Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MAMÃE DEUSA, MINHA AMANTE III

...Fomos almoçar na sala, a Flavinha já havia ido embora, estávamos sozinhos e super excitados, era tudo o que eu queria para poder desfrutar finalmente de uma mulher inteiramente perfeita, minha mãe, minha Sara, minha Deusa. Ela ainda estava de biquíni, provocando ainda mais, ela também estava louca para transar, eu percebia, mas ainda estava receosa por eu ser filho dela, mesmo com a magnífica chupada que ela deu no meu pau, ela continuava indecisa __Mãe, o que você fez hoje eu nunca vou esquecer__, __Filho, eu também gostei muito, mas ninguém pode saber, querido__, __Isso vai ficar entre mim e você, mãezinha__ mamãe ficou feliz e disse __Anjinho, você não quer mais nada da mamãe?__, __Quero sim, mãe, eu ainda não vi o seu corpão nu, me mostra?__, __Mostro sim, meu amor... Se você me mostrar de novo o seu caralhão__, __Fechado, mãezinha__ ela se levantou, pegou minha mão e me levou até o sofá, me fez sentar e tirou a toalha ficando somente com o biquíni mínimo, foi até o som e colocou uma música bem sensual __Tira a sunga, meu anjinho, deixa o cacetão bem durão, que eu me excito ainda mais__ e começou a dançar de um modo bem safado, melhor que uma profissional de streep tease, passava a mão por todo o corpo, apertava os seios, se agachava abrindo as pernas, deixando a bucetona toda exposta, começou a tirar a parte de cima do biquíni, meu pau já estava totalmente duro, pulsando __Que cacete gostoso, filho! É muito grande, deve rasgar muita bucetinha, querido__, __É por isso que eu prefiro os bucetões, mãe__ disse isso enquanto passava a mão de leve em sua buceta __Ai, meu amor, filhinho, assim eu gozo__ e continuou a dançar enlouquecida, rebolando o rabão, passando a mão e dando tapas nas ancas gostosas __Bate nessa bundona gostosa que você adora e te deixa com o caralhão bem duro e grosso__ dei dois tapas de levinho naquele monumento, ela gemeu de prazer e desceu a bunda até meu pau roçando nele de levinho __Gosta do meu cuzão, filhinho, hein, gosta? Esfrega o pauzão nele, vai, meu amor__ peguei naquele rabão delicioso, segurei meu pau e fiquei esfregando, batendo com o pau nas bandas carnudas, abri com as mãos as bandas __Quer ver dentro do meu regão, querido? Quer fazer o que com a mamãe?__, __Enfiar meu pau aqui nesse culhãozão, mãezinha__ disse enquanto afastava sua calcinha e enfiava um dedo no cuzão __Aiiiii ahhhhh nãããããoooo meu anj... anjinhooo, não pode..... come....comer a mamãeeeeee hmmmm, meu amor assim, mete o dedinho, brinca no cuzão que você ama__ mas ela acabou se levantando rápido e continuou o streep, mas agora ela já estava impaciente, querendo levar uma rola na bunda, rebolou muito, ficou de costas empinando o rabão e tirou a calcinha lentamente, ainda de costas e toda empinada, imaginem um mulherão daquele toda empinada deixando o rabão colossal totalmente exposto, ela abriu bem as bandas do cuzão com as mãos e enfiou devagar dois dedos no anelzinho rosado __Mãe, você está me enlouquecendo, vem cá, vem__ mamãe fez que não mordendo um dedinho, aquela cara bem safada e continuou, ela já fez balé e nuazinha começou a fazer uma abertura perfeita, com as pernas totalmente separadas encostando a bucetona no chão, não aguentei e corri até ela mandando ela chupar meu pau, ela prontamente obedeceu e fez a sua magnífica chupeta me olhando com aqueles belos olhos azuis, parava e ficava lambendo os seios que ela trazia até a boca com as mãos __Quer me foder, querido, quer? Eu quero o seu cacete, eu faço tudo o que você quiser, anjinho, sua mãe é uma puta na cama, amor__ peguei ela e levei ao quarto, fomos nos beijando alucinadamente, totalmente nus, aquela mulher alta, mais alta que eu, nos meus braços que tesão!!!, nos agarrávamos encostados na parede, ela pegava e sentia o meu cacete pulsando __Vou querer ele todinho em minha buceta, meu amor, mesmo que não aguente, você vai enfiar e me foder gostoso, querido__, __Vou te comer