Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ITAPERUNA - RJ - 40 GRAUS

È grande mas garando q vale a pena. Meu nome ficticio é carlos, tenho 34 anos sou de Itaperuna - RJ, vamos chamar minha namorada de line, ela tem 25 anos. Há 2 anos atraz estavamos na casa dela mais uma amiga, “chamada”, jú da mesma 23 anos. Estavamos esperando os pais da minha namorada chegar de Bom Jesus. Quando derrepente, lá prás 19 h +-, despencou um temporal. O namorado da jú ligou pra ela avisando q não daria para busca-la pois ele estava d moto. Então a Jú foi no quarto da minha namorada trocar de roupa, pois as 2 tinham um corpo parceido: minha namorada é branca cabelo preto até nos ombros enrolados, tem 1,69 de altura uns 70 kg, cintura fina quadris largos, uma bunda maravilhosa, coxas grossas seios pequenos para médios, quente de mais na cama, já sua amiga é morena olhos verdes e seios volumosos cabelos com luzes no meio das costas, quadril tamb largo, bumbum mediano, coxa e barriguinha sarada. Quando ela chegou com uma blusa sem sutiã e um short q me deixou louco, tive q disfarçar pra minha amada não notar. A chuva sá foi piorando. Tava um tedio terrivel quando minha amada teve a idéia d ir no bar do pai dela q fica num comodo na frente, buscar umas garrafas de vinho galioto e começamos a tomar para passar o tempo e as duas enchugaram as 2 garafas e ficaram meio alegrinhas. Mas a chuva sá fazia aumentar, quando a jú teve a idéia d jogarmos carta pra passar o tempo. Sá q não tinha baralho e a line achou um jogo do irmão dela, um jogo q eu não me recordo o nome, é de perguntas e respostas e quem erra perde pontos. Aí apás a monotona primeira rodada, tirando o papo q começou mais no final sobre sexo, a jú falou no ouvido da minha namorada q ficou meio vermelha e a jú com uma carinha safada. Minha amada levatou e foi buscar mais vinho e na volta falou com a jú q topava, Então fui pego meio de surpresa, grata surpresa, a jú disse q agora pra animar cada pergunta errada teria q tirar uma peça de roupa. Minha namorada me olhou meio querendo ver minha reação, fiquei tranq e firme, aí começamos a jogar e o trato feito pela jú é q quem ficasse totalmente sem roupa primeiro teria q pagar uma “prenda” para o vencedor e que teria q escolher a prenda para ser comprida com o outro q tinha perdido tamb, qualquer coisa q pedisse sem retrucar, topamos. E as duas já estavam alegres, porem não bebadas. Começou o jogo e a jú perdeu a primeira e tirou a blusa, q seios maravilhosos com marca d praia empinados como uma peira, fiquei louco mas me contive. Acabei perdendo depois, d proposito claro, e quem ganhou essa partida foi a jú e ela impos a mim q chupasse a line q por sua vez ficou entre exitada e encabulada. Não fiz por rogar tirei a calça dela e comecei a lambe-la, uma delicia ela tava ensopadinha, e vi q a jú disfarçadamente se alisava. O probl q eu não podia me tocar, a não ser se a vencedora tivesse mandado, e os ovos doiam d tesão. Minha amada gozou feito louca. Começamos a segunda partida e por felicidade minha ganhei e a line ficou em segundo e impus a mesma penalidade para a jú, q não fez nenhum protesto, e tirou a roupa da minha namorada q não sabia o q fazer, minha namorada quis sair fora mas trato foi trato. Quando a jú começou a chupalá ela virou os olhos para trás e eu comecei a me mast lentamente. Olha, foi uma loucura. Quando minha namorada começou a gozar não aguentei e gozei junto. Iniciamos a terceira rodada e essa foi a mais rapida d todas,rssss, minha namorada q ganho com a jú perdendo e minha namorada mandou q ela fizesse amor comigo ela não pensou duas vezes pois naquele “estripe jogro” eu já tava d pau duro, se amoleceu claro, aí eu perguntei se era pra ficar passivo ou poderia ficar ativo minha namorada deixou eu ficar ativo. Loucuraaaaaaaa. Ela começou a me chupar freneticamente e a se mastubar, aí eu q comecei a mast ela, e fizemos um maravilhoso 69 e minha amada estava se mast vendo nás dois transando. Aí peguei a jú devar e coloquei ela no colo e levei ela pro quarto e comecei a beijar o seu corpo inteiro e q corpo, ela malha e tem umas coxas maravilhosas. Dpois disso comecei a provoca-la passando a cabeça dele na entreda dela enquando beijava lentamente sua boca auternando com os seus seios. Virei ela de costa e comecei a beijar e lamber suas costas e fiquei brincando com ela até ela implora pra ser penetrada e assim o fiz, e depois d alguns minutinhos, ela gozou de feito louca. Aí continuei, sá q estiquei a mão para minha namorada q d prontou veio. Comecei a beija-la