Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O DIA QUE FUI LITERALMENTE VIOLENTADA...





Então ontem a noite dia 23 de novembro de 2009, o meu namorado Bruno me violentou e me pegou a força para fazer sexo com ele, eu estava indefesa e ele se aproveitou.

O Bruno passou o dia inteiro me atentando e me deixando louca de tesão por ele, eu estava contando as horas pra q a noite chegasse q agente ficasse a sos. E a noite chega enquanto eu tomava banho ele ficou jogando no computador, lá no banho eu pensava que calcinha visto? Fiquei em duvida entre a preta e a branca são as duas menores q tenho e que ele gosta pq alem de pequenas são transparente, e decidi vou vestir a branca hoje e a preta visto amanha, sai do banho, coloquei a calcinha branca, transparente de laçinho e bem pequena, passei creme no meu corpo, vesti um vestidinho, fiquei toda cheirosa e já muito excitada e fui me deitar, deixei a bunda a mostra com a calcinha fio dental bem enfiadinha, ele me olhou e continuou a jogar, e eu na expectativa, daqui a pouco ele vem me beijando... mas não aconteceu, então durmi e sonhei que ele estava me comendo bem gostoso e acordei toda melada, e olhei do meu lado e ele continuava no computador, me bateu uma tristeza, me sentir uma pessoa horrível, pq eu estava ali como ele sempre gosta e ele preferiu o computador( ver mulher pelada), sá eu sei como me senti naquele momento e virei do lado e fique pensando naquilo, e a ultima cosia q eu queria naquele momento era fazer sexo com ele, sentia raiva e vergonha de mim. Ele desligou o pc, escreveu uma cartinha pra mim e deitou, começou a me fazer carinho e me beijar, mas eu não queria nada, e fiquei quieta no meu canto, sá pensando naquilo q tinha acontecido.

De repente ele veio no meu ouvido e disse bem baixinho “posso falar uma fantasia q desde q te conheci tenho vontade de realizar??” Eu falei sim pode falar. Ele disse quero te comer a força, nossa me deu um tesão mas naquela hora so se fosse a força mesmo porque eu não queria mesmo. Ele começou a me acariciar, passar a mão na minha bunda, e enfiou o dedo na minha buceta q estava bem molhadinha, e com outro dedo enfiou no meu cuzinho, muito bom, mas mesmo assim eu não queria nada, então veio e me fez chupar o pau dele tbm a força porque eu não queria mesmo, chupei e ele colocou o pau dele duro e grosso no meu cuzinho q estava cheio de tesão, pedi pra ele parar e ele mandava eu calar a boca porque quem mandava ali era ele. Tirou do meu cuzinho e enfiou os 4 dedos na minha buceta q estava melada e bem quente, e gozei, isso eu virada de bunda pra cima e ele em cima de mim, me chamava de puta, de safada, cachorra e eu concordava com tudo se não ele me batia, tirou os dedos e enfiou o pau e o dedo e mandando eu calar a boca, pegou minha calcinha e fez eu enfiar na boca para eu não falar e continuava me chamando de puta, me xingando e, me deixou sem ar tampando meu nariz e batia na minha cara me violentando mesmo, não aguentei muito tempo e gozei de novo.

Ele me virou a força e me fez ficar de 4 e continuou me fodendo rápido e com força, eu não podia nem falar, sá gemia com a calcinha na boca e ele batendo em mim, na minha cara. Então ele tirou o pau e fez eu chupar de novo, ate q gozou na minha boca, eu engoli aquela porra gostosa, ele me beijou e eu continuei chateada, mas gostei muito.



Valéria

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto primeira suruba com minha esposaSou negra e dei gostoso contos eroticosminha cunhada r***** vou descer a pica nelacontos eroticoso cu da cadelinhaporno com amiga loira baixinha encorpadinhaContos eroticos minha esposa foi molhada e revelou seu peitos no churrasco de casacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos vizinhas camaradascontos eroticos dançando com a filhaa baixinha e o bem dotado contosmeus patroas adoram chupar a minha bucetaContos eroticoscomendo varias negona relatos eroticos esposas estupradasContos de masturbação com objetos no ginecologistacontos eróticos infânciadeixei temperei site logo vou chegar no DPtoma essa porra gstsa na sua buceta gostosacontos escravizada por chantagensconvencir minha mulher zoofiliacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteSinto tesão quando escuto os vizinhoscontos: safadezas de um velhovoyeur de esposa conto eroticoeu minha esposa demos carona o cara era um pintudocontos eroticos violentadas ao extremocontos eróticos heterossexuais na obra patroa dando a buceta pro vendedor ambulante contos eroticossex psu todinho na bucetinha pequeniniawww.dei a buceta com dez anos contobuceta carnuda comtos de sexocontos sacudo e casal safadocontos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadosconto erotico rabuda cintura fina peituda casada visitacontos buceta assadafilhinha tezudinha contosConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmacontoseroticos primo hetero comeu o primo gaycontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheirocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos gays no futebolcom fotosContoseroticosjogadoracontos gay bebado paifudendo a boca da namorada/contos eróticosContos erótico de infânciacontos noiva dando o rabo pro patraoAprendeu a dar cu no orfanato. Contocontos excitantes no onibuscontos eroticos homossexual meu pai me estuprouTio come sobrinha a força contos eroyicosGozando na boca Abrantes dela chuparcontos erotico a 1 de una solterona com um menino de 15conto minha tia timoda no banho conto erotico comi minha irma casada no ranchocontos dei pro meu velho tioConto erotico despedida de solteira da amiga rabudacontos de menina sem pelo tomando banho com paiporno gay conos erotico iaento tio e sobrinhocontos eroticos minha tia tomando banho de solcontos eroticos comi minha espetoracontos eróticos punheta para afilhadaonto de encesto fui pega minha filinha no preConto mete ai ai uiui no cuminha esposa de shortinho na obra contocontos paguei pelo cuzinhocontos de mulher transando com negão p******Cuidando do meu pai acidentado contos de incesto femininocontos gay o menino que era um femea escondidoe Deus que cavalo inteiro transando ai ele tem pinando amolecer botar a mão na orelha Ela empinacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentesexo em okinawa casada flagarelatos nossa que cdzinhalindacontos eroticos comi o cuzinho da minha colega de trabalho no estoque real