Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A VIZINHA SAFADA E SUA FILHA INICIANTE

Olá pessoal, sempre que tenho um conto participo com todos.E este não é diferente. Bom vamos ao que interessa. Moro sozinho numa kitinete, e ao lado mora uma vizinha chamada que eu a comprimento como Dona Sheila, ela é casada com um senhor que é muito quieto e sá o vejo indo trabalhar toda manhã, dona Sheila tem 1,60 de altura, morena clara, gostosa demais com uma bunda arrebitada e cintura perfeita que quando anda deixa todo homem com tesão, além dos seus seios que é desproporcional ao seu corpão sendo pequenos pra médios, bem durinhose e ela tem 40 anos, soube depois de conhece-la como vou relatar agora:Certo dia acordei as 6:30 da manha e sai pra comprar pão, ao voltar encontrei com ele no corredor.ele aproveitou que sai do elevador e entrou rápido, já deveria estar atrasado, continuei andando pelo corredor, quando vejo dona Sheila na porta, me olhou de cima em baixo e disse: Não vai me convidar pra tomar café, respondi que se quisesse, ela então disse: pq você não entra aqui, eu faço o café e você dá o pão que está na sua mão. Perguntei a ela se não teria problema com seu marido e sua filha.Ela respondeu que quanto seu marido sá voltaria as 23:00 h e que quanto sua filha eu poderia ficar tranquilo. Então entrei e sentei na mesa da cozinha e dona Sheila fazendo café. Ela estava vestida com uma camisola cor gelo transparente e toda hora ela se curvava na minha frente com aquele bundão arrebitado e poderia ver sua calcinha de renda larga e bem enfiada no rabo. Comecei a sentir um tesão enorme e por baixo da bermuda que estava meu pau começou a endurecer.Ela olhava pra mim e dava um sorrizinho provacante. Ela deveria saber como eu estava me sentindo e me provocava. Foi quando sua filha sem me ver entrou na cozinha e quando me viu deu um aii e voltou e entrou no banheiro, pude ver seus seios durinhos e sua calcinha bem pequena enfiadinha no rabo. Sua filha tinha 19 aninhos, um corpinho de sereia e lindinha. Dona Sheila sorriu e me perguntou se tinha gostado de vê-la peladinha. Fiquei sem graçana hora com um sorriso amarelo, ela então chamou a Bianca ela disse que estava sem roupa, então ela disse pra ela se enrolar na tolhar e vir. Assim fez a Bianca, ao chegar perto de mim sua mãe disse: chamei nosso vizinho pra tomar café com agente e olha como deixamos ele. As duas ficaram me olhando, então dona Sheila disse: Fica de pé Gustavo. Quando levantei da cadeira meu pau estava duro como uma pedra, vendo isso a filhinha falou nossa que cacete grande e duro, parece maior e mais grosso que o de papai, dona Sheila então se aproximou e pegou com a mão por cima da bermuda e foi abrindo o ziper e tirou pra fora. Começou a punhetar devagarinho e se curvou e botou na boca e começou a mamar. Então disse: filha tá uma delicia, não quer experimentar, a filha rapidamente foi chupar com a mãe, eu estava em extase, a mãe então pediu pra que ela oferecesse os seios pra eu chupar, foi quando ela se aproximou e comecei a beijar aquela ninfeta de lingua enquanto levava uma chupada gostosa. Foi então que dona Sheila me disse que sua filha era amarrada em mim, mais era tímida e que tinha falado pra ela e dona Sheila pra ajudar a filha tinha posto esta condição de me seduzir mais que sua filha teria que aceitar e ficar quieta quanto ao seu pai. Dona Sheila então disse que sua filha era virgem e que teria que prepara-la pra perder o cabaço e que eu a namoraria escondida do seu pai junto com ela sempre e dentro de sua casa. Dona Sheila ainda colocou a condição de mandar em nás dois.Acabamos aceitando. Ela então deitou sua filha na cama puxou sua calcinha e pediu pra filha abrir bem as pernas, meteu a cara em sua bucetinha e começou a chupar e me pediu que desse o pau pra garotinha chupar. Ficamos assim por uns 20 minutos, quando bianca chegou ao gozo. Dona Sheila então vei e me deu um beijo de lingua com a boca melada da buceta da filha e me perguntou se estava gostoso, disse que sim. Ela então disse que agora sua filha iria assistir ela dando a buceta pra um macho. Foi então que me fez deitar com a barriga pra cima e encaixou sua buceta no meu pau, além de ser uma coroa era toda apertada, foi descendo lentamente e depois começou a cavalgar e a dizer palavras tipo: seu pai é um corno e eu uma vagabunda que adoro fuder com machos de piroca maior que aquele cacetinho, e pedia pra sua filha mamar em seus seios, ela gozou umas 04 vezes depois mudou de posição, eu já não aguentava mais, então