quando a jú puxou ela e fez ela sentar no rosto dela e a line viajou completamente. Aí mudamos e começei a fazer amor com minha amada e a jú ficou chupando os seios dela e beijando ela e eu já louco e segurando quando a line explodiu num gozonho louco e demorado, nunca tinha visto ela gozar tão demorado assim, ela tinha espasmos e tremia com seus olhos virados para trás, e gozei junto e a assim q tirei ele de dento dela a jú começou a sugar cada gota q escorria do meu pau q estava em fogo d prazer e logo ela partiu pra xana da line fazendo o mesmo o q acabou prolongando os espasmos dela. Depois as duas fizeram amor na minha frente de forma bem delicada e saboreando a delicia uma da outra até q gozaram juntas, mas como não se cansaram começaram tudo novamente sá q com minha ajuda. Se eu for escrever mais haja espaço, pois foram horas d maior prazer jamais imaginado por mim. E assim ficamos até umas 03 horas da madrugada, literalmente apagamos, nossa sorte foi q os pais da minha namorada ficaram presos em Bom Jesus. Perdemos a hora do trabalho, rsss, mas tinha a desculpa do valão da cehab estava transbordando e não dava pra passar. Nossa sorte. Mas reptimos aparti daí direto nossas transas. Se gostou e quiser um swing ou um menager pode escrever. Sá serve da redondeza. Envio foto somente apás recebever e conhecer mais as pessoas. Somos estremamentes discretos. Nás três, quem sabe pode ser um a quatro. SÓ MULHERES OU CASAIS. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


gorda sentada no sofa e cachorra lambendocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu pai batendo punheta.eu foi fala com ele e ele madou eu bate pra eledesenho pornos dos flinstones cornoconto safadoconto historia com lesbicacontos eroticos marido e esposacontos eróticos minha tia de baby dollcontos de lesbianismo que foi iniciada pela tia ao dormir com elacontos traindocontos de casada rabuda fiel e fogosa cantadaconto irmã casada dando pro irmãocontos virgenzinhacontos meu marido ajudou amigo dele me comerconto dopei ela e mamei o grelo e chupei o peitinho ela gozouMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,contos de pervertidoscontos eróticos ensinando à casada gostosa à gozarContos eroticos o professor de quimica me comeu varias vesses e tirou minha virgidadetransei com meu compadreCONTO EROTICO SOBRINHO ARROMBA TIA FRENTE TIOporque.que.depois.que meu namorado chupou os meus peitos eles ficaram com o bico descacandosexo com renata crentinhahestoria porno a fatasia do meu marido e c cornorapazes peladoes se exercitando na academiaamiga da filha conto eroticoContos eroticos saia rodada e de calcinha fio dentalbuceta cavala conto eroticoconto de esposa vendo seu marido na rola de outrocontos eróticos casal de coroa fazendo suruba com travecocontos esposa branquinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteeu estava raspada contos de esposa acanhadapeito peludo conto gaytia tesuda contocontos centadas no colo do titio no incestocontos de coroa com novinhoConto erotico sou morena clara evangelicacontos flagrando a mãe cavalona traindo o pai contos eroticos sodomizadocorno esposa dedo no cu conto erotico crossdressercontos eroticos mulher santinhascontos eróticos fábrica dos prazerescontos eroticos arrombando a gordaconto erotico viado novinho escravizado por coroa malvadosoquei forte na buceta da filha dormindo ela gritou e continuei judieimolhadinha de tesao com pica dos animaisSo sadomasoquismo com maridos ciumentos contos eroticoscdzinhas como tudo começou contosConto Meu Amor é um Traficante parte 3- Contos Do Prazercontos incesto mãe fofinhameu amante me depilou toda contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico paraliticocontos erotucos comi umad meninas que morava na fazendacomi minha mana casadatravesti escitada com amiga dotada tocando de roupacontos eróticos traindo marido na sala ao ladoputa incotrado afuder cm amante vidioPorno pesado gordao arromba magrinha pono doidomulher e homem dançando bem agarradinho e funk sensualcontos eróticos com baixinhaContos gay fazendo a barbacontos no ônibus sem calcinha com buceta peludinhoscontos eroticos bv e virgindadecontos eroticos currada garganta profundacontos esposa fodendocontos eróticos de lésbicas tirando a virgindade das outrascontos verdadeiro aventura das melheres com mendigos roludoscontos eroticos de corno do rnmeu cu engolidor de rola contosqero arrancar o cabacinho da minha enteadacontos eroticos gay com menininhos infanciacontos eroticos arrobei o cu da casada q conhecei na net