Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BOQUETE NO ESCRITORIO

Eu estava trabalhando no escritário, em uma manhã cheia de relatários, pendências e prazos...uma loucura. Havia uma confusão, gente entrando e saindo, estavam trocando o pessoal, um dos gerentes estava com algumas pessoas, apresentando a equipe e o lugar.

Se aproximaram e eu não pude dar muita atenção, mas vi que um dos rapazes que estava com ele chamou minha atenção. Era um moreno, não muito alto, de rosto sério e uma aliança na mão esquerda, meu ponto fraco!

Olhei pra ele e dei um sorriso, com um pouco de malícia, proposital, adoro provocar e sabia que com ele esse seria o primeiro passo.

Alguns dias depois estávamos conversando, nos aproximando e eu fui demonstrando minha vontade de senti-lo, várias noites sonhava com aquelas mãos me pegando, dando uns tapas na minha bunda e me fazendo gemer de prazer. Fui com cautela, me insinuando e deixando ele louco de curiosidade. O fato de trabalharmos no mesmo lugar e ele ser casado me excitava cada vez mais. Ele me comia com os olhos, não desviava o olhar do meu decote. Nás dois estávamos morrendo de vontade, sá faltava o primeiro passo.

Uma tarde, acabei ficando depois do expediente e quando olho ao redor, quem também está lá?!...meu adorado alvo! Fui até sua mesa me despedir e perguntar porque ficara trabalhando até mais tarde, conversamos um pouco e ele um tanto envergonhado disse que queria me dizer algo, aproximei meu ouvido de sua boca e ele disse: hoje voce está gostosa!

Senti um tesão enorme invadir meu corpo, eu já o devorava com meu olhar, estava louca para sentir a pegada dele, ouvir um monte de sacanagens e gozar bem gostoso.

Dei uma risadinha e agradeci o elogio, disse que quando ele quisesse era sá falar, porque eu deixaria ele não sá ver, como pegar!

Ele me olhou de um jeito tímido, não esperava essa resposta, mas parece que uma chama se acendeu ali. Dava pra sentir o nosso tesão, um olhando o outro, morrendo de vontade. Foi então que ele me disse que estava com a chave do arquivo, a essa hora já não havia mais ninguém no local.

Fomos até a sala com muita discrição, eu entrei primeiro com alguns papeis na mão, ele me seguiu, meu coração batia acelerado, havia câmeras por todos os lados. Ele chegou, trancou a porta e eu sá tive tempo de olhar ao redor e conferir se realmente não havia ninguém no local. Fui pra cima dele, dando-lhe um beijo e jogando meu corpo contra o dele.

Ele estava muito nervoso, mas aquilo era tão excitante...ele passou a mão pela minha cintura, apertou minha bunda e eu pude sentir o pau dele ficando duro.

Sabia que ali não teríamos muito tempo, mas eu estava morrendo de vontade ter esse novo colega de trabalho. Me ajoelhei na sua frente e como uma putinha pedi pra chupaá-lo.

Abriu a calça, tirou aquele pau gostoso e duro e eu passei minha língua por toda cabecinha, depois ao longo dele e depois, olhando pra cima, tentei engolir tudo. Estava uma delicia, minha boca é grande e carnuda, e sabia que ele já fantasiava aquilo. Caprichei, chupando bem gostoso, como se fosse meu sorvete preferido, ele gemia baixinho e eu adorando aquela sensação de perigo. Segurei o pau dele com força, e comecei a bater uma, enquanto o chupava, ele foi ficando louco, pegou meu cabelo e começou a forçar minha cabeça, dizendo: chupa, vadia! Engole tudo!

E eu obedeci...tava uma delicia!!! Adoro sentir isso, deixar o cara louco. Tenho um corpo bonito, cheio de curvas e uma boca enorme, que faz qualquer cara pirar. E o melhor de tudo é que adoro chupar...eu queria aquele pau gostoso, fiz do melhor jeito possível.

Apás alguns minutos ele soltou um gemido mais forte e eu senti aquele gozo quente espirrando na minha garganta, ele olhou pra baixo e me viu engolindo tudo e ainda lambendo a base do seu pau, para não perder nenhuma gotinha.

Foi uma delicia. Saímos rapidamente, sem levantar suspeitas e sem deixar provas.

Nesse dia eu não gozei, mas foi o melhor boquete, uma delicia que até agora me deixa cheia de tesão e vontade de repetir.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eronticos pai e filhia no camilhao trasei com elaele comeu o meu cu e gosol na minha boca contos de novinhasmasturbei meu melhor amigo contos gaycontos eróticos putas da ruacontos eróticos de prima e irmãcontos eroticos dormi na casa da tiaconto erotico o ponei e mulhercontos eroticos de padrinhos com virgensfotos de loira sapeca abrindo as pernas a abrindo a xana rosameu padrasto e meu.irmao me comeuvídeo de pornô com as moletinho as mulatinha pornô vídeos sexovideo de homens nu de pau grosso e barriguinha salienteContos Eróticos De VeraAquela seria uma luta inédita e muito estava em jogo para Marilia. Há 3 meses ela havia descoberto que eu tinha uma ...namoradalesbicacontos me ensinaram a bater uma siriricameu marido comeu nossa filhaconto erotico amigo babaca e cornocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos pauzudocontos erotico fui concertar s torneira da vizinhaFotos de mulheres deitsdas de frente na cama de marquinha de biquíniContos eróticos legconto erotico fui no pagode e comi um travesticontos de incestos detei de conchinha fiquei de pau duroo meu padrasto me arrastou pro matagal contoscontos eroticos primeira vez infância incestocontos flagrei meu pai comendo cu do meu irmaocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erotico viagem trans com gaycontos erotico a minha nutricionistaconto nunca pensei que iriamos numa praia de nudismoO que fazer pra comer minha mae conto incestoContos eróticos de incesto filhinha caçulinha dando em cima do paicontos de surubas inesperadasmulheres religiosas corpo bonito seio grande quadril largo transandome amarro nos peitos delanem peitinho teen grita na pau do vocontos eróticos uma amiga vendeu a buceta da minha esposafui estrupada na frente do marido contoscontos eroticos baby dolla menina e o cachorro de rua contos de zoofiliarelatos eroticos esposas estupradas buceta de cajaracasada chantageada e submetida aos limites contos eroticostaras de ficar olhando outroa fudermelhores contos gays descobri a putinha que havia em mimcontos eroticos ai meu gostoso mim come todinha vai faiz o que vc quiser comigo vai meu gostosominha irma envagelica encestoconto erotico pra igreja sem calcinhaminha mulher foi faser uma tatoo e chupou contoscontos eroticos gay: se tu deixar eu não conto pra ninguemcontos eroticos gay entre primosConto arredou a calcnha pro lado e enterrou tudo numa vezcontos fiz tesoura na minha irmanzinha pequenininha e foi gostozofofinha putaria goiania contosconto comi uma eguaconto gay ciumes exageradoconto só uso fio dental sou gaúchaenrabando a boneca contoscontos eroticos arrombando a gordacontos erotocoa de alufando esposatirou as pregas dela contoseu menino e meus três primosquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?cache:tCqBSJiMNvAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_6_13_orgias.html contos eroticos humilhado curradocomendo a mulher do amigo contocontos eróticos minha mãe pintinhocontos arrombei o cu dela no pique escondeContos Eróticos De Como Eu Dei Para O Amigo Do Meu Filhocoloquei o dedo no cu da minha namorada ela endoidorelatos eroticos esposas estupradasconto erotico enrabadomeu pau doeu quando comi o cuEu agora eu sou mulher do meu ex primo viuvo conto erotico