Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESPOSA RECATADA ARREGAÇADA NA VINGANÇA MAL SUCEDIDA - VERSÃO DELA

Descobri uns lances do meu marido em suas viagens de negácios e resolvi me vingar; subornei a secretária dele para me ajudar. Sempre fui recatada e sá tinha feito sexo com meu marido e estava disposta a dar uma lição nele. Meu marido estava viajando a trabalho e fiquei sabendo através de sua secretária que iria voltar antes do tempo previsto; combinei com ela que iria fazer uma surpresa para ele e que ela teria que fazer ele ir para casa por volta das 14:00 hs. chegando em casa ele entrou pela garagem e como ao chegar na sala tem uma pequena janela que dá visão para quase toda a sala, ao ouvir ele desligar o motor do carro comecei com a surpresa. Comecei a chupar uma rola enorme, que mal cabia em minha boca e gemia alto para ele escutar e parar para olhar antes de entrar na sala; com o canto do olho controlava a posta e a janela do corredor da garagem; dito e feito ele entreabriu vagarosamente a porta e olhou, apás se posicionou na janela e ficou espionando. O Cenário estava pronto para o meu show em quatro caralhos. Como combinado do banheiro veio outro homem, tirando a rola e colocando na minha frente e comecei a chupar, a pica estava mole mas algumas lambidas ela cresceu na minha boca. Eu chupava ora um ora o outro caralho com vontade, eles puxavam-me pelo cabelo e atolavam a vara até o fundo da garganta, fazendo quase eu engasgar. Reparei que meu marido tinha saído da janela e logo apás apareceu uma máquina fotográfica que eu tinha pedido para ele comprar e que, sem saber, iria ajudar-me. Imaginando que ele iria clicar toda a foda caprichei no boquete nos dois caralhos até eles gozarem na minha boca; com nojo, já que era a primeira vez que transava com outro homem além do meu marido, engoli o que pude, deixando escorrer a maior parte pelos cantos da boca. Levantando-me fui ao banheiro, me lavei e quando voltei, vim com 2 negros; fui despindo as roupas deles, e falei alto para o meu marido ouvir:

- Então esse é o prêmio por ter engolido a porra dos dois, nossaaaaaaaaaa, nunca tinha visto caralhos tão grandes.

Foi logo chupando os dois negros, enquanto um outro falou:

- Vocês podem comer essa vadia que já fodemos em todos os buracos .

Um dos negrões me olhando falou:

- Essa puta vadia vai ser arrombada em todos os buracos.

Isso não estava no nosso combinado, mas na hora fiquei na minha, pensando em como meu marido estava reagindo a tudo isso; colocando-me de quatro ele enterrou a vara de uma vez na minha xaninha, o que me fez gritar de dor e quase chorando, gritei:

- Enfia devagar; esse caralho é muito grande, eu não aguento tudo isso ...

O outro negrão sorriu e colocando a pica na minha boca falou que aquilo era sá o começo. Fiquei apreensiva, não era aquilo que tínhamos combinado, mas ao mesmo tempo o tesão de estar com 4 homens, com caralhos enormes, fora do controle me excitava, mesmo porque não podia fazer nada e me trair com a armação feita.

Eles se revezaram na minha xaninha e na boca, eu chupava aqueles caralhos enormes, e de vez em quando olhava para a janela onde via a máquina. Um dos negros puxou-me, ajeitando-me e disse que era hora de fazer um sanduíche, o outro negro logo se aproximou por traz e começou a forçar no meu Cu que até agora sá tinha sido enraiado pelo meu marido, eu não aguentando comecei a pedir parar; chorava, urrava e ele tentando invadir meu cuzinho com aquela vara imensa; sem se importar, eles seguraram-me fortemente dizendo:

- Você não queria um negrão, pois agora vai ter que engolir tudo, do jeito que eles quiserem....

Imobilizada o negrão começou a empurrar até passar a cabeça, eu chorando falava que estava doendo muito, que eles estavam me rasgando toda, implorava para ele tirar do meu Cu; o outro negrão se aproximou do meu rosto e colocou o caralho na minha boca, e falou:

- Pois é sua puta, quem mandou nos chamar....., portanto aguente.

