi sá....agora vou querer dar para outros...mas sempre sá uma vez e sempre vou te avisar, tá bom ???

Fiquei muito feliz de ouvir isso de minha mulherzinha exibicionista, depois que o Cristiano foi embora, tomamos um banho e transamos novamente, com muito tesão...



Gostaria de trocar experiência com maridos liberais como eu, ou homens que desejem se relacionar com Carmem, desde que sejam de SP e aceitem a exigência dela, de transar somente uma vez. Escrevam para: [email protected]









VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


incesto com a titia praser abesoluto contos contos: sentei no colo do velhominina pela de mostrngo a busetacontos eroticos comendo traficanteContos de Cornos magoado com esposa porque ela fudeu com outro sem sem ele saberContos eroticos virgem remexeConto tia a massageava o pauconto erotico encoxando e estuprandoa velhacontos abobrinha na bucetacache:K5a2T1gNGzgJ:https://okinawa-ufa.ru/home.php?pag=497 Arrombei o cuzinho da baba-Relatos eroticosContos comi esposa do caminhoneirovem putinha vou te esfolar vadiazinha contogenro faz sogra gozar contoswww.contopadrinho.comtrepo com a enteada dormindofilme porno tia gostosa faz uma viajem dormi com saudade do sobrinho da cuPuta merda!!!para!(conto teen gay)me larga lençou bom diachupou tio i phoneconto forcada a foder com animaiscu ardidocoroa da buceta griluda espirando poro logeporno almentadode penis caseiroCONTOSPORNO.sapecavi minha esposa dando mole contoscomendo o c* gostoso bronzeadinha e g************* de uma r*****conto erotico o ponei e mulherDona Florinda chupando a rola de Seu Madrugamamãe ficou tarada na minha chapeleta.contos.doutor esporreando muito no travedticontos erótico de estupro de empregadascontos sexo minha mulher sua patroacontos depois de velha fui arrombadacontos eroticos de padrasto de rola grande e grossacontos a irmã mais nova da minha namorada é uma putinhaconto erotico comi o cu da minha madrinhamacho subjugado a chupar buceacondos erodicosfamily sex 2 - contos eroticoscontosputinhasContos.encestos.mae.no.campo.de.futebolver tv pornô mulher que tem a vajina muito linda e grade gozando na pica sem para vaquira com o cavaloconto lesbica humilhadaesposa na praia de nudismo passa lama contocontos estupradaninfetas com vestidos beijando peitoral dos travestisconfesso transando com trêscontos trai meu maridocontos eroticos maes e filhas straponcontos erroticos garroto comeu minha mulher dormindoContos eroticos puta desde novinhacontos eroticos da vagabunda do cornofrutaporno adoro as calcinha da minha maecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos a minha mae da bunda gigantea loira e o cavalo contotia tesuda contocontos esposa branquinhacontos reas de sexo marta minha tiaenrabada pelo meu filho especialContos eroticos teens gay no banho com meu paicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos arrombando a gordacontos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornoChaves metendo o pau no priquito de dona florindacontos duas putinhas chorando na varacontos comendo o cuzinho da fazendeiracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crente