ela se curvou toda e pediu pra lamber seus seios, eu apertava e mamava muito, quando disse que ia gozar, ela então sentou até tudo entrar e ficou rebolando, joguei toda minha porra dentro dela e logo ficou escorrendo, quando sua filha e eu fomos lamber e aproveitamos pra nos beijar. Depois disso fomos tomar um banho juntos, nos esfregamos nos beijamos e recebi outro boquete da minha princesinha cabaçuda e sua mãe assistindo e logo se posicionando com os braços na parede e arrebitando seu bundão pra levar no cú.Sua filha então parou o boquete e abriu as bandas daquele bundão e deu uma cuspida e logo fui penetrando e depois bombando enquanto ela xingava e dizia: come este cú meu genrinho, enquanto meu marido trabalha eu dou meu cú e inicio nossa filha na piranhagem que logo será mulherzinha, foi quando enchi seu cú de porra dentro do banheiro. Depois deste dia passei a namorar a Bianca e claro com a supervisão de sua mãe e tive o privilegio de tornar minha namoradinha de 19 aninhos numa mulherzinho putinha com sua mãe, mais isto é outra histária

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto porno alargando a xanapasto da igreja tirou meu cabaçocontos eroticos de casada pedindo ao marido outro homemcontos eroticos escorrendo porra no cucontos de coroa com novinhoqero arrancar o cabacinho da minha enteadaContos eroticos cofrinho esconde escondeconto erotico mendiga cuConto erotico esposa vendadacontos eroticos minha filha de fio dentalcontos eroticos de travestis fudendo o tioContos eroticos ai mo seu pau ta me matando mete ai ai deliciosa aiiconto erotico minhas prima se apaixonou por mimvidios porno de homem pegando irmazinhar mulher si mastubando e conceguindo comer a buceta delaComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paicontos virgem encoxada no busvideo porno de anos gozando dento e escorredocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos minha esposa foi molhada e revelou seu peitos no churrasco de casacontos cara comeu minha mulher devaga pra mim nao ver contoscontos eroticos na frente do cornoContos corno manso buceta carnuda comtos de sexocontos gays reais/a anaconda do meu primoviuva ecitada ver filho tomando banho e da pra elecontos eróticos afim do papai contos eroticos praia nudismo em familiaconto erotico a caminhadatrepei com a virgemgravidas fudendo com picudos/contos e fotosContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelcontos eroticos coroas negrascontos eroticos professoracdzinhas lindas contosvideo porno os peões da minha fazendo me foderamesposa cheia de porra na festa casa dos contosContos maes dando cuContos filha de 7 com papaiMinha madrinha ela mora sozinha com sua filha eu vou sempre na casa da minha madrinha fuder ela eu fui na sua casa ela tava sozinha eu fui com ela pro seu quarto eu tava fundendo ela sua filha chegou sem fazer barulho ela entrou no quarto ela viu eu fundendo minha madrinha ela disse pra minha madrinha que ela queria perder sua virgindade da sua buceta minha madrinha disse pra ela tirar sua roupa pra ela deitar na cama eu chupei sua buceta virgem raspadinha minha madrinha disse pra ela chupar meu pau ela chupou meu pau minha madrinha disse pra ela abri bem suas pernas minha madrinha disse pra eu meter meu pau bem devagar na buceta virgem dela conto eroticocontos de mulheres ninfomaniaca por sexoContos eroticos traindo marido na festameu pai comeu minha bucetinhaconto eroticonovinha pauzeraconto erotico arrombei o travesti do baile funkconto erotico arrombei o travesti do baile funkwww.contos eroticosgabi e o coroa.comcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepapai mim comeu contoscontos eróticos no cu com cachorrosconto meu filho meu machocomo fuder com banana verdeamanda boquete contosContos visitou o culhado na cadeiaContos eroticos bundudacontos comi a japonesa rabuda casadacontos eróticos fragei meu tio comendo minha tiacontos de punheta com botascontos erotico dominadaa medica que gostava de zoofilia_contosvelhas gordas de 90kg nuasCasa dos Conto a beira de uma suruba esposa casadadormindo ao lado conto eróticocontos eroticos meu amigo pauzudo comeu minha mulher e minha filhacontos com a visnha casada escondido oacontos eroticos minha mulher gosta de apertar minhas bolascontos sobre velho taradogoza nuoutro egravidafoi estuda com amigo18anos e transaoucontos casadas de pernas abertascontos eroticos frentistacontos minha cunhada de shortinhos bem curtinhoMeu tio que chupa no meu peniscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos9aninhos