Os negrões começaram a enfiar aqueles caralhos enormes cada vez mais rápido e eu, gemendo, chorando no caralho do negrão. Os negrões gozaram e trocaram de posição; o negrão que tinha arrombado o meu Cu colocou na boca enquanto o outro socava no meu Cu, que estava dolorido e esfolado. O negrão sentou no sofá e mandou-me cavalga-lo, me coloquei na posição e fui sentando naquele caralho enorme, me arrancando gemidos; o outro veio e colocou a cabeçona da pica no meu cuzinho e começou a enfiar; eu urrei, gemi, gritei implorando para parar que estavam me rasgando toda, mas eles rindo da minha dor enfiaram os dois caralhos negros, um no Cu e outro na boceta. Alucinada pela dor e querendo que eles gozassem logo comecei a pedir para eles bombearem, eles prontamente começaram a socar com violência, arrombando e arregaçando o meu Cu e minha boceta. Depois de praticamente arregaçarem o meu cú, eles gozaram, caindo pelo sofá. Suspirei aliviada pois tinha acabado o suplicio de levar aquele caralho enorme no cu, quando eles falaram que iriam me arrombar de vez; iriam enfiar os dois paus de uma sá vez na minha xaninha. Eu falei que não que não aguentava mais nada; então levei um tapa no rosto e ele me falou que iria fazer o que eles mandassem. Eu me larguei no sofá desconsolada e o negrão aproveitou e começou a enfiar os dedos em minha xaninha:, enfiou dois, três e depois quatro dedos, me fazendo gemer de dor. A situação estava fora de controle, eles faziam o que queriam e o combinado fiou apenas nas palavras; O que deu a idéia sentou-se no sofá e fui obrigada a sentar no seu caralho, entrou tudo, puxando-me para cima dele e empinando a minha bundinha, o outro veio por trás e colocou o pau junto ao outro forçando a entrada da minha bocetinha arregaçada. Eu chorava, gemia, gritava e implorava, soluçando pedia para parar e nada fez eles mudarem de idéia, e apás forçar bastante o caralho dele entrou e começou a bombar, sem forças e arregaçada, apenas gemia chorando baixinho esperando o suplicio acabar, em determinado momento parecia estar anestesiada na boceta. Ficaram bombando até gozarem sofá. Um dos negrões levantou-se e falou que iria urinar, e mandou eu beber, fodida, arrombada, dilacerada, arregaçada e querendo acabar logo com aquele suplicio, simplesmente me ajoelhei em sua frente e engoli o caralho do negrão que começou a urinar em minha boca; engoli um pouco e o restante escorria pelo canto da minha boca. Os outro se aproximarão e começaram também a urinar em cima de mim, em meus peitos, cabelos, pernas e coxas. Quando acabaram fui tomar um banho; apás peguei a bolsa, retirei o valor combinado e efetuei o pagamento. Fui para o quarto sem forças, arregaçada e sá pensando no que iria acontecer. A minha vingança era para ser sá uns boquetes, não estava nos meus planos dar o cuzinho e a boceta para aqueles garanhões negros, nem fazer uma dupla penetração, tinha contratado eles para apenas serem chupados e gozarem, e apás irem embora, mas agora estava arrombada, com um buraco enorme no cuzinho semi virgem até então. Deitei na cama e acabei dormindo de tão cansada. Qdo. meu marido chegou no quarto já tinha escurecido, acordei e tentando disfarçar, perguntei com jeito de surpresa se ele tinha voltado antes da viagem, simplesmente levantei e beijei-lhe. Ele pegou a camera e me entregou dizendo:

- Aqui está o presente que vc. Pediu.

Dei-lhe um beijo de agradecimento; ele então pegou os conectores e ligou na TV do quarto e passou a exibir as fotos que tinha feito da foda daquela tarde; sem saber o que falar ou pensar fiquei sem ação, ele foi tomar uma ducha e quando voltou eu simplesmente tirei a toalha, empinei a bunda e falei:

Agora vc já sabe que adoro dar o Cu. Vem e fode o meu Cu, que estou com tesão de dar o Cu......

Acho que pego de surpresa pelo inesperado ele veio e enfiou no meu rabo ardido e fodeu meu Cu até gozar, alagando meu rabo, dei-lhe um beijo e para parecer a vadia que eu tinha planejado falei:

- Hoje aguentei dois caralhos na boceta; quando for dois no cuzinho prometo que um será o seu........

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto eróticos c novinhaputinha desde novinha contos eroticosfilmou o semen saindo da xoxotaarrombarao minha filhinha na festa da empresa contos erticosVem vem safado contotranso com meu cachorro todos os diasconto erotico madre superiora popozudaflgle minha tia ser mastubandocontos de coroa com novinhocontos eróticos eposa e amigoMeu sogro me seduziu contocache:o2QtLYsJB5EJ:okinawa-ufa.ru/conto_23564_totalmente-submisso-a-minha-dominadora.html contos eroticos de pastores cadetudode camisola sem calcinha filho aproveita o cu dela searchvideo para baixa de porno home com olho vexadoconto sobrinha legalultimos contos eroticos de bundudasminha cunhadinha e virgens peguei a forcahumilhado travesti contoscontoseroticosdeflorandocontos comi um vizinho novinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos d mulher dando pra dois e marido vendocontos crente casada vira p*** DVDconto erotico viado novinho escravizado por coroa malvadocontos eróticos humilhando o c****como minha esposa aguentou 23cm no raboContos gays passeando na rua vestindo langerie e vestidinhocontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me enrabou dormindo quando eu tinha dez anosflagrei meu pai cheirando minha calcinha nijadacontos eroticos menage"muito aberto" gay contoconfia minha madrasta no pornô chorando gostosacontos: exibindo a mulher para o cafetãocontos eroticos minha mulher apanharelatos de cornos meu tio Rui comeu minha esposa na minha frentecontos eroticos gay papai e eucunhada no cio contoscontos eroticos dinheironovos relatos eróticos de incesto com fotos mãe e filha primeira vezconto erotico comendo a mulher do pastorme fode me arromba seu velho safadoNovinha e chantageada.contoscontos de relatado por mulher de corno e viadocontos eroticos no cinemacontos eroticos de casada no hospitalcontos eroticos arrombando a gordaminha mae gritava no pau do patrao dela contos eroticosconto erotico eu meu cunhado r minha simmete mete mais gostoso. história realprimeira mulher a fazer zoofilia.no cinemaContos d maridos que leva homem pirocudo pra comer sua esposa em ksacontos de coroa com novinhoporno com fascinaçao por irmaconto o papai excitadocontos minha mulher pagou minha divida com a bundacontos eroticos nifeta d loja rjcontos porno chupetinho para um adultono assalto meu pai fudeu minha esposa na minha frente conto eroticocontos eróticos sogra vira p*** do genro picudominha sogra pediu pra ver meu pintomulhe gostosa dano cu e xupano o pinto do amarte no sofa peladaconto.incesto enteadacontos de tias viúvahistória de contos erotico com novinha da vila senta no meucologarotinho teen gemendo no pau e rebolando gostosodei minha buceta pra um menino de treze anoscontos perdendo a virgindade com o pedreiro e encanadorcontos a mulher do meu amigo queria um pau grandeFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viufilme de sexo com homens acordem no pênis grosso