inteirinha, mamãe__ joguei ela na cama e fui por cima, beijei sua boca, desci pelo pescoço, era um mulherão, havia muito para que eu me deliciasse, por isso gosto de mulheres altas. Aqueles seios fartos eu lambi, mamei e mordi os mamilos bem duros __Meu amor, você é muito gostoso, bem safado, morde, mama__ dizia mamãe enquanto batia uma punhetinha para mim __Me dá seu pauzão querido, coloca ele nas minhas tetas__ uma bela espanhola, ela espremia meu cacete entre aquelas tetas pesadas e gostosas, ainda dava uma chupadinha na cabeça do cacete enquanto eu me movia bem rápido, me deliciando __Tetas gostosas, meu pau tá fodendo suas tetas, mamãe__, __Fode filhinho, fode as tetas da mamãe, goza na mamãe, meu amor__ tirei das tetas e comecei a descer até o bucetão, era lindo e bem grande, muito carnudo, com poucos pentelhos, todos bem loirinhos, um tesão, abri os lábios carnudos e comecei a chupar mamãe __Ahhhh hmmmm meu amor, voc.... aiiiiii meu grelo, to gozando filhinho ahhhhhh__ mamãe gozou se debatendo na cama, puxando as belas madeixas loiras, segurando os seios __Filho, meu anjo, você chupou a mamãe muito bem, nunca ninguém chupou minha bucetinha assim, meu amor__, __Gostou mamãe?__, __Adorei meu amor, agora quero o cacetão na buceta, me fode bem gostoso, amor__ peguei suas pernas e coloquei em meus ombros, a buceta ficou toda exposta, mamãe pegou meu pau __Mamãe te ajuda, filhinho__ e começou a colocar devagar a vara, ela gemia muito __É muito grossa e grande... caralho... não vou aguentar__ Não dei ouvidos e enfiei com mais força até entrar a metade __Filho da puta, tá me rasgando ohhhhhhh aiiiiiiiii tô gozzzzzaaannndo, caralho__ mamãe estava descontrolada gemia e falava palavrão, eu comecei a bombar na buceta carnuda e apertada de mamãe, bem forte enquanto chupava seus seios __Tá gozando, mamãe? Goza na minha pica gostosa, safada rabuda__ Sara gritava de prazer __Enfia mais querido hhmmmm ma.... mamãe.... ta gozando muito .... de no..... novo__ ela me arranhava as costas com as unhas, louca, me virou e ficou por cima __Agora vou me acabar em cima desse caralho__ e cavalgou alucinada __Ma.....mamãe ahhhhh você é muito safada..... su.....sua...... putin.... putona!!!__, __Sou mesmo!!! ahhhhh ohhhhh que cacetão, met.....mete na putona hmmmm__ os seios dela balançavam muito, sempre duros, ela colocava as mãos no meu peito se apoiando para cavalgar melhor e mais forte e eu chupava seus seios gostosos __Ohhhhh me chupa enquanto te fodo, filhinho ahhhhh tá gost.....hmmmmm gostando da bucetinha da mamãe hmmmm? __, __Adorando mamãe, você tá gostando do meu cacetão te fodendo?__, __Aiiii meu amor, adoro o seu ca.... ahhhhh cacet.....aiiiiii cacetão, todo mundo quer me comer... mais eu sou sá sua, meu amor hmmmm... de mais ninguém!!! ahhhh, me fode querido, me fode muito!!!__ segurei bem forte o seu rabão e intensifiquei as metidas junto com as cavalgadas dela, ela estava gozando de novo, segurei forte enfiando muito fundo, ela gritava, seu suor escorria pelos seios caindo em pingos pelos seus mamilos chupados por mim, fodia muito olhando minha mãe, uma deusa cavalgando em mim, os seios fartos, a barriguinha perfeita, o rosto de rainha, contraído com o gozo maravilhoso dela __Aiiiiiii meu ammmmooorrrrr toooo gozanndo de novo, eu sou so suaaaaaaaaa ahhhhhhh sá sua para sempre, filhinho__, __Mãe, sua buceta é uma delícia, bem gostosa!!!!__, __Mamãe dá a xoxotona sá pra você, filhinho, a partir de hoje ela é sá sua, quando quiser__ enquanto metia nela enfiei dois dedos no cuzão fazendo-a gozar de novo __Fode o meu rabão com os dedinhos, fode safadinho ahhhhhh ele é todinho teu, amorzinho aiiiii to gozandoooo__ ela tinha orgasmos múltiplos, minha deusa, virei ela de lado, levantei sua perna e cravei de novo __Meu filho não se cansa ahhhhhh__, __Nunca vou me cansar com um mulherão na cama como você, mamãe__, __Então enfia forte, queridinho da mamãe__ meti muito na buceta dela naquela posição, dava tapas na bundona dela e ela ia a loucura __Bate no meu