Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMA,MINHA PUTA (PARTE 1)

?Apás um período de ausência, onde estive às voltas com a faculdade, estou de volta.rnNo começo do ano, me ligaram dos Estados Unidos. Minha tia Regina estava mandando minha prima caçula, a Anne, para passar um tempo com a gente. Anne, aos 19 anos, começou a dar muita dor de cabeça para ela e tio Celso, andando em más companhias, fumando e bebendo mesmo sem ter a idade legal nos Estados Unidos pra beber, e namorando um homem da idade do pai dela. Por isso, pra afastá-la desse caminho, eles a mandaram pra cá, pra ver se dava pra colocar um pouco de juízo na cabecinha oca dela. Meus pais por certo saberiam como colocá-la na linha, ou eu saberia.rnNo começo Anne deu muito trabalho. Não queria saber de ir pra escola, dava respostas atravessadas pra todo mundo e nem queria ajudar nas tarefas domésticas. Eu, que melhorei de cargo no trabalho e comecei a estudar Letras, dei-lhe um ultimato:rn- Ou você passa a estudar e ajudar em casa, Anne, ou não tem mesada! Escolhe!rnUma semana mais tarde, Anne já estava um pouco mais obediente. Começou a ir pra escola e a ajudar minha mãe nas tarefas de casa, mas a rebeldia continuava incontrolável. Era evidente que ela sá estava fazendo o que ordenei pela mesada que havia sido prometida. Então, resolvi o que iria fazer: iria endurecer mais ainda pro lado dela.rnE a ocasião perfeita não podia ter demorado a chegar. Não demorou uma semana.rnFicamos alguns dias sem aula na faculdade por motivo de luto, então saberia o que fazer e quando poderia fazer. Meus pais saíram numa quarta-feira à noite, foram pra igreja, e meus irmãos estavam fora. Apenas eu estava em casa junto com Anne. Como ela dorme comigo em meu quarto, o que aconteceria depois iria durar bastante tempo.rnMeus pais me deixaram responsável pelo quarto deles, então a porta estava destrancada. Aproveitei os dias livres pra pesquisar na Internet pra um trabalho, então fui até lá. Quando abro a porta, a cena: Anne estava pegando dinheiro da carteira do meu pai. Agora eu sabia quem estava por trás de tudo quando meu pai se queixava de que estava sumindo dinheiro da carteira dele!rn- Anne, devolve esse dinheiro agora!rn- Você não pode fazer nada comigo...rn- Ou você devolve esse dinheiro agora ou eu te dou uma surra!rn-Vem se você é mulher...rnA desgraçada ainda estava bancando a valente... Peguei-a pelos cabelos e a fiz devolver o dinheiro no mesmo instante. Assim que ela obedeceu, joguei-a na cama. Seu vestidinho curto se levantou, evidenciando uma calcinha preta de renda. Não sei por que, mas de repente me despertou um tesão pela minha priminha adolescente, algo que não era normal. Nunca gostei muito de adolescentes, sempre preferi pessoas da minha faixa etária ou mais velhas, mas nunca com menos de 19 anos. E aquele repentino tesão por Anne estava me surpreendendo.rn- Agora você vai aprender a ser uma menina obediente, por bem ou por mal...rnTirei toda a minha roupa e a de Anne, e subi em cima dela. Ela não gostou nem um pouco no começo, mas já estava mais do que na hora daquela putinha aprender uma lição. Encostei minha xana gordinha lisinha e pelada em seu rosto, e ordenei:rn- Chupa.rnEla não queria, fez cara de quem iria chorar, mas não cedi.rn- Ou você chupa ou não tem mais mesada! Escolhe!rn- Vou contar tudo pro meu pai...rn- Conta! Conta pra aquele puto... Acha que ele vai acreditar? Agora me obedeça ou eu conto quem é que tá pegando o dinheiro da carteira do meu pai... rnSem saída, Anne obedeceu e começou a me chupar. No começo ainda tímida e inexperiente, mas depois foi entrando no embalo.rn- Isso, minha putinha... Chupa a sua putona, chupa... Chupa bem gostosinho que eu te dou uma recompensa depois...rnEnfiei um dedo na xaninha pequenina de Anne, que estava úmida. A calcinha estava ensopada, notei. A putinha já estava se masturbando antes disso! Sá isso explicava a umidade de sua calcinha. Gemi muito enquanto ela lambia meu clitáris e mordia meu grelo duro, e foi tão bom que gozei em sua boquinha.rn- Boa menina... Onde você aprendeu a chupar bem gostosinho?rnRetribuí o presentinho fazendo um 69 alucinante. O corpinho de menina de Anne tremelicava todo debaixo do meu, e gozamos as duas ao mesmo tempo.rn- Agora vem aqui. Deita no chão, rápido...rnAnne se deitou no tapete do quarto. Subi em cima dela e esfreguei minha xana na dela, que queria mais. Anne estava aprendendo desde cedo como ser uma puta, o que o pai dela me ensinou quase sete anos antes...rnGozamos várias vezes ao mesmo