cuzão, meu anjinho ahhhhhhh asssssimmmmm vou gozar meu ammmmooorrrrr aiiiiiii__ mamãe gozava muito, estava com o corpo molinho já __Você tá acabando comigo, querido__, __Te quero de quatro agora, mãezinha__ mamãe virou e ficou de quatro com a cara enterrada no travesseiro, arreganhou bem a colossal bunda e abriu com as mãos __Acha sua mãe gostosa, meu amor? Quer me comer sempre? Quer? Que bom! Então mete na minha buceta por trás, eu adoro...assim... bem fundo ahhhhhh mete na buceta da sua mãe, moleque ohhhhh como meu filho é gostoso!!!! aiiiiiii__ meti tudo até o fundo daquela buceta gostosa, a vista era deliciosa, mamãe de quatro com o rabão gostoso virado para mim levando minha rola na buceta gemendo muito, segurei sua bunda forte e aumentei ainda mais as estocadas naquele mulherão, dava muitos tapas na bundona dela, a cada tapa era um gemido dela __Isso ohhhhh bate na sua safada aiiiiii eu preciso de cas...... castigo, tô fodendo com meu filhinho gostoso hmmmmm__ eu segurava seus cabelos loiros, puxava enquanto metia naquela bucetona, trazia o rosto dela até minha boca e beijava aquela boca linda, enrolava língua fora da boca, loucura mesmo __Isso minha égua, rebola esse cuzão no meu caralho__ mamãe fazia um rebolado maravilhoso, bem ritmado, ela era uma verdadeira puta na cama __Hmmm ohhhh Ninguém nunca me ahhhhhh com....comeu asssimmm, filhinho, você... é.... mui... muito malvado, vou te castigar depois, ah vou hmmmm__, __Ai minha deusa, eu sou todo seu__ meu gozo estava quase chegando, mamãe já estava acabada de tanto ser fodida pelo meu cacete, mas mesmo assim me mostrou o quanto ela era uma puta preparada, me empurrou para trás sentando no meu cacete me fazendo gemer com a enterrada brusca, se virou pra mim e disse __Agora relaxa, amorzinho, que vou te mostrar o quanto sua mãe sabe foder gostoso sá com você__ colocou suas mãos no meu peito encostou as tetonas no meu corpo me enlouquecendo de tesão me fazendo chupar e começou a fazer contrações com a xotona dela, contraia e relaxava me deixando totalmente fora de controle __Ohhhh Mãe aiiii o qu...que vo....hmmmm ta faaz.. ahhhhh fazendoooooo__ e acabei gozando muito em sua bucetona, dava pra ver a porra toda escorrendo pela bucetona de mamãe, ela passava a mão na buceta alisando o meu pau e pegando a porra para depois lamber __É bem docinha sua porra, meu menino levado, fodendo o prápria mãe e acabando com ela de tanto meter essa rola, rola não rolão, caralhão!!!__ disse enquanto alisava minha pica __Sabe o que eu fiz meu amor? Chama pompoarismo, aprendi quando ainda era casada com seu pai__, __É maravilhoso mãe, vou querer sempre!!!__, __Eu é que quero trepar com você sempre, meu anjinho!!!__, __Sempre vou transar com você mãe, você é a mulher da minha vida, eu te amo__, __Eu também te amo, meu amorzinho, e sou sá sua__ mamãe saiu com cuidado de cima do meu pau e deitou ao meu lado me abraçando, um mulherão, alta, com aqueles cabelos lindos loiros me abraçando, cuidando de mim depois de uma foda fenomenal como essa Estávamos exaustos, ficamos nos beijando, jurando amor eterno __Mamãe, você é muito safada na cama, mas ainda faltou uma coisinha__ ela riu e disse me beijando __Eu sei o que você quer, meu amor, quer o meu rabão, não é?__, __Quero muito, minha deusa__, __Filhinho, eu nunca dei o cu pra ninguém, sabia? Nem pro seu pai!!!__, __Nunca!!! Mas porque, nem o papai? Com esse rabão em casa eu chupava e comia todos os dias__, __Ai filho, você é muito safadinho mesmo, comia mesmo? Mas deve doer muito ainda mais com essa sua picona!!! __Mas eu quero mãezinha, principalmente agora que eu sei que a você é virgem no cuzão, eu quero ser o primeiro!!!__, __Tá bom filhinho, eu te amo muito e deixo você enfiar no meu cuzão que você tanto gosta, mas com carinho para não doer__, __Que bom, mãe!!!__, __Mas acalme-se garoto, agora não que estou muito cansada. E eu que pensava que eu era insaciável, meu filho é pior do que eu... ainda bem!!!__ disse me beijando e me abraçando, dormimos o resto da tarde e a noite, ainda exaustos, ela não resistiu e me chupou outra vez __É a chupada de boa noite, querido, goza na boquinha da mamãe__ e gozei, gozei muito de novo, ficamos nisso nesse dia, mas tive sonhos maravilhosos de minha mãe gemendo muito enquanto levava minha imensa pica no seu fenomenal rabo. Continua... Se gostaram dessa primeira parte do relacionamento entre mim e minha mãe, por favor escrevam bastante, falando sobre experiências semelhantes ou qualquer outra coisa bem excitante, estarei pronto a responder todos os e-mails que me mandarem e se esses contos tiverem boa aceitabilidade mandarei o conto narrando como foi a enrabada que dei em mamãe.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


www.contos eroticos policiais.com.brAbrindo as pernas para o sobrinho contoconto de sexo Fodeno minha irma e minha maecontos eroticos com transvoyeur de esposa conto eroticomoranade bct Grande batendo um pra amiga contos eroticos viuva fazendamuleque batendo punheta contosempregada é chatagiada pelo patra e tem qui sar a bucetacontos eroticos de incesto inversão com mãe e filhinhocontos eroticos mulher castiga o homem emagando o saco e dando soco no saco olha o pezinho dela todo gozadinhoquero ver duas mocinhas branquinhas estragando a bucetinha na outracontos eroticos pegano amiga da primaler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscontos minha filha gemia no quarto delazoofilia levei o cachorro para o celeirorelatos eroticos esposas estupradasaguentei o pau groso. contocontos eróticos infânciaconto cdzinhadecote peituda contoscontos eroticos arrombando a gordamarido chama primo pra tranzar com sua espozaconto caminhoneiro eroticoContodeputaMelhores contos eroticos sobre bem.dotadoaproveitam da inocência da mulher b******* na academia conto eróticocontos eroticos eu ea minha mulher gostamos de rolasmeu cu aberto e ardido de picacasa dos contos flagrei meu filho fudendo o xoxotao da minha irma e sobrinha putonascontos eroticos de virgems estrupadas no mato por 2contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos comiminha primaconto eróticos ninfetinha q gosta de pica peitos cai de bocaconto erotico gay comendo o genroconto ganhando mamadeira de porravomitando contos eróticosmulher pelada passa mantiga com pao na buseta e no cuporno babalu pede pra não gozar antes do tempocontos eróticos rola babonacontos eroticos minha sogra de calcinha rendaporn contos eroticos esposa de coleiracontos a mulher do meu amigo queria um pau grandenovinha que queira trocar msg e gozar muitocom as bolas cheia de porra pra minha mulher contos eroticoscontos de cornos asumidos 2005incesto meu sobrinho contos eroticocontos eroticos sou casada minha irma deixou meu sobrinho em casacontos eroticos mulhersibha do papaiFui penetrado com violênciaseduzida por uma lesbica contocontos eroticos esposas arrependidasmulheres lindas de cornos na minha casaconto incesto minha linda maezihaninfetas com vestidos beijando peitoral dos travestisvidios pornu mulhe qUe gota de trasa vetida com fataziaconto erotico orgias okinawa.ufa.rucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteclube dos cornos contos eróticosComtosrelatosreaiscontos eróticos cunhado retardadoChantageei minha tia escrava lesbica contoconto eróticos engravidou esposa do irmao e esposa do sobrinhocontos de sexo com novinhas trepando com advogadosconto erotico evolvendo mae filho e a vizinha rabudacontos de casadas liberadaporno ex-namorada baixinha olhos claros da cintura da bundona gostosaContos eróticos: acordava cedinho p levar rolaContos eróticos gay Comido pelo Amigo do meu paigay "engole vagabunda" contorola na madrinha/contoeu e meu irmao contoscomtos eroticosgarotaspeladas com cu e a bunda melada de manteigacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosaconto erotico comi o cu da minha irma em casacontos eróticos vendedor externofudi as dua sobrinhas de nove e onze anos contocuzinho de entiada contos veridicovoyeur de esposa conto erotico