tempo. Anne se deliciava com o nosso roçar de xanas, e ainda queria bem mais. Enfiei dois dedos em sua pequena xaninha, pra sentir a umidade. Estava bem molhadinha mesmo, e deixei meus dedos entrarem e saírem de seu pequeno túnel pra depois colocar em sua boca.rn- Chupa... Sente o gostinho da sua xana, sente...rnEla lambeu tudo sem parar. Em seguida me deitou no chão e fez o mesmo comigo, mas enfiou seus pequenos dedinhos na prápria boca.rn- Sua xana também tem um gostinho bom, prima.rnUma hora e meia e diversos orgasmos depois, estávamos exaustas. Meus pais logo chegariam em casa, então teríamos que parar pra ninguém descobrir. Rapidamente levei Anne pro chuveiro e tomamos banho juntas. Minha mão desceu por sua bundinha, que ainda não tinha as formas arredondadas da minha. Enxuguei seu corpinho e levei pro quarto outra vez, pra uma rapidinha.rnDepois disso, Anne se tornou minha putinha querida. Ela tem a mania de descer de sua cama (dormimos em um beliche e ela ocupa a cama de cima) no meio da noite e se enfiar na minha, onde transamos alucinadamente. Isso já vem acontecendo há 8 meses, desde que ela veio morar conosco. E também se tornou uma menina obediente: aplicada nos estudos, fazendo tudo em casa sem reclamar e sem sinal da rebeldia. Nunca mais precisou roubar dinheiro de ninguém, e até hoje meu pai não sabe quem pegava o dinheiro da carteira dele...rnrnNo práximo conto vou dizer como tirei a virgindade dela...rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


pai emfia pica filha morroconto erótico de incesto de sobrinha e tio casa de contos sem querer me apaixoneidona florinda so ela dona florinda vaginafui dormir na casa da tia e comeu o Helenacomendo a bundinha da menina contos eroticoscontos eroticos o tio safado e pintudocontos eróticos mulheres q chega em casa e o marido desconfia porque está arrombadamulher safada do meu amigo deu uma calcnha usada p mim cheirar contos eroticosmeu cu aberto e ardido de picaEngoxadas pegando no paucontos eróticos da casa da irmã queridacontos eróticos video gamecache:tCqBSJiMNvAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_6_13_orgias.html contos escravizada por chantagensbaixa vidio caceta de travesti duronajhuly cdzinhameu marido adora me ver toda gozadaconto erotico a filhinha do meu tiocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecumil minha vizinha gostoza fimepornocomi meu aluno lercontos curtpsQuero transa com minha prima que estar gravidaПРОДАМ-БАЗУ-САЙТА-okinawa-ufa.rucomendo a carlinha casa dos contosO reencontro entre prima e primo minha paixão conto eroticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eróticos entre parentescontos eroticos peguei a mulher do amigo a força ela dormindo e soquei nelacontos eroticos trave x hconto real tia se masturbando socontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentegozando pelo cu contos eróticosenfiando a.pica..comdificuldadeContos er meacordei com o pinto na bucetacomtos eroticosgarotassogro engoxada no honibus condos erotigosmeteu no moleque contocontos eroticos presente para cunhada"contos eroticos" pai e filhas toplesscontos eroticos sou uma coroa safada adoro pica de adolecenteConto de viciados em travestisvoyeur de esposa conto eroticominha pequena filha mas ordináriacontos erótico de incesto eu novinha ano ... meu tio com 26*6cm de rola me arrombou conto eróticos a patinha da minha sograContos erotico sobrinha magrela no colo do tioContos eróticos mães com a buceta peluda e cheiro forteconto erótico aninhoscaralho meu empurra tudo nu meu cuzinhocontos eróticos gay meu meio irmãoComendo a mulher do amigo contoscaralhudo contogays cornos contos no cinema vídeosfui arombada marido adorouvoyeur de esposa conto eroticoCONTOS ERoticos cozinhacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoso cu rosinha de minha neta de 9 aninhostranso com meu primo de primeiro graucontos eróticos traindo marido na sala ao ladoconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viuvideo de homens nu de pau grosso e barriguinha salientewww.cu da minha mae contosmalhadinha de cabelo vermelho malhadinha malhadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos algemada e sentindo um tesao e eles ainda me torturava mexendo na minha buceta contos eroticos com padrastos e enteadascontos eroticos dei para o meninolevemente ara tomando banho nuavelho mete na novia que precisa de dinheiro.pintudofudi a bundinha da juju com minha rola grande contosconto erotico de tanto eu insistir em engravidei a minha professora eu era um menino